Os 11 recursos mais importantes do Excel

Os 11 recursos mais importantes do Excel

Os recursos mais comuns e excelentes do Excel são sua apresentação em grades denominadas células, suas funções de automação de cálculos com inúmeras fórmulas e a possibilidade de criar apresentações gráficas.

Desenvolvido pela empresa Microsoft em meados da década de 1980, é um programa de planilha eletrônica para computadores e outros dispositivos similares, usado para armazenamento, organização e manipulação de dados.

O uso – pelo menos básico – do Excel tornou-se um requisito quase obrigatório do Curriculum Vitae para quem deseja ser contratado para um emprego convencional; Mais do que apenas uma habilidade extra, é necessário saber como o Excel funciona.

É provavelmente o software mais importante em qualquer local de trabalho que use computadores e é um dos programas mais utilizados por empresas, empresas e pequenos negócios, especialmente na área contábil.

Suas funções como uma planilha permitem que muitas instalações acompanhem as atividades financeiras, bem como suas opções para organizar as informações de dados numéricos e alfabéticos para sua subsequente apresentação em relatórios, saldos, tabelas e gráficos.

O Excel faz parte do pacote de software do Microsoft Office, juntamente com outros programas como o Word e o Power Point.

Seja para trabalho de escritório, pequenas e médias empresas, trabalho escolar ou acadêmico, ou apenas para uso casual, a funcionalidade do Microsoft Excel é relatada em todo o mundo como a mais fácil e mais eficiente de usar.

Recursos básicos sobre o Excel

1- Células

É uma matriz bidimensional de colunas e linhas que se cruzam que forma a grade famosa e conhecida da apresentação do Excel. As informações são inseridas nas células, que é o pequeno retângulo no qual cada linha e coluna se encontram.

As colunas são organizadas verticalmente e identificadas por letras – da esquerda para a direita – na linha de guia na parte superior.

Relacionado:  Memória principal (computação): componentes, tipos, funções

As linhas são dispostas horizontalmente e numeradas cardinalmente – de cima para baixo – na coluna guia à esquerda.

Dessa maneira, cada célula é facilmente identificável com a letra e o número da coluna e linha correspondentes.

Com um simples clique na célula desejada, o Excel permite que você selecione para começar a digitar letras e números.

2- Planilha

É o nome dado à planilha de grade completa onde estão todas as células. As versões mais recentes do programa tratam 1.048.576 linhas e 16.348 colunas, de ‘A’ à última identificada com as letras ‘XFD’.

As planilhas são identificadas no canto inferior esquerdo com etiquetas que podem ser renomeadas de acordo com as necessidades do usuário.

3- Pastas de trabalho

É o nome comum dos arquivos do Excel que podem conter várias planilhas. Para alternar entre as planilhas, basta selecionar os rótulos localizados abaixo e à esquerda da tela do programa.

Tradicionalmente, as pastas de trabalho eram armazenadas em arquivos com a extensão ‘.XLS’, mas desde a versão de 2007 a extensão mudou para ‘.XLSX’.

Novas versões ainda podem abrir arquivos com uma extensão antiga, mas, caso contrário, um pacote de compatibilidade deve ser instalado.

4- Fitas

Desde a versão 2007, os programas do Microsoft Office substituíram o menu tradicional por fitas com opções organizadas em ícones. Eles são um tipo de menu visual em que as opções são mantidas abertas.

Cada fita contém uma série de funções relacionadas aos ícones de características. Por exemplo, a faixa de opções “Iniciar” possui as opções mais comuns, como tipo de fonte, cor e tamanho; a faixa de opções “Inserir” contém as funções de inserção de tabelas, tabelas, imagens, entre outras.

Relacionado:  NTICX: definição e conteúdo

5-  Fórmulas

Além de números e texto, as células podem conter fórmulas e essa é a peculiaridade que faz do Excel uma planilha por excelência.

Com fórmulas, o Excel apresenta o resultado de uma operação matemática na célula selecionada. Por exemplo: ao escrever “= 3 + 5” em uma célula, o programa mostrará o número “8”.

Esta função é usada principalmente para realizar cálculos com os dados numéricos inseridos nas células.

Ao inserir a identificação das células envolvidas na fórmula, o programa executa a operação e também mantém os resultados atualizados caso os números nas células envolvidas sejam alterados.

Exemplo: escrevendo a fórmula “= A3 + B3” na célula C3, o Excel adicionará os valores nas células A3 e B3 e exibirá o resultado em C3.

Se os valores fossem 3 e 5, respectivamente, o resultado seria 8. Se alterássemos 5 para 9 na célula B3, o resultado em C3 seria atualizado para 12.

Todas as operações aritméticas básicas podem ser calculadas com fórmulas do Excel em suas planilhas.               

6- Funções

O Excel oferece várias funções padrão mais complexas e especializadas que podem ser adicionadas às fórmulas, como operações matemáticas e trigonométricas, como subtração, seno e cosseno; financeiro como descontos e taxas; e outras funções estatísticas, referenciais e lógicas.

Pode haver apenas uma fórmula em cada célula, mas cada fórmula pode conter várias funções.

7- Gráficos

O Excel permite que você apresente visualmente os dados em uma planilha com diferentes tipos de gráficos.

Dependendo da finalidade, o programa oferece gráficos de barras, gráficos de pizza, gráficos de linhas, gráficos de área e gráficos de dispersão XY.

8- Tabelas Excel

É uma ferramenta para armazenamento estrutural de dados tabulares em uma seleção de colunas e linhas que o programa mantém independente da planilha, para posterior manipulação pelo usuário.

Relacionado:  As 10 vantagens e desvantagens dos principais TICS

9- Tabelas dinâmicas

Também chamada de tabelas dinâmicas, permite a análise de grandes quantidades de dados nas planilhas e depois as apresenta em relatórios ou tabelas complexas, sem a necessidade de escrever fórmulas.

10- Macros

São pequenos programas escritos na linguagem de programação Visual Basic ou “VBA” (Visual Basic for Applications) que ajudam a automatizar processos e operações em planilhas.

É um recurso para usuários avançados que permite programar conectividades em bancos de dados, fazer análises, formulários, algoritmos, filtros, pesquisas na web, entre outros.

11- Modo de exibição

O Excel permite em cada planilha até três tipos diferentes de visualização para favorecer o conforto de cada usuário. Para modificá-lo, é necessário ir para o rodapé do Excel à direita. Eles podem ser divididos em três visões possíveis:

– Normal. É o que aparece por padrão , mostrando um número ilimitado de colunas e células.

– Desenho de página. Divida a planilha de acordo com o número de páginas que você possui.

– Pular a página. Ele permite um zoom remoto para mostrar um resumo da planilha.

Em todas as visualizações, há uma barra de zoom para aumentar e diminuir o zoom para adaptá-lo às necessidades do usuário.

Referências

  1. Purna Duggirala (2013). Aprenda os 10 principais recursos do Excel. org. Recuperado dechandoo.org.
  2. Aaron Parson. Recursos e funções do Microsoft Excel. Recuperado de techwalla.com
  3. Paolo Lenotti (2014). 5 Principais usos do Excel no local de trabalho. Recuperado de filtrado.com
  4. Especificações e limites do Excel. Recuperado de support.office.com
  5. Os 10 principais recursos do Excel. Recuperado de analystcave.com
  6. Ted French (2016). O que é o Microsoft Excel e para que devo usá-lo? ThoughtCo. Recuperado de thoughtco.com.
  7. Duygu Yılmaz (2017). O que há de tão bom no Excel? Recuperado de www.quora.com.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies