As 99 melhores frases de psicopatas e serial killers

Deixo as melhores frases de psicopatas famosos como Jeffrey Dahmer, Ted Bundy, Ed Gein, Albert Fish, John Wayne Gacy, Aileen Wuorno, entre outros.

Você também pode estar interessado nessas frases de psicólogos .

-Eu sou um serial killer. Eu mataria novamente. -Aileen Wuorno.

As 99 melhores frases de psicopatas e serial killers 1

A sociedade quer acreditar que pode identificar pessoas más ou más ou prejudiciais, mas isso não é viável. Não há estereótipos. -Ted Bundy.

As 99 melhores frases de psicopatas e serial killers 2

-Eu não ligo se vivo ou morro. Vá em frente, me mate. -Jeffrey Dahmer.

As 99 melhores frases de psicopatas e serial killers 3

-Eu não lembro de ter matado ninguém, eu poderia ter feito isso sem saber. Não tenho certeza se eu fiz isso. John Wayne Gacy.

As 99 melhores frases de psicopatas e serial killers 4

-Acho que a maioria dos seres humanos tem dentro deles a capacidade de cometer assassinatos. Richard Ramirez.

As 99 melhores frases de psicopatas e serial killers 5

-O que eu fiz não foi por prazer sexual. Pelo contrário, me trouxe um pouco de paz de espírito. -Andrei Chikatilo.

As 99 melhores frases de psicopatas e serial killers 6

-Eu sou a projeção da mentira em que você vive. Julgue-me e sinta-me, mas eu sempre permanecerei em você. Charles Manson.

As 99 melhores frases de psicopatas e serial killers 7

-Eu gosto de crianças, elas são gostosas. Albert Fish.

As 99 melhores frases de psicopatas e serial killers 8

– Assassinato não é sobre luxúria e não é sobre violência. É sobre posse. -Ted Bundy.

-Eu matei tantas mulheres que é muito difícil para mim ser clara. Gary Ridgway.

-Vamos em partes. -Jack o estripador”.

-Por que não posso matar? Se todos nós vamos morrer de qualquer maneira. -Mary Bell.

-Eu sou um erro da natureza, um animal louco. -Andrei Chikatilo.

-Eu sou um assassino, não um estuprador. Gary Ridgway.

-Mesmo psicopatas têm emoções. Por outro lado, talvez não. Richard Ramirez.

Dizem que é o número de pessoas que matei, digo que é o procedimento. -Aileen Wuorno.

-Eu quero dominar a vida e a morte. -Ted Bundy.

Meu desejo dominante era experimentar seus corpos. Eu os via como objetos, como estranhos. É difícil para mim acreditar que um ser humano poderia ter feito o que eu fiz. -Jeffrey Dahmer.

-Eu nem sei se tenho a capacidade de sentir emoções normais ou não, porque não choro há muito tempo. -Jeffrey Dahmer.

-Quando eu era criança, era como qualquer outra pessoa. -Jeffrey Dahmer.

– Assassinato não é sobre luxúria e não é sobre violência. É sobre posse. Quando você sente o último suspiro de vida que sai da mulher, você olha para os olhos dela. Em algum momento, está sendo Deus. -Ted Bundy.

– Somos assassinos em série, somos seus filhos, somos seus maridos, estamos em toda parte, e amanhã haverá mais crianças mortas. -Ted Bundy.

-Não me sinto culpado por nada. Sinto muito por pessoas que se sentem culpadas. -Ted Bundy.

-Ela não está desaparecida. Está na fazenda agora. -Ed Gein.

-Que emoção será se eu tiver que morrer na cadeira elétrica! Será a emoção suprema. O único que eu não tentei. Albert Fish.

-Eu não tenho nenhum desejo particular de viver. Não tenho nenhum desejo particular de ser morto. Para mim, é uma questão de indiferença. Albert Fish.

-Eu sempre tive o desejo de infligir dor aos outros e fazer com que outros me causassem dor. Eu sempre parecia gostar de tudo que doía. Albert Fish.

-Eu nunca deveria ter sido condenado por algo mais sério do que correr em um cemitério sem licença. John Wayne Gacy.

– Eu deveria ter ido para a faculdade, ingressado no setor imobiliário e adquirido um aquário, era o que eu deveria ter feito. -Jeffrey Dahmer.

-Sim, me arrependo, mas nem tenho certeza se é tão profundo quanto deveria ser. Eu sempre me perguntei por que não me arrependo mais. -Jeffrey Dahmer.

– De qualquer forma, o que é uma pessoa menos na face da terra? -Ted Bundy.

-Para mim, este mundo não é senão o mal, e meu próprio mal acabou de surgir. -Aileen Wuorno.

-Desisti de amor e felicidade há muito tempo. Richard Ramirez.

-Normal, pessoas comuns não pensam como um serial killer. Eles não têm idéia do que está acontecendo na mente de um assassino, ou como ele funciona. Richard Ramirez.

-Quando usei minha faca, isso me trouxe alívio psicológico. Eu sei que tenho que ser destruído. Eu fui um erro da natureza. -Andrei Chikatilo.

-Eu gostava de andar por conglomerados pelo condado e pensar nas mulheres que eu coloquei lá. Gary Ridgway.

-Um palhaço pode acabar com o assassinato. John Wayne Gacy.

– A miséria leva ao crime. Vi tantos caras chicoteadas que arruinaram minha mente. Albert Fish.

– Olhando para trás em minha vida, sei que fiz os outros sofrerem tanto quanto eu sofri. -Jeffrey Dahmer.

-De alguma forma, acho que queria que terminasse, mesmo que isso significasse minha própria destruição. -Jeffrey Dahmer.

Sim, sempre tive a sensação de estar errado. Eu não acho que alguém possa matar alguém e acho que está certo. -Jeffrey Dahmer.

-Eu decidi que nunca iria me casar porque nunca quis passar por algo assim. -Jeffrey Dahmer.

-Eu conheci pessoas que irradiam vulnerabilidade. Suas expressões faciais dizem ‘eu tenho medo de você’. Essas pessoas convidam abuso. Esperando se machucar, você o anima sutilmente? -Ted Bundy.

-Eu conheci muitos homens motivados a cometer violência como eu. Sem dúvida e sem exceção, cada um deles estava profundamente envolvido na pornografia. -Ted Bundy.

-Eu não sabia o que fazia as pessoas quererem ter amigos. Eu não sabia o que fazia as pessoas se atraírem. Eu não sabia o que está por trás das interações sociais. -Ted Bundy.

-Eu tive a compulsão de fazê-lo. -Ed Gein.

-Crie minha vida de fantasia mais poderosa que a real. -Jeffrey Dahmer.

-Eu cozinhava, olhava as fotos e me masturbava. -Jeffrey Dahmer.

-Eu tenho que começar a comer mais em casa … -Jeffrey Dahmer.

-É difícil para mim acreditar que um ser humano poderia ter feito o que fiz, mas sei que fiz. -Jeffrey Dahmer.

-Eu sempre acreditei na teoria da evolução como verdadeira, que todos nós viemos do lodo. Quando morremos, você sabe, isso foi tudo, não há mais nada. -Jeffrey Dahmer.

-Tente tocar o passado, tente lidar com o passado. Isso não é real. É apenas um sonho. -Ted Bundy.

-A fantasia que acompanha e gera a antecipação que antecede o crime é sempre mais estimulante do que o resultado imediato do próprio crime. -Ted Bundy.

-Nenhum de nós é um santo. Albert Fish.

-Os mortos não vão incomodá-lo, é dos vivos que você precisa se preocupar. John Wayne Gacy.

-Eu gostei de matar, queria matar. -Ted Bundy.

-Acho que ninguém duvida se fiz algumas coisas ruins. A questão é: o que, é claro, e como? e, talvez o mais importante, é por quê? -Ted Bundy.

-Vai me matar, e isso protegerá a sociedade de mim. Mas há muito mais pessoas viciadas em pornografia e você não está fazendo nada a respeito. -Ted Bundy.

-As idéias continuam girando repetidamente em minha mente e não desaparecem. -Jeffrey Dahmer.

-Se eles me matassem na cadeia, seria uma benção. -Jeffrey Dahmer.

– Sexo só é sujo quando você faz certo. -Ted Bundy.

-Quando você trabalha duro para fazer algo certo, não quer esquecê-lo. -Ted Bundy.

-Eu levei longe demais, com certeza. -Jeffrey Dahmer.

– Incontáveis ​​milhões de pessoas viajaram por esta terra antes de nós, passaram por isso, então essa é apenas uma experiência que todos compartilhamos. -Ted Bundy.

-Não bloqueei o passado. Eu não mudaria por nada a pessoa que sou, ou o que fiz, ou as pessoas que conheci. -Ted Bundy.

– Sem dúvida, mereço a punição mais extrema que a sociedade tem. -Ted Bundy.

-Possua-os fisicamente como se fosse dono de uma planta, uma pintura ou uma porsche. Possuir, por assim dizer, a pessoa. -Ted Bundy

-Eu sempre me perguntei como seria matar alguém. Gary Ridgway.

– Eles não seriam necessariamente estereótipos, mas seriam cópias razoáveis ​​para as mulheres, como classe. Uma classe não de mulheres, por si só, mas uma classe que quase foi criada através da mitologia das mulheres e como elas são usadas como objetos. -Ted Bundy.

Homens e mulheres não têm visões do futuro. Eles são possuídos por eles. -Ted Bundy.

-Eu gostaria que você desse meu amor à minha família e amigos. -Ted Bundy.

-Você vermes me deixa doente! Eu serei vingado. Lúcifer habita em todos nós. Richard Ramirez.

-Eu estava recebendo muita publicidade negativa. Eu não daria às pessoas a satisfação de me ver cair. Richard Ramirez.

Todos os assassinatos serão atribuídos a mim. Richard Ramirez.

-Eu roubei e matei tão frio quanto gelo, e faria de novo. Eu sei que mataria outra pessoa, porque eu odiava os humanos há muito tempo. -Aileen Wuorno.

-Eu queria esclarecer todas as mentiras e deixar a verdade sair. -Aileen Wuorno.

-Eu sou uma pessoa que odeia seriamente a vida humana e mataria novamente. -Aileen Wuorno.

Os satanistas precisam ter mais fé do que os cristãos, porque Cristo foi visto e sentido. Lúcifer nunca sentiu a necessidade de ser visto, mas ele pode sentir-se na alma de todos. Richard Ramirez.

– Assassinos em série fazem, em pequena escala, o que os governos fazem em larga escala. São produtos do nosso tempo e estes são tempos de sede de sangue. Richard Ramirez.

O mal sempre existiu, o mundo perfeito que a maioria das pessoas procura nunca acontecerá, e isso ficará pior. Richard Ramirez.

– Pareço o Green River Killer? Gary Ridgway.

N Não há proteção contra os tipos de influências desencadeadas em uma sociedade que tolera pornografia. -Ted Bundy.

Parece absurdo pedir misericórdia por algo que não fiz. -Ted Bundy.

-Não me entende. Você não espera isso. Você não é capaz de fazê-lo. Estou além da sua experiência. Richard Ramirez.

-Somos todos maus de uma maneira ou de outra, certo? Richard Ramirez.

-No final, todos nós morremos, e realmente nada importa. Richard Ramirez.

-Um livro que sugiro a todos é chamado: ‘O misterioso estranho’ de Mark Twain. É sobre Satanás e sua visita. Um bom livro Richard Ramirez.

-Todo mundo desempenha um papel e ninguém diz o que realmente está pensando. Richard Ramirez.

Todos nós temos, em nossas mãos, o poder de matar; mas a maioria das pessoas tem medo de usá-lo. Quem não tem medo, controla a própria vida. Richard Ramirez.

-Enquanto raiva e ódio são duas coisas que algumas pessoas podem enfrentar, eu não posso. Minha raiva e ódio crescem a um nível que eu não posso viver confortavelmente com eles. Richard Ramirez.

-Grande coisa, a morte vem com o território. Vejo você na Disneylândia. Richard Ramirez.

-Estou além da sua experiência. Estou além do bem e do mal, as legiões da noite, a corrida da noite, não repetem os erros dos ‘espreitadores da noite’ e não mostram compaixão. Richard Ramirez.

– Prazeres violentos tendem a ter fins violentos. Richard Ramirez.

-Leo suspense e horror, algo que me intriga. A morte sempre me fascinou. Richard Ramirez.

-Quando o Estado vem executar um homem, eles riem. Eu também. -Richard Ramírez.

Não acredito no dogma hipócrita e moralista da chamada “sociedade civilizada”. -Richard Ramírez.

-Eu não estava ciente das minhas ações. Todos devem descobrir quem são e estar cientes de suas ações antes de acabar em uma situação cruel e difícil. Richard Ramirez.

-Estou a caminho. Duvido que algo que não seja um milagre me mude. Eu tenho uma mente aberta, eu os ouço. Richard Ramirez.

-Eu também escolhi como vítimas as prostitutas porque eram fáceis de pegar, sem serem notadas. Eu sabia que eles não relatariam desaparecer imediatamente, e pode ser que eles nunca tenham sido relatados como desaparecidos. Gary Ridgway.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies