Os 10 problemas ambientais mais importantes da Venezuela

Os problemas ambientais mais prementes da Venezuela são a poluição da água e do ar , o perigoso acúmulo de resíduos sólidos das cidades, a degradação do solo e o desmatamento.Da mesma forma, incêndios florestais, poluição visual e sônica, tráfico de vida selvagem e mineração ilegal são problemas muito sérios que têm aumentado e não estão sendo tratados com eficácia.

Esses problemas são causados ​​principalmente pelo aumento das populações urbanas e rurais, pela violação das normas ambientais, pela industrialização e pela exploração indiscriminada dos recursos minerais.

Os 10 problemas ambientais mais importantes da Venezuela 1

O desmatamento é um dos principais problemas ambientais da Venezuela

Mas as políticas estaduais de proteção e preservação do meio ambiente também não estão tratando razoavelmente esses múltiplos problemas que aumentam a cada dia.

Pelo contrário, o Estado decidiu eliminar o Ministério do Poder Popular para o Meio Ambiente, enfraquecendo sua hierarquia, subordinando-o a uma dependência do Ministério da Habitação, Habitat e Ecossocialismo, de criação recente.

Principais problemas ambientais da Venezuela

1- Poluição da água

É um dos principais problemas de poluição que o país tem em todos os níveis. A poluição da água é observada no mar e nas praias, em lagos, rios, lagoas e outras fontes de água.

A causa desse problema é principalmente a água não tratada de indústrias e residências nas cidades.Uma das indústrias mais poluentes é a dos hidrocarbonetos, que gera poluição permanente com frequentes derramamentos de óleo no mar.

A área mais afetada por derramamentos de óleo é a costa sudeste do Golfo da Venezuela. A este problema deve ser adicionado o despejo de resíduos industriais e produtos da indústria petroquímica nas praias e costas do estado de Falcon.

Além disso, a indústria de petróleo deposita seus resíduos industriais em outros corpos de água, como o lago Maracaibo, também contaminando a água doce.

A explosão de oleodutos pelos guerrilheiros na Colômbia era até recentemente uma fonte de contaminação dos rios venezuelanos, a jusante.

Os turistas e habitantes das áreas costeiras também são culpados de contaminação depositando recipientes de plástico e vidro e outros resíduos sólidos nas praias e rios.

Estudos oficiais indicam que, além do Lago Maracaibo, os rios e lagos mais poluídos do país são: o Guaire e o Tuy na região da capital, o lago de Valência e os rios tributários e os rios Tocuyo e Aroa e seus vales.

Os rios Neverí, Unare, Manzanares e Guarapiche também estão contaminados, com seus afluentes na região leste da Venezuela.

2- Poluição do ar

As emissões de gases tóxicos pelas indústrias da região da capital e da região central, além de outras áreas do país, poluem o ar na Venezuela.

Apesar de ser uma grande fonte de poluição, medidas não são aplicadas para combater esse problema. Entre as indústrias aéreas mais poluentes estão também as indústrias de petróleo e petroquímica.

Outras indústrias estabelecidas em cidades industriais como Valência, Maracaibo, Caracas e Puerto Ordaz também estão gerando poluição ambiental diária.

Não menos poluentes são as emissões de milhões de veículos particulares e transporte público que circulam diariamente no país.Muitos desses carros têm o sistema de escape em mau estado, portanto a poluição é maior.

As cidades mais densamente povoadas, especialmente na região da capital e na região central, são quase diariamente cobertas por uma densa camada de poluição atmosférica.

3- Poluição do solo

Esse problema ocorre principalmente nas áreas agrícolas do país, localizadas nas regiões andina, centro-oeste e planície.

Grandes territórios férteis que estão sendo usados ​​para fins agrícolas estão contaminados ou degradados com pesticidas, herbicidas e fertilizantes químicos.

O uso indiscriminado dessas substâncias deteriora progressivamente a qualidade dos solos, até que se tornem inúteis e estéreis.

A resistência a esses venenos que desenvolvem algumas pragas que invadem as plantações faz com que os agricultores usem produtos químicos mais fortes sempre.

Isso acelera a degradação dos solos, os danos ao meio ambiente e ao ser humano, devido à contaminação de alimentos e água.

4- Acumulação de resíduos sólidos

Hoje, esse é um problema sério na Venezuela, devido às falhas cada vez mais recorrentes nos serviços de coleta e limpeza urbana.

Na maioria das cidades do país, grandes e pequenas, centenas de milhares de toneladas de lixo estão se acumulando, gerando poluição atmosférica e visual.

Também não existem estações de tratamento de resíduos sólidos para descarte ou reciclagem; portanto, não há aterros sanitários.A maioria desses depósitos de lixo ao ar livre já está esgotada e polui o meio ambiente.

Não há cultura ambiental no país, nem planos em execução para promover a manutenção da limpeza nas cidades pela população.

5- Poluição visual

Devido ao problema do acúmulo diário de resíduos sólidos nas cidades e arredores, parte da poluição visual que a Venezuela sofre atualmente é gerada.

Milhões de toneladas de lixo afetam a paisagem nas ruas e urbanizações das cidades, mas também nas áreas rurais.

Quando os aterros sanitários são fechados ou saturados com lixo, os resíduos são despejados ilegalmente em áreas verdes.

Propaganda política e publicidade comercial postada em paredes, muros e cercas são outra fonte de poluição visual nas cidades e estradas.

Ultimamente, devido ao abandono do governo, a deterioração progressiva das estradas terrestres, infraestrutura pública e privada, móveis urbanos, entre outros aspectos, foi gerada. Isso contribuiu para aumentar esse tipo de poluição.

6- Desmatamento

A destruição de florestas e selvas, de áreas naturais protegidas, como parques nacionais e reservatórios de flora e fauna, é outro problema ambiental que afeta o país.

Devido à atual exploração de petróleo e mineração, grandes áreas de floresta e selva na Venezuela estão sendo desmatadas e destruídas quase irreversivelmente. Isso está acontecendo de forma alarmante nos estados de Bolívar e Amazonas.

Da mesma forma, outros territórios verdes estão sendo desmatados para fins agrícolas ou urbanos, causando sérios danos aos ecossistemas e à flora e fauna nativas.

7- Mineração ilegal

Paralelamente ao desmatamento, está a poluição causada pela mineração ilegal na região sul do país.Exércitos de mineradores legais e ilegais estão gerando verdadeiros ecocídios em grandes territórios ricos em recursos de mineração (ouro, diamantes, coltan, entre outros).

Além dos danos causados ​​ao meio ambiente, a mineração é uma fonte de violência nesses territórios controlada por máfias em 85%, segundo estimativas da Câmara de Mineração.

Por exemplo, em 2006 a produção legal de ouro na Venezuela foi de 14,7 toneladas e em 2015 esse número foi reduzido para menos de uma tonelada.

8- Poluição sonora

A falta de regulamentação ou aplicação de normas que regulam o ruído, principalmente nas cidades, é outro dos problemas ambientais sofridos pelo país.

O barulho causado pelas cornetas dos veículos nos horários de pico e nos engarrafamentos é ensurdecedor. Também nas áreas industriais próximas às urbanizações.

Não menos poluentes são os equipamentos de som com música alta em boates localizadas em áreas residenciais, em residências particulares ou em veículos durante a noite e o dia.

9- Tráfico de espécies selvagens

O tráfico de espécies tornou-se uma séria ameaça ao meio ambiente devido ao impacto que isso causa nos ecossistemas selvagens.

Populações inteiras de pássaros e mamíferos exóticos de florestas e selvas estão sendo caçadas e removidas de seu habitat por razões comerciais.

Isso resulta em muitas dessas espécies não podem se reproduzir novamente e morrer em cativeiro. Se o desmatamento e a poluição da água e do ar forem adicionados a isso, as perspectivas para essas espécies são sombrias.

10- Incêndios florestais

Nos meses de verão, os incêndios florestais proliferam no país, que acaba com milhares de hectares de floresta natural e polui o ar. Esses acidentes alteram o meio ambiente e destroem os ecossistemas.

Alguns desses incêndios são causados, outros são causados ​​por altas temperaturas, folhagem seca e lixo abandonado nas florestas e montanhas. Portanto, é recomendável não jogar bitucas de cigarro ou deixar o fogo mal desligado.

Referências

  1. Problema ambiental na Venezuela (PDF). Recuperado em 1 de fevereiro de 2018 de ciens.ula.ve
  2. Problemas ambientais na Venezuela. Consultado em monografias.com
  3. Mata, Miguel; Tur, Flor Isabel e Guerra, Milagros: Venezuela. Educação ambiental no ensino fundamental (PDF). Recuperado de educoas.org
  4. Antes da eliminação do Ministério do Meio Ambiente. Consultado em unimet.edu.ve
  5. Mineração ilegal na Venezuela, um submundo de caos e violência. Consultado em clarin.com
  6. Parques da Venezuela – Parques Nacionais. Consultado em parquenacionales.com.ve

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies