Anúncio comercial: recursos, peças e exemplos

Anúncio comercial: recursos, peças e exemplos

Um anúncio  é um design criativo que visa divulgar um produto, evento ou serviço a um público para promovê-lo e, assim, aumentar suas vendas. Seu principal desafio é convencer esse público a comprar seus produtos ou serviços.

Em outras palavras, um anúncio é caracterizado por informar uma pessoa ou grupo de pessoas sobre a disponibilidade, preço, características, qualidades e efeitos positivos derivados do uso de um produto, serviço ou idéia. Pode ser usado por vários tipos de instituições, com ou sem fins lucrativos.

As propagandas buscam atingir vários objetivos de natureza social ou comercial. Dessa forma, eles são emitidos com intenções específicas em mente, buscando assim influenciar as pessoas que recebem sua mensagem.

Uma das principais características de um anúncio é que ele é um meio de comunicação de massa e pago que pode ser transmitido em diferentes mídias (impressa, audiovisual, sonora).

É o meio mais caro de comunicação e marketing de massa que existe atualmente, por esse motivo, sua exposição ao público é controlada e ocorre por tempo limitado.

Principais características das mensagens ou anúncios

– Comunicação massiva

Um anúncio é uma forma de comunicação de massa que se concentra em entregar uma mensagem a um público específico. Esse público pode ser composto por um grupo de pessoas ou um indivíduo específico (ouvintes, leitores ou espectadores).

Existem várias ferramentas usadas por um anúncio para se comunicar, como promoção, marketing individual e publicidade de guerrilha.

Dessa forma, um anúncio se torna um elemento massivo de expressão mista e alcance popular em qualquer contexto.

– Presença por tempo limitado

Sendo uma forma paga de comunicação de massa, sua exposição é dada apenas por um tempo limitado. Dessa forma, um anúncio é transmitido apenas por um período específico escolhido, dependendo do objetivo que você deseja alcançar.

Um anúncio publicitário procura promover bens, serviços e idéias de um patrocinador que paga por sua presença em diferentes mídias. Sendo uma forma de comunicação impessoal e paga, tende a desaparecer em pouco tempo.

– Inclui diferentes tipos de comunicação

Um anúncio pode ser dado oralmente, por escrito ou audiovisual. Está presente em diferentes mídias, incluindo jornais, revistas, folhetos, televisão, cinema, rádio, entre outros meios de comunicação de massa.

Em outras palavras, um anúncio é transmitido por qualquer canal que possa garantir sua exposição ao público. Dessa maneira, seu principal objetivo é se situar na mente das pessoas, individual ou coletivamente, em favor dos interesses do promotor.

Relacionado:  As 6 regiões culturais mais destacadas da América

– Finalidade informativa

Alguns anúncios são publicados como campanhas de expectativa ou o lançamento de um novo bem ou serviço. Independentemente do significado de um anúncio, seu principal objetivo é informar o público sobre um tópico escolhido.

Um anúncio contém uma mensagem específica sobre um produto, serviço ou idéia, dessa forma, tudo o que carrega uma mensagem destinada a ser transmitida a uma pessoa ou grupo de pessoas se enquadra na categoria de publicidade.

– Procura influenciar a decisão ou opinião de compra

Um anúncio visa afetar a decisão de compra de um usuário e orientá-lo para um bem ou serviço específico.

Dessa forma, instituições e empresas usam anúncios para modificar suas idéias, tornando as pessoas mais propensas a ter uma opinião favorável sobre seus produtos ou serviços.

– É impessoal

Um anúncio é um tipo de comunicação impessoal e unilateral que visa atingir um público desconhecido, onde não há contato entre o remetente e o destinatário da mensagem.

A maneira de garantir que ele atinja o público esperado é através do canal do anúncio, investindo em um espaço que geralmente é consumido por indivíduos com o mesmo objetivo.

– Meios de comunicação pagos

Um anúncio não é um meio de comunicação gratuito, deve sempre ser pago.

A pessoa que anuncia um anúncio é conhecida como patrocinadora e deve investir dinheiro para preparar a mensagem que deseja transmitir, comprar o espaço intermediário, monitorar o anúncio e os resultados finais de todo esse esforço.

Esse tipo de comunicação é o meio mais caro de promover um produto, serviço ou idéia no mercado.

Por esse motivo, as empresas que usam anúncios sempre alocam um orçamento para cobrir os custos relacionados a esse tópico (Marketing, 2013).

– Tem um componente de verdade

É difícil determinar se a mensagem transmitida por um anúncio é completamente verdadeira. De fato, em muitos casos, existem componentes que são exagerados nos anúncios. No entanto, devido a certas disposições legais, sempre há um componente verdadeiro para a emissão desses anúncios.

De qualquer forma, não há garantia de que as declarações feitas em um anúncio sejam completamente verdadeiras. A maioria dos anunciantes se concentra em mensagens atraentes, materialistas e até eróticas para desinformar a atenção do público.

– Aplicável a várias indústrias

Devido ao seu potencial, esse tipo de publicidade não é usado apenas por empresas privadas, pois também pode ser usado por museus, organizações sem fins lucrativos, instituições de ensino e até pelo governo, além de outras entidades que desejam atrair a atenção de seus clientes. público objetivo.

Relacionado:  60 provérbios populares e seu significado

– Comunicação em certo sentido

Os anúncios envolvem um modo de comunicação unidirecional. A mensagem passa de uma organização ou empresa para uma audiência.

Os consumidores não têm como devolver a mensagem aos patrocinadores. Dessa forma, os anunciantes não sabem até que ponto eles exerceram algum tipo de influência sobre seu público-alvo.

Partes e elementos do anúncio

Fotografias / imagens

Eles são a parte mais atraente do anúncio e a que desperta mais sensações no consumidor. Uma boa imagem ou fotografia pode ser essencial para que o produto da empresa acabe na cesta de um consumidor ou seja abandonado em qualquer prateleira.

Em geral, o visual é impressionante e, em muitos casos, diz mais sobre o produto do que o restante dos elementos do anúncio (marcador, conteúdo).

Eles são uma das partes mais criativas de um comercial. Por isso, os anunciantes enfatizam bastante o trabalho com eles e a atração para o maior número de espectadores.

Slogan

O slogan é uma frase de identificação que o torna único da competição. É curto e criativo, desenvolvido para ser registrado na mente do consumidor e não pode deixar de lembrar a empresa que o utiliza. Eles geralmente são colocados no final do anúncio

Um exemplo de slogan seria: “Just do it”, da Nike, ou “Do not leave you”, da Rexona.

Conteúdo

Texto ou palavras que desenvolvem as informações sobre o produto (características, utilidades, benefícios, vantagens competitivas etc.). Sua missão é dar o último suporte ao anúncio para que o cliente em potencial esteja convencido de que precisa do produto.

Para isso, nas últimas décadas, foi desenvolvida a técnica de direitos autorais. Ele é responsável por capturar uma mensagem credível, honesta e confiável no anúncio. Você poderia dizer que a cópia é a figura sedutora do anúncio.

Entre suas habilidades está o chamado à ação ou a criação de um senso de urgência na platéia.

Logotipo

É a assinatura da empresa. Em todos os anúncios, deve ficar claro quem está vendendo o produto ou serviço e fazê-los entender que são os melhores da competição. Não faria sentido para uma empresa de computadores investir muito dinheiro nos fazendo acreditar que os tablets são as melhores ferramentas de trabalho sem registrar que são os que vendem os melhores.

Relacionado:  5 ferramentas para aprender a escrever, ler e matemática

O logotipo geralmente aparece no final do anúncio e pode aparecer com seu slogan ou contato, se necessário (telefone, redes sociais, link da web, email, etc.).

Bala

Popularmente conhecido como “marcador” entre os anunciantes de língua espanhola, é uma frase curta que envolve o público.

Por exemplo: “As melhores maçãs”.

É a parte introdutória do anúncio e deve ser comercial, atraente, envolvente e, se possível, atraente. Para conseguir isso, os anunciantes têm seus truques. Na imprensa, usam letras marcantes e coloridas, enquanto na mídia audiovisual é comum aparecer com música.

Tipos de anúncios e exemplos

Impresso

Os anúncios impressos são aqueles que aparecem no papel, ou seja, nos jornais, folhetos ou revistas. Exceto nas revistas, a tendência é de queda, pois são mídias com cada vez menos circulação e, portanto, com menor capacidade de atingir mais pessoas.

No caso das revistas, há a atratividade das fotos coloridas em papel revestido, bem como aquela especializada em um setor específico.

Televisão

Continua sendo a plataforma favorita das empresas de publicidade. Embora tenham surgido outras mídias que possam quantificar melhor o alcance, ainda se pensa que a TV tem mais potencial para impactar a retina do espectador.

Radial

As cunhas continuam a manter seu espaço na programação de rádio. Eles podem ser pré-gravados ou ao vivo, com uma duração leve e com uma mensagem acompanhada de música cativante.

Conectados

São anúncios na Internet distribuídos entre páginas da web, redes sociais, aplicativos, e-mails ou mecanismos de pesquisa. Eles são o sistema mais preciso, pois é capaz de quantificar o número de pessoas que visualizaram o anúncio.

Exterior

Também conhecidos como marketing de rua, os anúncios para esse tipo de publicidade são cercas, coberturas, pôsteres, néons, terminais e outros elementos exteriores que podem ser encontrados nas ruas, avenidas, rodovias etc.

Referências

  1. (28 de agosto de 2013). Obtido em Característica de uma publicidade eficaz: pradipgharpure.wordpress.com.
  2. Advertising, O. (10 de julho de 2016). Obtido em Características da publicidade on-line: knowonlineadvertising.com.
  3. Creative, E. (24 de junho de 2015). Obtido de Características de ótimas críticas de impressão: ellaecreative.com.
  4. Jaideep, S. (2016). Sua biblioteca de artigos. Obtido em publicidade: suas definições, características e objetivos: yourarticlelibrary.com.
  5. Kokemuller, N. (2017). Jornais da Hearst. Obtido das características de um anúncio eficaz ou persuasivo: smallbusiness.chron.com.
  6. Marketing, I. (10 de junho de 2013). Obtido do Insight Marketing: insightmrktg.com.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies