As 10 manifestações culturais mais importantes do Peru

As manifestações culturais do Peru derivam da herança inca e suas subsequentes misturas com a raça branca espanhola, negra da África e do leste do Japão.

Destacam-se principalmente a criação de objetos em cerâmica, litocultura, metalurgia e têxtil; Além disso, expressões como pintura, arquitetura e uma grande diversidade de festivais tradicionais, onde diferentes tipos de música e dança são misturados.

As 10 manifestações culturais mais importantes do Peru 1

O Peru é um dos vinte maiores países do mundo e possui uma grande diversidade de manifestações culturais devido à sua geografia.

Neste país, existem três regiões bem marcadas: a costa, as montanhas e a selva. Cada um deles tem uma grande riqueza cultural.

As manifestações culturais do Peru permanecem vivas principalmente entre quíchua, aimará, asháninka e outros camponeses amazônicos.

O Peru foi o berço da civilização inca durante os séculos XV e XVI, mas séculos antes de Cristo já abrigava populações que deixaram um grande legado cultural.

Entre as manifestações culturais mais reconhecidas do Peru estão a gastronomia e a vivacidade de seus festivais tradicionais. São mais de cinquenta festas por ano, nas quais ocorre uma exibição de música, dança e cores.

10 principais manifestações culturais do Peru

1- Danças

Uma das manifestações culturais mais tradicionais do Peru é a dança. O sincretismo cultural desenvolvido nesta região da América Latina é evidente em cada show de dança.

Existem diferentes tipos de dança; Uma delas é a dança cerimonial, que é realizada durante rituais e está associada a atividades como irrigação, colheita ou plantio.

Outros tipos de dança são o salão de baile, como a polca peruana; e a agrícola, que expressa a relação do homem com a terra e sua produção.

Também há dança de carnaval, misturada com rituais ancestrais, iniciação sexual de jovens e acasalamento de animais; e, finalmente, a dança de caça, como o Llipi Puli, que representa a caça de diversos animais.

Relacionado:  Onde a indústria pesada está concentrada nas Américas?

2- Música

A música peruana é outra manifestação cultural de grande importância. Não está precisamente relacionado ao programa, mas com a natureza, a sociedade e a divindade.

Para se referir à música e dança, manifestações que os peruanos consideram o mesmo elemento, a palavra “taki” é usada.

Vários instrumentos musicais foram herdados do Império Inca, que mais tarde evoluiu ao se fundir com outros da Europa.

Os instrumentos mais conhecidos são pomatinyas, uma espécie de tambor feito de pele de puma; e os guayllaquepas, trombetas feitas com strombus, um tipo de concha do mar.

3- Gastronomia

A culinária peruana é uma das principais manifestações culturais do Peru; Desde 2003, a Unesco o reconhece como patrimônio cultural intangível do mundo e, desde 2007, é considerado patrimônio nacional.

Graças à sua originalidade, aroma, sabor, textura e variedade, tornou-se uma das melhores cozinhas do mundo.

As pollerías, as chifitas do bairro, as picanterías, os anticuchos, as cevicherías e a culinária nikkei são os locais tradicionais onde é possível saborear pratos como arroz de chaufa, chili de frango, causa recheada, olluquito com charqui e A chicha roxa.

4- Arte folclórica

A maior festa de arte folclórica é realizada na Plaza Mayor da cidade de Cuzco. Lá, os artesãos oferecem suas obras a preços muito baratos.

No Peru, existe uma forte relação com o trabalho, os antepassados ​​e a comunidade a que pertence. Por esse motivo, em todos os produtos manuais ou artesanais feitos, esses conceitos são impressos em formas de desenhos.

As famílias herdam por gerações o desenvolvimento de técnicas de elaboração de diversas peças artesanais, nas quais a beleza e a sabedoria são combinadas.

5- Patrimônio histórico

O Peru mantém edifícios importantes que são considerados patrimônio histórico da humanidade.

Relacionado:  Raymond Robinson: A lenda do homem verde

O Santuário Histórico de Machu Pichu é um deles. É uma obra arquitetônica construída em 1450, entre a encosta oriental da cordilheira central, ao sul do Peru.

Durante o Império Inca, foi um importante centro cerimonial, mas em algum momento tornou-se o palácio dos principais líderes.

Outra construção considerada patrimônio histórico é o Centro Arqueológico de Chavín, construído entre 1.500 e 500 aC

Outros monumentos importantes são a zona arqueológica de Chan Chan, uma cidade que estava sob o domínio do Império Inca; e a cidade sagrada de Caral, 5.000 anos. Esta última é considerada a cidade mais antiga da América.

6- Festas tradicionais

Os festivais tradicionais do Peru estão relacionados à religião e às raízes indígenas.

Entre os festivais mais reconhecidos, está o Qoyllur Riti, um feriado religioso que ocorre nos meses de maio e junho, nas encostas da neve de Ausangate, na região de Cuzco.

É também uma importante manifestação cultural do Peru o ritual de renovação da ponte de Queshuachaca, na província de Canas, em Cusco. Dura quatro dias e é desenvolvido em torno de um modelo de trabalho usado durante o Império Inca, conhecido como “minka”.

La Eshuva, a Festa da Virgen da Candelária e Corpus Christi são outros importantes festivais tradicionais do Peru

7- Têxteis

A elaboração manual de têxteis é outra manifestação cultural do Peru, desenvolvida desde o período pré-inca.

Os tecidos peruanos são famosos em todo o mundo por serem considerados autênticos; os insumos utilizados são altamente valorizados, incluindo fibra de alpaca e algodão Pima. O mais reconhecido é o têxtil Taquile, na região de Puno.

8- Medicamentos

As formas medicinais tradicionais foram por muito tempo consideradas uma manifestação cultural no Peru, graças à conservação das tradições indígenas.

Relacionado:  10 Consequências do deslocamento forçado

Atualmente, a diversidade de plantas medicinais é a contribuição para o desenvolvimento de medicamentos alopáticos.

9- Artesanato

O artesanato peruano tem sua origem nas civilizações antigas que habitavam a ilha, especialmente as culturas Pucará, Tiahuanaco, colla e Inca.

O artesanato mais conhecido são as esculturas em pedra, cerâmica e têxteis.

10- Idiomas

O Peru possui mais de 60 idiomas, dos quais 17 são famílias de idiomas da Amazônia; estes são subdivididos em 39 idiomas diferentes, com seus próprios dialetos.

A língua aimara e o quíchua continuam sendo os mais utilizados.

Referências

  1. Huntington, Samuel P. (1996) O choque de civilizações e a reconstrução da ordem mundial. Simon & Schuster, Nova Iorque.
  2. Mendez, Cecilia (1993) Incas sim, índios não: notas para o estudo do nacionalismo crioulo no Peru. IEP, Lima.
  3. Bolaños, C. (1981).Música e dança no antigo Peru . Museu Nacional de Antropologia e Arqueologia, Instituto Nacional de Cultura.
  4. Cook, I. e Crang, P. (1996). O mundo em um prato: cultura culinária, deslocamento e conhecimentos geográficos. Journal of Material Culture, 1 (2), 131-153.
  5. Matta, R. (2010). “L’indien” à mesa nos restaurantes de Grands em Lima (Pérou). Anthropology of food, 7, acesso em 25 de julho de 2011, aof.revues.org

Deixe um comentário