História do Durango: Principais Características

Durango é um estado localizado no norte do México, conhecido por sua rica história e cultura. Suas principais características incluem uma arquitetura colonial bem preservada, uma culinária tradicionalmente mexicana, paisagens deslumbrantes que variam de montanhas a desertos, e uma população diversa composta por povos indígenas e descendentes de colonizadores espanhóis. A história do Durango remonta aos tempos pré-colombianos, passando pelo domínio espanhol e pela independência do México, tornando-se um estado com uma identidade cultural única e fascinante.

Significado de Durango: Descubra o significado e curiosidades sobre essa palavra mexicana tão popular.

Significado de Durango: Durango é o nome de um estado localizado no noroeste do México, conhecido por sua rica história e cultura. O nome “Durango” tem origem na língua indígena Náhuatl, que significa “lugar de muitas árvores”.

O estado de Durango é conhecido por suas paisagens deslumbrantes, que incluem montanhas, desertos e florestas. Sua capital, também chamada Durango, é uma cidade histórica com belos edifícios coloniais e uma atmosfera encantadora.

História do Durango: Durango foi fundado em 1563 por espanhóis que estabeleceram a cidade de Durango como um importante centro de mineração. Durante a época colonial, a região era rica em prata, o que trouxe grande prosperidade para a cidade e seus arredores.

A cidade de Durango também desempenhou um papel importante na história do México, sendo palco de diversos eventos históricos, como a Guerra da Independência e a Revolução Mexicana.

Principais Características: Além de sua história rica e sua beleza natural, Durango também é conhecido por sua culinária tradicional, que inclui pratos como o chile relleno e o pozole. A música mariachi também é muito popular na região, sendo parte integrante da cultura local.

Durango é um destino turístico popular no México, atraindo visitantes de todo o mundo com sua combinação única de história, cultura e paisagens deslumbrantes. Se você está planejando uma viagem ao México, não deixe de incluir Durango em seu roteiro!

Durango: cidade histórica e cultural do México, repleta de belezas naturais e arquitetônicas.

Durango, localizada no noroeste do México, é uma cidade que encanta seus visitantes com sua rica história e cultura, além de suas deslumbrantes belezas naturais e arquitetônicas. Fundada em 1563, Durango possui uma série de monumentos históricos que contam a trajetória do México desde a época colonial até os dias atuais.

Uma das principais características de Durango é sua arquitetura colonial bem preservada, com igrejas, casarões e praças que remontam ao período da colonização espanhola. A Catedral de Durango, por exemplo, é um dos principais pontos turísticos da cidade, com sua imponente fachada e interior ricamente decorado.

Além da arquitetura, Durango também é conhecida por suas belezas naturais, como a Sierra Madre Occidental, que oferece paisagens deslumbrantes e atividades ao ar livre para os visitantes. A cidade também é famosa por seu clima agradável durante todo o ano, tornando-a um destino turístico popular tanto para os mexicanos quanto para os estrangeiros.

Relacionado:  O que é Escrituração?

Durango também é um importante centro cultural do México, com uma série de museus, teatros e festivais que celebram a rica herança cultural do país. A cidade é conhecida por sua gastronomia tradicional, com pratos típicos como o pozole e as gorditas sendo verdadeiras delícias para os visitantes.

Em resumo, Durango é uma cidade que combina história, cultura e natureza de forma única, proporcionando uma experiência inesquecível para aqueles que a visitam. Com suas belezas naturais e arquitetônicas, Durango se destaca como um destino imperdível para quem deseja conhecer o México em sua essência.

Durango Dgo: Conheça as belezas naturais e culturais desse destino encantador do México.

Durango, localizado no México, é um destino encantador que oferece uma combinação perfeita de belezas naturais e culturais. Conhecido por suas paisagens deslumbrantes e rica história, Durango é um lugar que merece ser explorado.

Com mais de 500 anos de história, Durango possui uma série de características que o tornam único. Sua arquitetura colonial bem preservada, como a Catedral Basílica Menor de Durango, é um reflexo do passado glorioso da cidade. Além disso, Durango é lar de uma variedade de museus e galerias de arte, que contam a história e a cultura da região.

A natureza exuberante de Durango também merece destaque. Com suas montanhas imponentes, como a Sierra Madre Occidental, e suas cachoeiras deslumbrantes, como a Cascada de Basaseachi, Durango é um paraíso para os amantes da natureza. Além disso, a região também abriga uma diversidade de flora e fauna, tornando-a um destino popular para ecoturismo.

A gastronomia local de Durango também é uma atração imperdível. Com pratos tradicionais deliciosos, como o chile relleno e o pozole, os visitantes podem saborear a culinária mexicana autêntica enquanto exploram as ruas charmosas da cidade.

Em resumo, Durango é um destino que encanta turistas de todo o mundo com sua combinação única de belezas naturais e culturais. Se você está em busca de uma experiência autêntica no México, Durango é o lugar perfeito para explorar.

Preço acessível do Dodge Durango disponível para compra agora mesmo.

A história do Dodge Durango remonta ao seu lançamento em 1998, quando foi introduzido como um SUV de porte médio para competir no mercado automotivo. Desde então, o Durango passou por várias atualizações e melhorias ao longo dos anos, tornando-se um dos veículos mais populares da Dodge.

Com um design robusto e elegante, o Durango oferece uma combinação única de desempenho, conforto e versatilidade. Seus principais destaques incluem um motor potente, capacidade de reboque impressionante e um interior espaçoso e luxuoso.

Além disso, o Dodge Durango está disponível a um preço acessível para compra agora mesmo. Com opções de financiamento e descontos especiais, você pode levar para casa o Durango dos seus sonhos sem comprometer o seu orçamento.

Se você está procurando um SUV confiável e repleto de recursos, o Dodge Durango é a escolha perfeita. Com sua história de sucesso e principais características, este veículo certamente irá surpreender e superar suas expectativas.

História do Durango: Principais Características

A história de Durango , no México, tem sido caracterizada por grandes lutas e revoltas. Localizado no noroeste do país, o estado de Durango é uma das 32 entidades federativas da República Mexicana.

Nesse estado, a resistência indígena contra o Império Espanhol e o governo federal mexicano durou quase quatro séculos.

História do Durango: Principais Características 1

Durango

Mesmo muitos dos levantes nativos culminaram no extermínio de tribos completas, como no caso de Chichimecas.

No entanto, essas revoltas não eram exclusivas dos aborígines, os mestiços também foram protagonistas de muitos deles. De fato, Durango é o local de origem da famosa e revolucionária Pancho Villa.

Você também pode estar interessado na cultura de Durango ou em seus costumes e tradições .

História de Durango na era pré-colonial

Os primeiros habitantes do que hoje é Durango eram nômades que viviam caçando e coletando.

Os tepeuanos, cuja sociedade era a mais organizada, estão entre os primeiros a começar a praticar agricultura. Isso levou à sedentarização.

Além dos tepeuanos, essa região era habitada por outras tribos como acaxe, apaches, conchos, julimes, tapacolmes, tarahumaras, huicholes, coras, humas, hinas e xiximes. Alguns desses grupos eram muito belicosos e viviam em guerras perenes.

Agora, na chegada dos primeiros colonizadores, a maioria desses grupos indígenas era semi-nômade. Assim, sua economia ainda se baseava principalmente na caça, pesca e coleta.

No entanto, eles realizaram certas atividades agrícolas, de mineração e de produção têxtil, embora marginalmente.

Além disso, eles foram consolidados linguisticamente e organizados em aldeias e cidades. O tipo de moradia variava entre cavernas nas montanhas, adobe e casas de madeira.

Era colonial

A história de Durango na era colonial começa com as primeiras explorações dos europeus nos anos 1562-63.

Durango – acompanhado pelos estados atuais de Chihuahua, Sonora e Sinaloa – fazia parte da província de Nueva Vizcaya durante os primeiros séculos do México colonial.

Enquanto isso, a cidade de Durango, fundada em 1563, serviu como capital da província e como centro da Igreja Católica. Desde a sua fundação até 1965, Francisco de Ibarra percorreu partes da região, construindo assentamentos permanentes.

Nesse sentido, a descoberta da riqueza mineral no estado vizinho de Zacatecas levou à colonização espanhola de Durango.

Com isso, a agricultura e a pecuária foram desenvolvidas para abastecer as comunidades mineiras. Isso trouxe consequências negativas para os povos originais que, por sua vez, causaram sérias revoltas indígenas durante o período colonial.

Relacionado:  Clima Campeche: Destaques Características

Padres franciscanos e jesuítas construíram missões e buscaram a conversão desses povos. No entanto, as tensões continuaram durante a maior parte do século XIX.

Época da Independência

Na era da independência, a história de Durango é marcada por eventos muito significativos. Isso começa com suas primeiras tentativas de alcançar autonomia.

Assim, as aspirações de independência e a crescente agitação social instigaram insurreições e conspirações.

Além disso, o processo constitucional que levou ao estabelecimento da Constituição de Cádiz alimentou disputas entre liberais e conservadores.

Finalmente, no final da década de 1810, as forças realistas foram derrotadas em Durango, consolidando o apoio à independência.

Este estado foi um dos signatários do Plano Iguala em 1821. Esse plano garantiu a independência do México.

A história de Durango durante o Porfiriato

Durante a ditadura de Porfirio Díaz (1876-1911), a mineração passou por um renascimento. Em geral, isso foi motivado pela chegada da ferrovia, pelo fim das incursões indígenas e pelas políticas nacionais que incentivaram os investimentos estrangeiros.

Mas essa riqueza econômica estava concentrada em poucas mãos, o que gerou tensões que alimentaram a Revolução Mexicana (1910-1920).

Em 1911, os líderes revolucionários assumiram o controle de Durango, embora tenha sido em 1917 quando o estado adotou uma nova constituição.

Era pós-revolução

As disputas e tensões se seguiram após a revolução. Por exemplo, os protagonistas dos seguidores de Pancho Villa e Venustiano Carranza, dois líderes revolucionários. Nas décadas que se seguiram, a reforma agrária também foi motivo de desacordo.

Nos últimos tempos, embora a pecuária, a agricultura e a mineração tenham se recuperado após a Revolução Mexicana, a situação econômica tem sido instável.

Devido à aridez da terra, o setor agrícola permanece vulnerável à seca e principalmente às variações no preço do algodão.

Além disso, a produção em algumas minas (incluindo o Cerro de Mercado) diminuiu. Essas condições incentivaram a emigração.

Referências

  1. Durango (s / f). Em Go Gringo. Recuperado em 1 de novembro de 2017, de gogringo.com.
  2. Standish, P. (2009). Os Estados do México: um guia de referência para história e cultura. Connecticut: Greenwood Publishing Group.
  3. Pacheco Rojas, J. (2016). Durango História curta. Cidade do México: Fundo de Cultura Econômica.
  4. Durango (s / f). Na Enciclopédia de Municípios e Delegações do México. Recuperado em 1 de novembro de 2017, do century.inafed.gob.mx.
  5. Schmal, JP (s / f). A história do Durango indígena. Recuperado em 1 de novembro de 2017, de houstonculture.org.
  6. Pasztor, SB (2004). Durango Em DM Coerver, SB Pasztor e R. Buffington, México: Uma Enciclopédia da Cultura e História Contemporâneas, pp 147-150. Califórnia: ABC-CLIO.
  7. Durango (s / f). Na Enciclopédia das Nações. Recuperado em 1 de novembro de 2017, de Nationsencyclopedia.com.
  8. Saragoza, A. (2012). México Hoje: Uma Enciclopédia da Vida na República, Vol. 1. Califórnia: ABC-CLIO.

Deixe um comentário