46 exemplos de metonímia

A metonímia é uma figura de linguagem que consiste na substituição de uma palavra por outra, com base em uma relação de proximidade ou associação entre elas. Neste artigo, apresentaremos 46 exemplos de metonímia, demonstrando como essa figura de linguagem é amplamente utilizada na comunicação cotidiana e na literatura. Ao explorar esses exemplos, será possível compreender melhor como a metonímia contribui para enriquecer a linguagem e transmitir significados de forma mais criativa e impactante.

Exemplos de metonímia: Você sabe identificar quando ocorre essa figura de linguagem?

A metonímia é uma figura de linguagem que consiste em utilizar uma palavra ou expressão no lugar de outra, com a qual mantém uma relação de proximidade ou associação. Ela pode ser encontrada em diversos contextos, desde a literatura até o nosso cotidiano, e muitas vezes passa despercebida.

Um exemplo clássico de metonímia é quando utilizamos a palavra “copo” para nos referirmos à bebida que ele contém, como em “Gostaria de um copo de água?”. Neste caso, o objeto é utilizado para representar o seu conteúdo.

Outro exemplo comum de metonímia é quando usamos a expressão “ler Shakespeare” para nos referirmos à leitura das obras do autor. Aqui, o nome do autor é utilizado como uma maneira mais sucinta de se referir às suas obras.

Identificar a metonímia pode ser um exercício interessante para ampliar o nosso repertório linguístico e compreender melhor as nuances da comunicação. Fique atento às substituições e associações de palavras em seu dia a dia e perceba como a metonímia está presente em diversos discursos e textos.

Dicas para identificar metonímia de forma eficiente em textos e discursos.

Para identificar metonímia de forma eficiente em textos e discursos, é importante ficar atento a algumas dicas que podem te ajudar a reconhecer esse recurso literário. A metonímia consiste na substituição de um termo por outro, com base em uma relação de contiguidade ou proximidade entre eles. Para facilitar a identificação da metonímia, aqui vão algumas dicas:

1. Preste atenção ao contexto: Um dos primeiros passos para identificar a metonímia é analisar o contexto em que ela está inserida. Observe se há uma relação de proximidade entre os termos utilizados.

2. Observe os termos utilizados: Fique atento aos termos que são utilizados no texto ou discurso. Se houver uma substituição de um termo por outro que mantenha uma relação de proximidade, pode ser um indício de metonímia.

3. Busque por associações: Procure por associações entre os termos utilizados. Muitas vezes, a metonímia é utilizada com base em associações comuns no imaginário coletivo.

4. Analise o efeito produzido: Observe o efeito produzido pela substituição do termo. A metonímia geralmente cria um efeito de sentido que vai além do significado literal das palavras.

Com essas dicas em mente, fica mais fácil identificar a metonímia em textos e discursos. A prática constante de análise e interpretação de textos também pode te ajudar a aprimorar suas habilidades nesse sentido. Agora, vamos conferir alguns exemplos de metonímia para ilustrar essas dicas:

Relacionado:  María Zambrano: biografia, filosofia e obras

Entenda a metonímia com exemplos e definição no Brasil Escola.

A metonímia é uma figura de linguagem que consiste em substituir um termo por outro, com o qual mantém uma relação de proximidade ou associação. Nesse processo, uma palavra é utilizada no lugar de outra, havendo uma relação de contiguidade entre elas. Essa figura de linguagem é muito comum na comunicação do dia a dia e pode trazer um efeito de sentido bastante interessante.

Por exemplo, quando dizemos “o Brasil venceu a partida”, estamos utilizando a metonímia, pois o termo “Brasil” está sendo empregado no lugar da seleção brasileira de futebol. Outro exemplo comum é quando falamos “preciso de um copo d’água”, onde o termo “copo” está sendo usado no lugar de “água”.

A metonímia está presente em diversos contextos, como na literatura, na publicidade, na política, entre outros. Ela é uma forma de enriquecer a linguagem e tornar a comunicação mais criativa e expressiva. Além disso, a metonímia pode ser utilizada para criar um efeito de sentido específico, chamando a atenção do leitor ou ouvinte para determinados aspectos da mensagem.

Agora que você já entendeu o que é metonímia, confira a seguir 46 exemplos dessa figura de linguagem:

Exemplos de metáforas: o poder das palavras na linguagem figurada.

As metáforas são figuras de linguagem que utilizam palavras em sentido figurado para expressar ideias de forma mais criativa e impactante. Elas são capazes de transmitir significados profundos e despertar emoções no leitor ou ouvinte. Neste artigo, vamos explorar 46 exemplos de metáforas que ilustram o poder das palavras na linguagem figurada.

Uma metáfora comumente utilizada é “o mundo é um palco”, que sugere que a vida é como uma peça teatral, com cada pessoa desempenhando um papel. Outro exemplo é “o amor é uma chama”, comparando o sentimento amoroso a uma chama que pode ser alimentada ou apagada.

Outras metáforas famosas incluem “o tempo voa”, indicando que o tempo passa rapidamente, e “a vida é uma estrada”, representando a jornada da vida como um caminho a ser percorrido.

É importante notar que as metáforas não devem ser interpretadas literalmente, mas sim como recursos estilísticos que enriquecem a comunicação. Ao utilizá-las, é possível criar imagens vívidas e estimular a imaginação do leitor.

Em resumo, as metáforas são ferramentas poderosas que permitem expressar ideias de forma mais poética e envolvente. Ao explorar os exemplos apresentados neste artigo, é possível compreender melhor o impacto das palavras na linguagem figurada.

46 exemplos de metonímia

O metonimia é uma figura de voz é atribuída a um objecto ou a ideia nome de um outro elemento por meio da relao de encosto. Por exemplo, chame salt to salt pelo fato de que esse é o conteúdo.

Relacionado:  Os 4 níveis de linguagem e suas características

A palavra metonímia vem dos termos gregos “meta” (mudança de significado) e “onoma” (nome), então, em geral, você pode dizer que metonímia é a mudança de nome de uma coisa ou idéia .

46 exemplos de metonímia 1

As relações de contiguidade mencionadas acima podem ser de vários tipos:

1-Conteúdo e container

2-Causa e efeito.

3-Produto e produtor

4-Autor e trabalho.

5-Símbolo e significado.

6-Instrumento e artista.

7-Zone e produto

Nesse aspecto, a metonímia difere da metáfora porque, nesses, a relação estabelecida entre os dois elementos constituintes é semelhante.

I- Exemplos de metonímia: conteúdo e contêiner

  1. Passe-me o sal (passe-me o saleiro que contém o sal)
  2. Me dê água (me dê um copo de água).
  3. Ele pegou quatro copos para não aguentar (ele pegou quatro copos contendo vinho).
  4. Trouxemos duas garrafas (trouxemos duas garrafas contendo vinho).
  5. Ele disse que não estava com fome, mas comeu dois pratos cheios (ele disse que não estava com fome, mas comeu dois pratos cheios de comida).
  6. Ele fumava cachimbo enquanto aprecia a paisagem ao pôr do sol (ele fumava tabaco no cachimbo).
  7. Todos os dias, meu tio fuma três maços (meu tio fuma três maços de cigarro).
  8. O país propõe certas reformas (o governo do país propõe certas reformas).
  9. Ele perdeu a cabeça (ele perdeu a cabeça).

II- Exemplos de metonímia: Causa e efeito

  1. Foi queimado pelo sol (foi queimado pelo calor do sol).
  2. As plantas precisam do sol para poder fazer fotossíntese (as plantas precisam da luz solar para poder fazer a fotossíntese).
  3. O mar me deixa tonto (o movimento das ondas do mar me deixa tonto).
  4. Naquela casa, falta o pão (devido ao desemprego).
  5. Minha razão de viver (a coisa mais importante na minha vida: meus filhos, meu trabalho, entre outros).
  6. Ele morreu de parada cardíaca (a verdadeira causa da morte foi uma doença ou uma situação que enfraqueceu o corpo, gerando parada cardíaca).
  7. Ele morreu de AIDS (na realidade, as pessoas não morrem da Síndrome de Imunodeficiência Adquirida, mas essa condição enfraquece o sistema imunológico, tanto que as pessoas podem morrer de uma gripe simples).

III- Exemplos de metonímia: Produto e produtor

  1. Ele usava Ray-Ban mesmo que fosse noite (ele usava óculos escuros mesmo que fosse noite).
  2. Ele pediu que ela se casasse com uma Tiffany (ele pediu que ela se casasse com um anel da marca Tiffany).
  3. Não importa em que época fosse, a garota sempre usava Converse (a garota sempre usava tênis).
  4. Eu acho que a Renault é ótima (acho que os carros da Renault são ótimos).
  5. No tapete vermelho, a atriz usava um Versace preto (ela usava um terno preto feito pela casa de moda Versace).
  6. Ele gostava de usar Crocs porque eles eram mais confortáveis ​​(ele gostava de usar sapatos Crocs porque eram mais confortáveis).
  7. Ele recomendou o uso de Timberlands por razões de segurança (ele recomendou o uso de botas Timberland por motivos de segurança).
  8. Ele tinha um Rolex que herdara do pai (ele tinha um relógio Rolex que ele herdara do pai).
  9. Depois de tanto tempo, finalmente consegui comprar um Lamborghini (consegui comprar um carro da empresa Lamborghini).
Relacionado:  Literatura Moderna: História, Características, Autores e Obras

IV- Exemplos de metonímia: autor e obra

  1. Nesse museu, três Van Gogh são exibidos (nesse museu, três pinturas pintadas por Vincent Van Gogh).
  2. Você acha que é um Picasso original? (Você acha que é uma pintura original de Picasso?)
  3. Não li muito para Rainer Maria Rilke (não li muito o trabalho de Rainer Maria Rilke).
  4. Eu amo literatura Kafka (eu amo o trabalho de Franz Kafka).
  5. Conheço Howard Phillip Lovecraft (conheço o trabalho de Howard Phillip Lovecraft).
  6. Na minha coleção particular, tenho três Dalí (na minha coleção particular, tenho três pinturas pintadas por Dalí).
  7. Tem uma prosa dantesca (tem uma prosa semelhante à de Dante Alighieri).
  8. Eles estavam leiloando um Rembrandt (eles estavam leiloando uma caixa de Rembrandt).
  9. Nesta semana, estamos tocando Debussy na aula de piano (nesta semana, estamos tocando peças de Claude Debussy na aula de piano).

V- Exemplos de metonímia: símbolo e significado

  1. O crescente planeja uma reunião com a União Europeia (os muçulmanos planejam uma reunião com a UE)
  2. A bota da Europa é reconhecida por sua gastronomia (a Itália é reconhecida por sua gastronomia)
  3. A Casa Branca fará declarações hoje à noite (o governo dos Estados Unidos fará declarações hoje à noite).

VI- Exemplos de metonímia: instrumento e artista

  1. Na convenção, compareceram as melhores penas da literatura contemporânea (os melhores escritores da literatura contemporânea).
  2. Os pincéis trabalhavam rapidamente (os pintores trabalhavam rapidamente).
  3. Os violinos se destacaram por sua precisão (os violinistas se destacaram por sua precisão).
  4. É a melhor espada já vista na competição (é o melhor espadachim já visto na competição).

VII- Exemplos de metonímia: zona e produto

  1. Sherry é um dos meus vinhos favoritos (o vinho feito em Jerez é um dos meus favoritos).
  2. O Reggiano Parmesão tem um sabor incomparável (o queijo produzido em Parma, Reggio, Emilia, Bolonha e Modena tem um sabor incomparável).
  3. Prefiro Rioja a qualquer outra bebida (prefiro vinhos Rioja, Espanha, a qualquer outra bebida).
  4. Não gosto de Bordeaux (não gosto de vinho produzido em Bordeaux).
  5. Brindamos com champanhe (brinde com a bebida original de Champagne, França).

Referências

  1. Metonímia Recuperado em 9 de junho de 2017, de wikipedia.org
  2. O que é metonímia? Recuperado em 9 de junho de 2017, de grammar-monster.com
  3. Metonym Recuperado em 9 de junho de 2017, de thoughtco.com
  4. Exemplos de metonímia. Recuperado em 9 de junho de 2017, de examples.yourdictionary.com
  5. Metonym Recuperado em 9 de junho de 2017, em dictionary.com
  6. Metonym Recuperado em 9 de junho de 2017, de en.oxforddictionaries.com
  7. Metonym Recuperado em 9 de junho de 2017, de merriam-webster.com.

Deixe um comentário