Concorrência direta: características e exemplos

A competição direta é uma situação em que duas ou mais empresas oferecem produtos ou serviços que são essencialmente a mesma. Como tal, essas empresas estão competindo pelo mesmo mercado potencial.

É um termo que descreve uma empresa que produz um bem ou serviço praticamente idêntico que é oferecido para venda no mesmo mercado que os produzidos por uma ou mais empresas alternativas.

Concorrência direta: características e exemplos 1

Fonte: picryl.com

Um concorrente direto é o que geralmente vem à mente quando pensamos no termo concorrência, e geralmente é o tipo que mais atrai a atenção das empresas ao elaborar estratégias.

Os fornecedores costumam usar estratégias de diferenciação competitiva para diferenciar seus produtos, serviços e marcas daqueles de seus concorrentes diretos. O objetivo é convencer os clientes em potencial não apenas que seu produto é diferente dos outros da categoria, mas que é superior a eles.

A concorrência direta contrasta com a concorrência indireta, na qual duas ou mais empresas oferecem produtos ou serviços que, embora diferentes, podem atender à mesma necessidade do consumidor.

Caracteristicas

Também conhecida como competição por categoria ou marca, refere-se ao cenário em que os produtos que desempenham a mesma função competem entre si. Em outras palavras, diferentes empresas oferecem produtos ou serviços praticamente idênticos no mesmo mercado-alvo, para a mesma base de clientes.

Os clientes procurarão uma série de atributos, como preço, localização, nível de serviço e características do produto ao considerar sua compra. No entanto, eles não escolherão necessariamente a mesma combinação dessas opções em cada comparação.

É provável que eles explorem o maior número possível de opções para atender às suas necessidades, o que pode incluir procurar um modelo de serviço diferente ou um produto completamente diferente.

Relacionado:  Preço de mercado: como é estabelecido e exemplos

É aqui que a concorrência se torna um fator importante. Reconhecer onde existe uma concorrência potencial é um fator-chave na determinação dos mercados mais fortes para soluções de negócios.

Em todos os momentos, é importante que uma empresa mantenha controle sobre os preços relativos e inovações tecnológicas significativas dos concorrentes diretos, a fim de evitar desvantagens competitivas e manter sua participação de mercado.

Fatores competitivos

Design, qualidade, preço, recursos e suporte são alguns dos fatores que um fornecedor pode promover como pontos de venda exclusivos.

Ao posicionar a empresa para oferecer uma combinação única de opções, um tipo diferente de consumidor pode ser alcançado.

Por exemplo, as empresas concorrentes que visam consumidores ricos provavelmente não competem em preço, enquanto concorrentes de clientes da classe trabalhadora podem tentar oferecer o mesmo produto que seus concorrentes, mas pelo menor preço possível.

Compreender onde os concorrentes estão localizados é fundamental para identificar as lacunas que a empresa pode preencher.

Como o produto é muito semelhante, como no caso da Pepsi e Coca-Cola, as marcas devem criar uma ligeira diferenciação em parâmetros como preços, locais, níveis de serviço e características do produto.

Eles devem acompanhar o posicionamento dos concorrentes diretos para encontrar as melhores soluções estratégicas de negócios.

Importância de analisar a concorrência direta

Uma vez realizada uma análise direta da concorrência, serão recebidas respostas às quatro perguntas a seguir, muito importantes em relação aos negócios.

– Saiba onde os produtos estão no mercado e a participação no mercado.

– Saiba quais são os concorrentes imediatos e os concorrentes a serem cuidadosos.

– Orientação dos principais concorrentes que desejam vencer para subir a escada competitiva

Relacionado:  Taxa marginal de substituição: como é calculada e exemplo

– Entenda suas próprias fraquezas de acordo com o ranking competitivo. E o que pode ser feito para melhorar.

A resposta para as perguntas anteriores é importante se você deseja que o negócio cresça no mercado. Nenhuma dessas respostas pode ser obtida se a concorrência direta não for analisada.

A maioria das empresas sabe quem é sua concorrência direta no mercado. No entanto, analisar a estratégia de negócios dos concorrentes pode dar-lhes uma vantagem.

Exemplos reais

Um consumidor que precisa de um meio de transporte comprará logicamente um carro. Esse consumidor tem muitos veículos para escolher, incluindo vans, carros compactos, carros esportivos e veículos utilitários.

Esses concorrentes diretos têm preços diferentes e atendem a diferentes necessidades. Alguns são mais espaçosos, outros são mais rápidos e outros economizam mais combustível.

Vários exemplos

A concorrência direta ocorre quando empresas como AT&T e T-Mobile vendem serviços e produtos de telefonia móvel em mercados semelhantes. Outro exemplo também pode ser o mecanismo de pesquisa do Google, competindo diretamente com a pesquisa do Bing. Da mesma forma, Boeing, contra Airbus, Chevy contra Ford.

A concorrência direta se estende até o menor mercado de varejo, como o vendedor X da Amazon, que vende uma capa para iPhone e o vendedor Y, que vende uma caixa semelhante.

Sempre que existem empresas que vendem produtos similares e que vendem em mercados similares, há concorrência direta.

Por exemplo, o iPhone da Apple está em concorrência direta com o Samsung Galaxy no mercado de smartphones. A linha Macbook da empresa concorre diretamente com a linha XPS da Dell na categoria notebook.

Várias empresas que oferecem produtos e serviços semelhantes criam concorrência direta. Burger King e McDonald’s são concorrentes diretos. O mesmo acontece com a padaria do supermercado e a padaria na mesma rua, ou o encanador independente e a franquia local do Sr. Rooter.

Relacionado:  Mercados consumidores: características, tipos e exemplos

Rivalidades famosas

Atualmente, a vida não pode ser imaginada sem telefones celulares ou a Internet, mas se o pequeno MCI não tivesse desafiado a titânica AT&T, a revolução das comunicações teria se desenvolvido de maneira muito diferente.

Uma economia global, que não poderia funcionar sem o transporte aéreo, é muito mais rápida e melhor porque a Airbus e a Boeing tiveram que lutar todos os dias por 40 anos.

Poderosas rivalidades podem ser ofuscantes. A Coca-Cola e a Pepsi estavam tão ocupadas acendendo as luzes que perderam uma noção completamente nova e, inconcebivelmente, hoje a bebida energética mais vendida em lojas de conveniência nos Estados Unidos não é produzida por nenhuma das empresas. É Red Bull

A General Motors e a Ford ficaram obcecadas uma pela outra até que um dia a Toyota tirou a maior parte de seus lucros.

Referências

  1. Tech Target (2019). Concorrência direta Retirado de: whatis.techtarget.com.
  2. Dicionário de negócios (2019). Concorrente direto Retirado de: businessdictionary.com.
  3. Mba Skool (2019). Concorrência Direta Retirado de: mbaskool.com.
  4. Hitesh Bhasin (2018). Como analisar e derrotar sua concorrência direta? Marketing91. Retirado de: marketing91.com.
  5. Fortune (2013). As 50 maiores rivalidades de negócios de todos os tempos. Retirado de: fortune.com.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies