10 Coplas da região andina da Colômbia

Os dísticos provenientes da região andina da Colômbia , localizados no oeste do país, correspondem aos departamentos de Huila, Antioquia, Boyacá, Caldas, Cauca, Cesar, Chocó, Cundinamarca, Nariño, Norte de Santander, Quindío, Risaralda, Santander, Tolima e Vale da Cauca.

10 Coplas da região andina da Colômbia 1

O termo “copla” foi originalmente usado para denotar a rima entre versos de dezesseis sílabas cada, que constituíam o romance espanhol do século XV.

Com a chegada dos espanhóis, os romances foram instituídos na Colômbia e passaram por um processo de adaptação, até se tornarem uma estrofe de quatro versos de oito sílabas cada.

10 dísticos conhecidos da região andina da Colômbia

1 – Copla no condor

Autor : Susana Luque Gómez

Pássaro elegante dos Andes,
que você vive nas alturas
com sua plumagem azulada.
Você exalta a nossa cultura.
Você é um símbolo do nosso país.
Pássaro gigante nacional, poucos o conheciam
ou sabiam qual era o seu habitat natural.

2 – A bala que me machucou

Autor : Anônimo

A bala que me atingiu
também feriu o comandante,
ele foi feito capitão
e meu soldado como antes!

3 – Vamos beber esta bebida

Autor : Anônimo

Vamos beber esta bebida

para começar a oração

para que a alma do falecido

tomar força e bloquear tiezo.

4 – Eu choro meu querido país

Autor : Anônimo

Eu choro meu querido país
E quão longe estou dela.
Eu também choro por
quem desvia o olhar de mim.

República da Colômbia,
Novo Reino de Granada,
Para todas as mulheres,
só para mim não há nada.

5 – Adeus, cabana de palha

Autor : Anônimo

Adeus, cabana de palha,

pão empacotado.

Adeus vida da minha vida,

Quando meus olhos te verão?

Uma triste despedida

e uma ausência bem sentida,

como uma adaga afiada

Para tirar minha vida

Paramos juntos

comunicou ambos

lá estava o meu desmaio

Quando você disse adeus

6 – Todo dia que passo

Autor : Anônimo

Eu passo todo dia

como garça na lagoa,

com o pescoço esticado

Sem nenhuma esperança.

7 – O sapo correu uma corrida

Autor : Anônimo

O sapo correu uma corrida

com uma tartaruga velha:

eles puniram bloco e meio,

O sapo ganhou pela orelha.

Eles correram novamente,

redobrar a parada:

atingindo um quarteirão e meio,

O sapo acertou um tiro.

8 – Os símbolos dos Andes

Autor : Belén Manrique

Cuide-se amigos

O que eu venho te contar

Do município de Andes

Hoje eu venho conversar

Hoje eu venho conversar

Do município de Andes

Esta cidade amada

Esta cidade amável

Esta cidade amável

Está bem representado

No escudo, a bandeira

E seu hino bem cantado

E seu hino bem cantado

Música muito original

Uma linda bandeira

E seu escudo como nenhum outro

E seu escudo como nenhum outro

Lá eles assistem

Com a coroa e a cruz

E a árvore do obando

No lado direito, vemos

Uma árvore de obando

E no lado esquerdo uma buzina

Com produtos derramando

Há a coroa

Da rainha Katia

Uma senhora muito querida

Que nessa área eu morava

Coroa da rainha

No topo

Abaixo está escrito

Ano de fundação

E as cores me dizem

O azul dos rios e céus

Riqueza de plantas

Em verde está impresso

E por ultimo

Abaixo uma fita

Primeiro nome

Da minha querida cidade

(…)

Espero que tenham gostado

O que eu te disse hoje

Da cidade dos Andes

A cidade do café.

9 – A bengala sendo a bengala

Autor : Popular copy

A bengala em ser a bengala
também tem sua dor:
se a colocam no trapiche
, partem seus corações.

10 – Até que as pessoas os cantem

Autor : Popular copy

Até que as pessoas os cantem,
os dísticos, os dísticos não são, e
quando as pessoas os cantam,
ninguém conhece seu autor.

Características dos dísticos colombianos

Atualmente, os dísticos colombianos têm as seguintes características:

1- É usada uma linguagem coloquial, cheia de expressões e ditados. Muitas vezes, o idioma expressa o amor pelo país, a beleza das paisagens colombianas, a nostalgia ou a ironia de certas situações.

2- O dístico colombiano é carregado com um alto conteúdo humorístico, satírico, irônico e até picaresco. Da mesma forma, os dísticos são uma expressão da sabedoria do povo.

3- Um dístico pode ser composto de uma ou mais estrofes. Por sua vez, as estrofes são compostas por quatro versos cada, dos quais a terceira e a quarta rima. Essa rima pode ser harmônica ou assonante.

4- A métrica (medida silábica) apresenta quatro formas possíveis:

a) Todos os versos são octossílabos (8 – 8 – 8 – 8).

b) Os versos 1 e 3 são octossílabos, enquanto os versos 2 e 4 são heptassílabos (8-7-8-7).

c) O verso 1 é heptassilável e o restante é octossílabo (7-8-8-8).

d) Os versículos 1 e 3 são heptassílabos, enquanto os versículos 2 e 4 são octosílabos (7-8-7-8).

5 – O dístico é um meio de expressar sentimentos populares. Portanto, quando é recitada, a voz deve ser acompanhada por uma série de elementos emocionais que dão sensação ao dístico.

6 – Na sua forma cantada, quando acompanhada de instrumentos musicais, a música se chama “cantar”.

Referências

  1. Bambuco Recuperado em 18 de maio de 2017, de eyesoncolombia.wordpress.com.
  2. O que é rima com um dístico? Recuperado em 18 de maio de 2017, de youngwriters.co.uk.
  3. Guias de Viagem VIVA Colômbia. Recuperado em 18 de maio de 2017, de books.google.co.ve.
  4. Walk Music Recuperado em 18 de maio de 2017, de en.wikipedia.org.
  5. Nettl, Bruno; Miller, Terry; Pedra, Rute; Williams, Sean; Porter, James; e Rice, Timothy. A Enciclopédia Garland do World Music do Sudeste Asiático. Recuperado em 18 de maio de 2017, de books.google.co.ve.
  6. Região Natural Andina. Recuperado em 18 de maio de 2017, de en.wikipedia.org.
  7. Região Andina Recuperado em 18 de maio de 2017, de colombia.travel.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies