Quercus crassipes: características, habitat, usos

Quercus crassipes, também conhecido como carvalho do México ou carvalho vermelho mexicano, é uma espécie de carvalho nativa do México e América Central. Esta árvore é conhecida por suas folhas largas e grossas, que podem chegar a 30 cm de comprimento. O Quercus crassipes geralmente cresce em áreas montanhosas e úmidas, em altitudes que variam de 1.500 a 2.500 metros.

Essa espécie de carvalho é valorizada por sua madeira resistente e durável, que é frequentemente utilizada na fabricação de móveis, construções e artesanato. Além disso, o Quercus crassipes desempenha um papel importante na ecologia, fornecendo abrigo e alimento para diversas espécies de animais. Suas folhas também são utilizadas na medicina tradicional para tratar uma variedade de condições de saúde.

Características da Eichhornia crassipes: planta aquática invasora de rápido crescimento e flores lilases.

A Eichhornia crassipes, popularmente conhecida como aguapé, é uma planta aquática invasora de rápido crescimento que apresenta belas flores lilases. Originária da América do Sul, essa espécie é capaz de se reproduzir rapidamente em ambientes aquáticos, formando densas colônias que podem prejudicar a biodiversidade local.

Caracterizada por suas folhas arredondadas e flores em tons de roxo, a Eichhornia crassipes é considerada uma praga em muitas regiões devido à sua capacidade de crescer descontroladamente e bloquear a passagem de luz e oxigênio para outras plantas aquáticas.

Além disso, essa planta pode causar problemas em sistemas de irrigação e navegação, tornando-se um desafio para a gestão de recursos hídricos em diversas áreas.

Por conta de sua capacidade de se proliferar rapidamente, a Eichhornia crassipes requer medidas de controle eficazes para prevenir sua disseminação e proteger ecossistemas aquáticos sensíveis.

Características do aguapé: planta aquática de grande porte com folhas flutuantes e flores vistosas.

O Quercus crassipes, também conhecido como carvalho mexicano, é uma espécie de árvore nativa do México e da América Central. Possui características únicas que o distinguem de outras espécies de carvalho, como suas folhas largas e brilhantes, e sua casca grossa e áspera.

Esta árvore é encontrada principalmente em áreas de clima subtropical a temperado, em solos úmidos e bem drenados. Pode atingir alturas impressionantes, chegando a mais de 30 metros de altura. Suas raízes são profundas e fortes, o que lhe confere grande resistência a ventos fortes e tempestades.

O Quercus crassipes é uma espécie muito apreciada por sua madeira de alta qualidade, utilizada na fabricação de móveis, assoalhos e construções. Além disso, suas folhas são utilizadas na medicina tradicional para o tratamento de diversas doenças, como problemas respiratórios e digestivos.

Sua presença no ambiente é fundamental para a biodiversidade e o equilíbrio dos ecossistemas onde habita.

Eichhornia crassipes: uma análise da planta aquática mart. Solms em seu habitat natural.

Eichhornia crassipes, também conhecida como aguapé, é uma planta aquática caracterizada por suas grandes folhas flutuantes e flores roxas. Originária da América do Sul, essa espécie pode ser encontrada em habitats aquáticos como lagos, rios e lagoas.

Essa planta tem a capacidade de se reproduzir rapidamente, formando densos aglomerados que podem cobrir a superfície da água. Isso pode causar problemas em ecossistemas aquáticos, bloqueando a entrada de luz e afetando a vida aquática.

Relacionado:  Plaquetas: características, morfologia, origem, funções

Apesar de ser considerada uma espécie invasora em muitas regiões, o aguapé também possui usos benéficos. Suas folhas podem ser utilizadas na alimentação de animais, como bovinos e suínos, e também na produção de adubo orgânico.

Quercus crassipes: características, habitat, usos

O Quercus crassipes, conhecido comumente como carvalho vermelho, é uma espécie de árvore nativa da América do Norte. Essa árvore se destaca por suas folhas grandes e brilhantes, que adquirem uma coloração vermelha no outono.

O habitat natural do carvalho vermelho são as florestas temperadas, onde ele pode crescer em solos ricos em nutrientes. Essa espécie desempenha um papel importante na ecologia dessas florestas, fornecendo alimento e abrigo para diversas espécies de animais.

Além de seu valor ecológico, o carvalho vermelho também possui usos comerciais. Sua madeira é valorizada pela sua resistência e durabilidade, sendo utilizada na fabricação de móveis, assoalhos e instrumentos musicais.

Guia prático para identificar plantas invasoras em formato PDF.

Quercus crassipes, também conhecido como carvalho vermelho, é uma espécie de árvore nativa da América do Norte. Esta planta pode ser identificada por suas folhas grandes e rígidas, que possuem bordas serrilhadas. O carvalho vermelho geralmente cresce em áreas úmidas e pantanosas, sendo comumente encontrado em margens de rios e lagos.

Além de sua beleza ornamental, o Quercus crassipes também possui usos práticos. Sua madeira é valorizada na indústria de móveis e construção, devido à sua durabilidade e resistência. Além disso, algumas comunidades indígenas utilizam a casca do carvalho vermelho para fazer tinturas naturais.

Para identificar corretamente o Quercus crassipes e outras plantas invasoras, é importante consultar um guia prático em formato PDF. Este tipo de material fornece informações detalhadas e ilustrações que facilitam a identificação das espécies. Assim, é possível controlar e manejar adequadamente as plantas invasoras, preservando a biodiversidade e o equilíbrio dos ecossistemas.

Quercus crassipes: características, habitat, usos

Quercus crassipes é uma árvore da família Fagaceae, endêmica no México. É comumente conhecido como carvalho branco, carvalho casulo, carvalho chilillo, carvalho vermelho, carvalho laurelillo, carvalho pepitillo, carvalho pipitza, carvalho firme, carvalho saucillo, carvalho tesmolillo, carvalho urikua e carvalho.

Cresce em muitos solos do México, sendo uma árvore muito comum no Cinturão Vulcânico Trans-Mexicano e na Sierra Madre del Sur, além de um pouco menos presente nas Terras Altas de Michoacan e na Depressão de Balsas-Tepalcatepec.

Quercus crassipes: características, habitat, usos 1

Floresta de carvalho. Fonte: pixabay.com

Sua faixa climática de distribuição varia de 2200 a 2900 metros acima do nível do mar, em um ambiente de temperaturas que variam entre 12 e 17 ° C e chove anualmente entre 800 e 1400 mm.

O carvalho tesmolillo está associado a vegetação como floresta de Abies , floresta de Pinus , floresta de Pinus-Quercus , floresta de Quercus-Pinus , floresta de Quercus e floresta de montanha mesofílica.

Relacionado:  Ágar EMB: fundação, preparação e uso

O uso de sua madeira, como o da maioria dos carvalhos, é para lenha e carvão. É utilizado na produção de madeira serrada, na construção ou na extração de celulose com diferentes destinos.

Caracteristicas

Árvore

O carvalho tesmolillo é uma árvore que mede entre 10 e 35 metros de altura e tem um tronco com diâmetro que varia de 15 a 100 cm.A casca desta árvore é marrom escura e possui placas alongadas.

Folhas

Consequentemente, as folhas deste carvalho são elípticas-lanceoladas, medindo 2,5 a 14 cm de comprimento e entre 6 mm e 4 cm de largura. A margem das folhas está curvada em direção ao fundo (embaralhamento).

A parte da viga é cinza-esverdeada ou verde-escura brilhante, enquanto a parte inferior é cinza-amarelada e coberta com um tomento persistente. Além disso, apresenta tricomas não glandulares fasciculados, sésseis simples e multirradiados.

Fruta

O fruto do carvalho tesmolillo é produzido semestralmente. É solitário, ou às vezes em pares, e corresponde a uma bolota ovóide (tipo avelã) que mede entre 10-21 mm de comprimento e 12-14 mm de largura. Por sua vez, essas bolotas produzidas entre outubro e janeiro são usadas para sua propagação.

Quercus crassipes: características, habitat, usos 2

Bolota de carvalho. Fonte: pixabay.com

Taxonomia

-Reino: Plantae

-Classe: Equisetopsida

-Subclasse: Magnoliidae

-Superorden: Rosanae

-Ordem: Fagales

-Família: Fagaceae

-Gênero: Quercus L.

-Espécie: Quercus crassipes Bonpland 1809.

Quercus crassipes: características, habitat, usos 3

Quercus crassipes. Museu de Auckland [CC BY 4.0 (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0)]
Alguns sinônimos para esta espécie são: Quercus colimae Trel., Quercus confertifolia Bonpl., Quercus crassipes var. Angustifolia Bonpl., Quercus cuajimalpana Trel ., Quercus imbricariaefolia Trel., Quercus malifolia Trel., Quercus malifolia Trel., Quercus mexicana Trel., Quercus mexicana var. glabrata Liemb. ex Seem., Quercus obovalifolia E. Fourn . ex Trel.

Habitat e distribuição

Em geral, o gênero Quercus está distribuído por todo o hemisfério norte. Especialmente no México, onde vive entre grupos de plantas características de zonas temperadas úmidas e sub-úmidas das cadeias de montanhas e terras altas das terras altas.

Quercus crassipes é uma das 81 espécies que compõem a seção Lobatae Loudon (carvalho vermelho). Ele é distribuído em grande parte do território mexicano em locais como: Aguascalientes, Chiapas, Colima, Coahuila, Distrito Federal, Durango, Guanajuato, Guerrero, Hidalgo, Jidalco, Jalisco, México, Nuevo León, Michoacán, Morelos, Nayarit, Puebla, Querétaro, Tamaulipas , Tlaxcala, Veracruz, Zacatecas, entre outros.

Para esta espécie de carvalho vermelho, foi determinado o padrão de distribuição do gênero, especificamente em Michoacán (México). Normalmente, está localizado em uma elevação que varia de 2200 a 2900 metros acima do nível do mar, com temperaturas entre 12 e 17 ° C, em áreas com precipitação anual entre 800 e 1400 mm. Cresce em solos de acrissolos, andossolos, feozem, litossolos, luvisóis e verissolos.

Além disso, a vegetação que está associado Q. crassipes é a floresta de Abies , floresta Pinus , floresta Pinus-Quercus floresta de Quercus-Pinus , floresta Quercus e floresta.

Do ponto de vista de sua conservação, o carvalho tesmolillo é uma espécie ameaçada, devido à transformação de seu habitat e produto da exploração madeireira e das culturas.

Relacionado:  Didínio: morfologia, características, nutrição, respiração

Importância ecológica

As cascas de bolota de Quercus crassipes mostraram a bioacumulação de soluções aquosas por cromatografia, sendo o carvalho tesmolillo proposto como um potencial bioabsorvente de baixo custo para a remoção de Cr (VI) e do cromo total de soluções aquosas contendo várias impurezas.

Nesse sentido, investigou-se que o carvalho tesmolillo pode biacumular o cromo, dependendo do pH da solução.

Usos

Segundo, depois dos pinheiros, a madeira da espécie Quercus é a mais abundante no México. O uso de madeira de carvalho é de cerca de 578.687 m 3 por ano e representa 9% do material de madeira explorado.

A espécie Q. crassipes é utilizada como madeira para lenha, fabricação de cercas, arcos para violino, tampos, carvão, como plataformas e para a produção de papel. No entanto, não existem programas estabelecidos para massificar seu uso.

Outros usos pretendidos da madeira de carvalho tesmolillo são a construção de estacas, estacas e eixos, folheados e compensados. Especialmente, a madeira de carvalho é usada para a produção de:

Celulose

A polpa extraída dessa árvore é usada para a produção de papel kraft, para material de sacola forte para o transporte de cal (cimento e gesso), bem como para o transporte de alimentos para animais de estimação e alimentos humanos (farinha, por exemplo). A celulose tem outros destinos, como a fabricação de envelopes leves, como sacolas ou jornais.

Esquadrão

Neste caso, a madeira serrada é usada para obter tábuas e tábuas de diferentes tamanhos, vigas, dormentes e gualdras. São normalmente utilizados na construção ou na transformação de peças esculpidas, móveis, instrumentos musicais, utensílios, além de molduras, cordas e puxadores ou bases.

Quercus crassipes: características, habitat, usos 4

Quercus crassipes. Museu de Auckland [CC BY 4.0 (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0)]

Combustível

A madeira de carvalho serve como combustível pelo uso direto de seu tronco como lenha ou pela conversão em carvão. Este último, por ser um produto de baixo valor agregado, não representa a justificativa do corte prolongado que acabou com muitas plantações de carvalho.

Referências

  1. Tropical 2018. Quercus crassipes Bonpl. Retirado de: tropicos.org
  2. Uribe-Salas, D., Espanha-Boquera, ML, Torres-Miranda, A. 2018 (2019). Aspectos biogeográficos e ecológicos do gênero Quercus (Fagaceae) em Michoacán, México. Mexican Botanical Act 126: el342.
  3. Arizaga, S., Cruz, J., Salcedo-Cabrales, M., Bello-González, MA 2009 . Quercus crassipes Humildade. & Bonpl. In: Manual de biodiversidade de carvalhos de Michoacan. Instituto Nacional de Ecologia. 42-45.
  4. Vázquez, ML 2006. Os Oaks ( Quercus ) descritos por Nee (1801) e Humboldt Bonpland (1809), com comentários sobre espécies relacionadas. Contribuições da AIDS para a Botânica 22 (1): 1091-1110. Retirado de: biodiversitylibrary.org
  5. Pérez, C., Dávalos, R., Guerrero, E. 2000. Uso de madeira de carvalho no México. Madeira e florestas 6 (1): 3-13.
  6. Aranda-García, E., Morales-Barrera, L., Pineda-Camacho, G., Cristiani-Urbina, E. 2014. Efeito do pH, força iônica e eletrólitos de fundo no Cr (VI) e remoção total de cromo por bolota casca de Quercus crassipes Humb. & Bonpl. Monitoramento e Avaliação Ambiental 186 (10): 6207-6221.

Deixe um comentário