Os 11 ritmos da região andina

Os ritmos da região andina da Colômbia são caracterizados por sua diversidade. Estima-se que haja pelo menos 200 ritmos andinos. Ritmos puros são apenas alguns; ao longo do tempo que tenham sido misturados para criar uma música mais rica.

Alguns dos ritmos mais marcantes são o bambuco, o turbilhão, a guabina, o corredor, o sanjuanero e a rajaleña, entre outros. Esses ritmos estão associados a danças e expressões específicas.

Os 11 ritmos da região andina 1

Os 11 principais ritmos da região andina colombiana

1- Bambuco

É um ritmo mestiço, o mais típico da região andina colombiana. É a dança mais tradicional da Colômbia.

A origem do bambuco tem diferentes hipóteses: algumas a atribuem à tribo indígena Chibcha, outras indicam que sua origem é basca e outras a escravos africanos, que denominaram o bambu um instrumento feito com tubos de bambu.

2- O turbilhão

É uma música que acompanha os noivos, casamentos, festas de empregadores e outras festas populares.

Dessa maneira, os camponeses simplesmente expressam suas reações ao amor, decepção e sentimento religioso, entre outras expressões.

É uma dança de casal em que a mulher gira como um pião; daí a origem do seu nome.

3- A guabina

É um ritmo de descendência européia e em cada departamento da Colômbia assume um tom particular.

Os instrumentos típicos para tocar a guabina são o tiplo, o requinto, a bandola e o cão, que às vezes é substituído pelo pandeiro.

4- O salão

É uma variante da valsa europeia, com um ritmo mais rápido. Uma variante desse ritmo era a chagas ou a valsa nacional rápida.

Existem dois tipos de representação desse ritmo. Um deles é o salão de festas instrumentais, que é tocado em festas populares ou em casamentos.

Relacionado:  Dia internacional dos gatos: história e em que países é comemorado

A outra representação é o lento corredor vocal, que é a canção dos amantes, decepções, luto e lembranças.

5- O sanjuanero

É uma mistura entre os ritmos do bambuco e do joropo, e se caracteriza por ser muito alegre.

6- Rajaleña

É um dos principais ritmos da Colômbia. Convida a rir das situações cotidianas.

7- música Guasca

É um ritmo em que é permitido o uso de linguagem vulgar, também chamada de música da pista. Sua principal característica é que possui letras fáceis e simples.

8- Fandanguillo

Para a execução desse ritmo, são utilizados o violino, os quatro e as maracas. A duração de cada peça dependerá de quantos pares estão no volante.

9- Guaneña

Acredita-se que se originou na Guerra da Independência, pois é uma música de guerra, alegre e nostálgica. Seus acordes são dramáticos, como os do bambuco.

10- Cana

É um ritmo nativo de Tolima, que é dançado em uma roda e balançando o quadril. Ele teve grande popularidade nos pátios dos camponeses de Tolima.

11- Toldense Bunde

É nativo de Tolima e Huila. É um ritmo alegre e um tanto lento, que entrelaça seus ritmos irmãos: o bambuco, a rajaleña, o turbilhão, o salão e a guabina.

Referências

  1. «Música andina (Colômbia)» na Wikipedia. Recuperado em outubro de 2017 da Wikipedia em: en.wikipedia.org
  2. «Ritmos musicais da região andina» na região andina (outubro de 2011). Recuperado em outubro de 2017 da Região Andina em: regionandinaferney.blogspot.com.ar
  3. «Música Andina» na Wikipedia. Recuperado em outubro de 2017 da Wikipedia em: en.wikipedia.org
  4. «Ritmos musicais das regiões da Colômbia» em toda a Colômbia. Recuperado em outubro de 2017 de Toda Colombia em: todacolombia.com
  5. «Ritmos andinos» na música andina ». Recuperado em outubro de 2017 da Andean Music em: musicaandina2011.blogspot.com.ar
  6. «A região andina» na Colômbia. Recuperado em outubro de 2017 da Colômbia em: colombia.com

Deixe um comentário