As 10 civilizações mais importantes do Extremo Oriente

O Extremo Oriente é uma região rica em cultura e história, lar de diversas civilizações antigas que deixaram um legado duradouro na humanidade. Neste artigo, exploraremos as 10 civilizações mais importantes do Extremo Oriente, destacando suas contribuições para a arte, ciência, filosofia e sociedade. Desde a antiga China até o Japão feudal, cada civilização desempenhou um papel único na formação do mundo moderno e merece ser reconhecida por sua influência duradoura. Venha conosco em uma viagem através do tempo e descubra as maravilhas das civilizações do Extremo Oriente.

Conheça as civilizações do Extremo Oriente em destaque na história mundial.

Quando pensamos nas civilizações mais importantes do Extremo Oriente, logo nos vêm à mente algumas das mais influentes da história mundial. Desde a antiga China até o Japão contemporâneo, essas civilizações deixaram um legado duradouro que moldou não apenas a região, mas também o mundo como um todo.

Uma das civilizações mais antigas e impactantes do Extremo Oriente é a China. Com uma história que remonta a milhares de anos, a China foi pioneira em diversas áreas, como tecnologia, arte e filosofia. Seu vasto império e sua rica cultura influenciaram não apenas os países vizinhos, mas também civilizações distantes, como a romana.

Outra civilização importante do Extremo Oriente é o Japão. Com uma cultura única e uma história complexa, o Japão se destacou por sua arquitetura, suas artes marciais e sua abordagem inovadora para a tecnologia. Além disso, o Japão foi responsável por difundir sua cultura para outras partes do mundo, influenciando a moda, a música e até mesmo a culinária.

Além da China e do Japão, outras civilizações do Extremo Oriente também merecem destaque, como a Coreia, o Vietnã e a Índia. Cada uma dessas civilizações contribuiu de forma única para o desenvolvimento da região e deixou um legado duradouro que ainda é sentido nos dias de hoje.

Em suma, as civilizações do Extremo Oriente são de extrema importância para a história mundial. Seja pela sua influência cultural, pelas suas conquistas tecnológicas ou pela sua rica história, essas civilizações continuam a inspirar e fascinar pessoas de todo o mundo.

Conheça as sete civilizações da Antiguidade Oriental em detalhes históricos e culturais.

As civilizações da Antiguidade Oriental são de extrema importância para a compreensão da história e cultura do Extremo Oriente. Conhecer essas civilizações é fundamental para entender a complexidade e diversidade da região ao longo dos séculos.

Uma das civilizações mais antigas e influentes do Extremo Oriente é a China . Com uma história milenar, a China desenvolveu uma rica cultura e uma sociedade complexa, com destaque para a dinastia Qin, responsável pela unificação do país e pela construção da Grande Muralha.

O Japão também possui uma história rica e fascinante, com destaque para o período Heian, conhecido pela produção de grandes obras literárias e artísticas. A cultura japonesa é marcada pela influência do xintoísmo e do budismo.

A Coreia é outra civilização importante do Extremo Oriente, com uma cultura única e uma história tumultuada, marcada por invasões e conflitos com a China e o Japão. A Coreia também foi influenciada pelo budismo e pelo confucionismo.

A Índia é uma civilização antiga e complexa, com uma história rica em mitos e tradições. Destaque para o Império Maurya, responsável pela unificação do subcontinente indiano e pela disseminação do budismo.

O Vietnã é outro país do Extremo Oriente com uma história milenar e uma cultura única, influenciada pelo confucionismo e pelo budismo. A resistência vietnamita contra invasores estrangeiros é um dos pontos altos de sua história.

A Tailândia é um país com uma história fascinante, marcada pela influência do budismo e pela preservação de suas tradições culturais. O Reino de Ayutthaya é um dos períodos mais importantes da história tailandesa.

Por fim, a Mongólia é uma civilização única, marcada pela figura de Genghis Khan e pelo Império Mongol, que se tornou o maior império contíguo da história. A cultura nômade e guerreira dos mongóis é um dos aspectos mais fascinantes de sua história.

Conhecer essas sete civilizações da Antiguidade Oriental é fundamental para compreender a riqueza e diversidade do Extremo Oriente, uma região que exerceu e continua exercendo grande influência no mundo contemporâneo.

Principais civilizações da Antiguidade no Oriente: conheça as mais influentes da história.

Quando falamos sobre as principais civilizações da Antiguidade no Oriente, é impossível não mencionar algumas das mais influentes da história. O Extremo Oriente é lar de diversas culturas milenares que deixaram um legado impactante até os dias de hoje.

As 10 civilizações mais importantes do Extremo Oriente

1. Civilização Chinesa: Com uma história rica e complexa, a China é uma das civilizações mais antigas e influentes do mundo. Desde a dinastia Shang até a dinastia Qing, a cultura chinesa deixou marcas profundas em diversas áreas, como arte, filosofia e tecnologia.

2. Civilização Japonesa: Com uma combinação única de tradição e modernidade, o Japão é conhecido por sua cultura refinada e inovações em diversos campos, como a tecnologia e as artes marciais.

3. Civilização Indiana: Com uma história milenar e uma rica diversidade cultural, a Índia é lar de uma das civilizações mais antigas e influentes do mundo. Desde a civilização do Vale do Indo até o império Maurya, a Índia teve um papel fundamental no desenvolvimento da humanidade.

Relacionado:  Afromexicanos: história, características, comunidades, cultura

4. Civilização Coreana: Com uma história única e uma cultura vibrante, a Coreia tem uma influência significativa no Extremo Oriente. Desde os reinos antigos até os dias de hoje, a Coreia se destaca pela sua arte, culinária e tradições.

5. Civilização Mongol: Conhecidos por seu império vasto e poderoso, os mongóis tiveram um impacto significativo na história do Extremo Oriente. Liderados por figuras como Genghis Khan, os mongóis conquistaram territórios vastos e deixaram um legado duradouro.

6. Civilização Tailandesa: Com uma cultura rica e diversificada, a Tailândia é conhecida por suas tradições únicas e sua arquitetura deslumbrante. Desde os reinos antigos até os dias de hoje, a Tailândia mantém uma influência significativa na região.

7. Civilização Vietnamita: Com uma história marcada por guerras e conquistas, o Vietnã é uma das civilizações mais resilientes do Extremo Oriente. Com uma cultura rica e uma população trabalhadora, o Vietnã se destaca pela sua arte, culinária e tradições.

8. Civilização Filipina: Com uma mistura única de influências indígenas, asiáticas e ocidentais, as Filipinas têm uma cultura diversificada e vibrante. Desde a colonização espanhola até os dias de hoje, as Filipinas mantêm uma identidade distinta e uma influência significativa na região.

9. Civilização Tibetana: Com uma história marcada por espiritualidade e resistência, o Tibete é conhecido por sua cultura única e sua tradição budista. Apesar das dificuldades políticas, o Tibete mantém uma identidade forte e uma influência espiritual profunda.

10. Civilização Taiwan: Com uma história marcada por conflitos e conquistas, Taiwan é uma das civilizações mais dinâmicas do Extremo Oriente. Com uma economia forte e uma cultura vibrante, Taiwan se destaca pela sua inovação e modernidade.

Ao conhecer as 10 civilizações mais importantes do Extremo Oriente, podemos apreciar a diversidade e a riqueza cultural dessa região. Cada uma dessas civilizações deixou um legado duradouro e influenciou não apenas o Extremo Oriente, mas também o mundo como um todo.

Quais são os principais povos que habitam a região oriental do mundo?

Os dez principais povos que habitam a região oriental do mundo são os chineses, japoneses, coreanos, indianos, vietnamitas, tailandeses, filipinos, indonésios, malaios e mongóis. Cada um desses povos possui uma rica história e cultura que contribuíram significativamente para o desenvolvimento do Extremo Oriente.

Os chineses são conhecidos por sua antiga civilização e contribuições para a tecnologia, arte e filosofia. Os japoneses são famosos por sua cultura única, incluindo a cerimônia do chá, artes marciais e anime. Os coreanos têm uma história rica e uma língua única, além de uma culinária deliciosa.

Os indianos são conhecidos por sua espiritualidade e por terem desenvolvido sistemas matemáticos avançados. Os vietnamitas têm uma cultura vibrante, incluindo a culinária e a arte tradicional. Os tailandeses são conhecidos por suas belas praias e templos budistas.

Os filipinos têm uma mistura única de culturas indígenas, espanholas e americanas. Os indonésios possuem uma grande diversidade étnica e cultural. Os malaios são conhecidos por suas belas paisagens e rica herança cultural.

Por fim, os mongóis têm uma história fascinante, incluindo o império de Genghis Khan. Esses povos contribuem para a diversidade e riqueza cultural do Extremo Oriente, tornando a região ainda mais interessante e fascinante.

As 10 civilizações mais importantes do Extremo Oriente

As civilizações mais importantes do Extremo Oriente são a Índia e a China. Além disso, na parte oriental da Ásia existem outras culturas, como vietnamita, indonésia, tailandesa, coreana, japonesa e chinesa.

Essas populações emergiram isoladamente do Ocidente, o que as levou a desenvolver maneiras desconhecidas e surpreendentes de pensar e se comunicar através da linguagem, além de diferentes tradições e costumes.

As 10 civilizações mais importantes do Extremo Oriente 1

As culturas que existiram ou continuam a existir nesta área da Ásia são muito diversas, embora tenham características em comum, como a religião não-monoteísta que a maioria professa. A seguir, é possível ver com mais detalhes o que são essas civilizações, quais características elas têm em comum e o que as diferencia.

As 10 principais civilizações do Extremo Oriente

1- China

As 10 civilizações mais importantes do Extremo Oriente 2

A civilização chinesa surgiu há mais de 5000 anos e é uma das mais importantes na região da Ásia conhecida como Extremo Oriente. A primeira dinastia chinesa conhecida é a dinastia Xià, que esteve presente entre os séculos 21 e 16 aC

A China seria governada por esse sistema feudal até 1949. A última foi a dinastia Quing, que durou até 1949. Nessa data, a República da China foi cedida, após a Segunda Guerra Mundial e após um longo processo de reformas.

O mais curioso da civilização chinesa é que é uma sociedade que combina de maneira muito curiosa as tradições ancestrais com os costumes ocidentais que chegaram a este país, como conseqüência da globalização.

Religião

Embora a constituição da China reconheça a liberdade religiosa, existem crenças que são mais populares neste país. As três principais doutrinas são o budismo, o confucionismo e o taoísmo e são conhecidas como San Jiao.

Budismo

É a religião principal. Ele teve uma grande influência na cultura chinesa durante a dinastia Han, a tal ponto que suas doutrinas penetraram nas frases populares de hoje. O budismo não concebe um único criador, é uma religião não-teísta que se baseia nos ensinamentos do Buda.

Relacionado:  Qual é o significado de Tabasco?
Confucionismo

O confucionismo pode ser concebido como religião e como uma escola de pensamento. Ele ocupou o cargo de religião principal até o século VII. Essa doutrina concebe o universo como um lugar harmônico regulado pela natureza.

Taoísmo

Lao Tsé é considerado o filósofo que promoveu esse modo de vida, baseado na relação entre homem e natureza. Os ensinamentos dessa religião são baseados no texto clássico de Tao Te King , escrito pelo mesmo filósofo, também conhecido como Laozi.

Linguagem

A língua chinesa reúne um conjunto de dialetos e idiomas falados em todo o país. O chinês mandarim é o mais conhecido mundialmente e o mais falado internacionalmente. As outras variedades da língua chinesa são conhecidas como línguas siníticas.

A cultura chinesa também é conhecida por sua culinária, que consiste em pratos feitos com carne, algas e massas, como arroz, macarrão e macarrão. Muita soja também é consumida.

Outros aspectos populares dessa civilização são o calendário, diferente do do mundo ocidental, o horóscopo que varia de acordo com o ano e a maneira de celebrar festivais populares como o ano novo.

2- Japão

As 10 civilizações mais importantes do Extremo Oriente 3

Segundo o manuscrito mais antigo conhecido na história do Japão, a civilização japonesa foi fundada pelo imperador Jinmu no século VII aC Como na China, até a Segunda Guerra Mundial, este país era liderado por um imperador. sistema imperialista

Religião

O Japão também defende a liberdade de religião em sua constituição, embora as doutrinas mais professadas sejam o budismo, que foi importado da China no século VI e o xintoísmo. Esta última é a religião nativa do país e concebe os elementos da natureza como divindades.

Folclore

Se o Japão é caracterizado por alguma coisa, é por causa de sua tradição popular. Este país é caracterizado tanto por suas grandes obras em nível visual, como pintura e mangá, quanto por suas roupas tradicionais.

Entre os trajes típicos destaca o quimono, um terno longo, semelhante a uma túnica. Isso geralmente é acompanhado por sandálias de madeira.

Outros aspectos conhecidos e populares da civilização e cultura japonesas são tradições relacionadas à gueixa e ao samurai. As gueixas são artistas femininas, muito típicas nos séculos XVIII e XIX e cuja função é divertir-se com diferentes disciplinas artísticas. Eles costumavam ser voltados para o público masculino.

A civilização japonesa exportou outros aspectos culturais para o resto do mundo, como a gastronomia, especialmente para pratos como o sushi, que são cada vez mais populares.

3- Índia

As 10 civilizações mais importantes do Extremo Oriente 4

A civilização indiana surgiu há 4.500 anos. Essa cultura, que se desenvolveu fora da civilização ocidental e fez importantes avanços em ramos como a arquitetura (Taj Mahal).

Sistema de castas

Uma das características mais identificadoras dessa civilização é a maneira estratificada pela qual ela é organizada socialmente. Esta divisão de castas é influenciada pela principal religião da cultura indiana, o hinduísmo.

A sociedade indiana é organizada em castas, com base em quatro categorias. Estes são brâmanes , formados por padres e intelectuais; os Ksatriya , guerreiros e governantes;Vaisyas, comerciantes e proprietários de terras e os Sudras, agricultores. Finalmente, há uma categoria em que várias castas intocáveis ​​são agrupadas, o Pancama .

Linguagem

A Índia não possui idioma oficial; nessa civilização, pode ser encontrada uma grande variedade linguística. Essa diversidade pode ser classificada em quatro grandes famílias linguísticas: a indo, a mundana, a dravidiana e a tibetana-birmanesa.

Religião

Hinduísmo é a religião da civilização indiana. Embora, se alguém fala do território que essa sociedade ocupa, outras religiões, como o cristianismo ou o budismo, podem ser encontradas.

O hinduísmo é a terceira religião mais professada no mundo. Há tanta influência que essa crença teve, que as pessoas que vivem na Índia ou que pertencem a essa cultura são conhecidas como hindus, para distingui-las das sociedades indígenas encontradas nas Américas.

Um dos aspectos mais curiosos do hinduísmo é que ele não tem um fundador, é um conjunto de crenças heterogêneas. Portanto, dentro dessa religião, você pode encontrar escolas diferentes.

Deus é conhecido como Brahman e defende a existência de reencarnação, especificamente este é um processo cíclico que ocorre no mundo visível. O principal objetivo dos hindus é escapar deste ciclo de reencarnações e alcançar o princípio universal.

4- Mongólia

As 10 civilizações mais importantes do Extremo Oriente 5

A cultura da civilização mongol foi marcada pela passagem de vários impérios nômades, como o estado de Xiongnu, o estado de Xianbei ou o Khaganate turco.

O Império Mongol, como tal, data do século XIII. Essa foi uma das mais extensas da história e foi formada pelo agrupamento de várias tribos nômades da Mongólia, sob a liderança de Genghis Khan.

Religião

Nos tempos antigos, a religião que prevalecia no Império Mongol era o tengrianismo. Isso incorpora elementos de xamanismo, que também tem sido tradicionalmente praticado pelos mongóis.

Essa doutrina é promovida pelos xamãs, pessoas com supostas faculdades para detectar e curar o sofrimento humano, algo que eles obtêm através de seu relacionamento com os espíritos.

Relacionado:  Cultura Michoacán: características mais importantes

No entanto, a religião que atualmente prevalece no que hoje é conhecido como Mongólia é o budismo, especificamente o budismo tibetano.

5- Indonésia

As 10 civilizações mais importantes do Extremo Oriente 6

Pode-se dizer que a Indonésia não é uma civilização como tal, mas uma mistura de várias civilizações.

Religião

Embora a constituição da Indonésia atual inclua a liberdade religiosa, ela tem uma pequena nuance, desde que seja um dos cinco oficiais. Estes são o islamismo, o catolicismo, o budismo, o protestantismo ou o hinduísmo.

Linguagem

Embora exista uma grande variedade de idiomas nessa civilização, o mais falado é o bahasa indonésio, de origem malaia e de comerciantes.

6- Tailândia

As 10 civilizações mais importantes do Extremo Oriente 7

A civilização da Tailândia é relativamente recente em relação às anteriores. Ela data do primeiro milênio dC, quando os tailandeses deixaram a China e se estabeleceram no país hoje conhecido como Tailândia.

No entanto, não foi até o século XIII que a Tailândia se formou como nação. Eles estabeleceram seu primeiro reino em Sukhothai.

Dentro da civilização tailandesa, existem variedades dependendo da região em que seus habitantes vivem.

Entre as manifestações culturais e artísticas mais populares da civilização tailandesa em todo o mundo está o Muay Thai, um esporte típico semelhante ao kick-boxing.

Religião

A religião mais professada pelos tailandeses é o budismo, especificamente a escola Theravada, a mais antiga dessa religião. Um dos traços dessa variedade na Tailândia é a cultura do mérito para obter milagres.

Além do budismo, o hinduísmo e o islamismo também tiveram uma ótima recepção da população tailandesa.

7- Vietnã

As 10 civilizações mais importantes do Extremo Oriente 8

Como a maioria das sociedades orientais discutidas neste artigo, a civilização vietnamita surgiu de um assentamento nômade que foi localizado ao redor do Delta Vermelho. Sua origem mitológica está na união do dragão e da fada.

É uma das mais antigas culturas conhecidas, com mais de 3000 anos, embora por um milênio estivesse sob o domínio da China, país do qual se tornou independente no século X.

A sociedade vietnamita tradicionalmente vive da agricultura, especialmente o cultivo de arroz, um cereal amplamente usado em sua culinária popular.

Religião

As contribuições externas que a cultura vietnamita teve também tiveram uma grande influência na religião desta sociedade.

Os vietnamitas têm uma religião baseada na mistura de três religiões, como confucionismo, budismo e taoísmo, conhecido como Tam Giáo. A religião católica também tem muitos seguidores.

Linguagem

Atualmente, a maioria das palavras usadas pelos vietnamitas são de origem chinesa. No entanto, há palavras que vêm dos dialetos usados ​​pelas tribos nômades que deram origem a esta civilização, incluindo as comunidades de Mon-Khmer.

8- Coréia

As 10 civilizações mais importantes do Extremo Oriente 9

Embora hoje existam grandes diferenças entre a Coréia do Norte e a Coréia do Sul por razões políticas, há aspectos comuns que caracterizam essa civilização antes de sua divisão antes de 1945.

Essa civilização surge do povo Tung-I que se estabeleceu em 3000 aC na região da Manchúria para cobrir toda a península coreana.

Folclore

Ao longo da história, a Coréia recebeu grandes influências chinesas que foram incorporadas nas tradições populares e folclóricas. Por exemplo, as danças são divididas em nacionais e estrangeiros, entrando nas segundas que vêm da China. A pintura também adotou técnicas chinesas relacionadas ao budismo.

Na gastronomia, como na grande maioria dos outros países asiáticos, o arroz é coroado como o principal ingrediente.

Algumas das festas mais populares são Yeonggo , Dongmaeng e Muncheon . O traje típico da civilização coreana é o hanbok , que apresenta variedades de acordo com o estrato social.

9- Cultura birmanesa

A sociedade birmanesa tem sido fortemente marcada por influências chinesas e hindus. Isso se refletiu em aspectos como a arte, onde elementos da religião budista eram tradicionalmente representados e na gastronomia; Seu prato mais famoso é o Mohinga, uma sopa feita com macarrão e caldo de peixe.

Religião

Como na Tailândia e como você verá no Camboja abaixo, a doutrina mais popular é a defendida pela escola de budismo Theravada.

10- Cultura Khmer (Camboja)

As 10 civilizações mais importantes do Extremo Oriente 10

A cultura da civilização do Camboja é marcada pelo Império Khmer (sI-s.VII), embora seja muito maior do que a região ocupada territorialmente pelo atual Camboja. Também cobriu países como Tailândia ou Birmânia.

Hoje, o povo Khmer representa a maioria da população cambojana. A cozinha é semelhante à chinesa e indiana. Trajes típicos são sarongues e sampot, roupas de tecido, que podem ser enroladas pela virilha ou soltas até os tornozelos, sem diferenciação pelas classes sociais.

Religião

No Camboja, a religião hindu foi professada por um longo tempo. No entanto, hoje, como na Tailândia e na Birmânia, a religião predominante é o budismo da escola Theravada.

Referências

  1. Cultura, tradição e costumes chineses. Recuperado de: elements.science.psu.edu.
  2. Cultura chinesa: costumes e tradições da China. Recuperado de: livescience.com.
  3. Guia de viagens na China. Recuperado de: travelchinaguide.com.
  4. Wikipedia.org
  5. Cultura japonesa Recuperado de insidejapantours.com.
  6. Índia Recuperado de everyculture.com.
  7. Religião na Mongólia. Recuperado de discovermongolia.nm.
  8. História da língua vietnamita. Recuperado de vietnam-culture.com.
  9. Cultura Indonésia Recuperado de culturaindonesia.blogspot.com.

Deixe um comentário