Contra recibo: características, para que serve e exemplo

O contra recibo é um documento utilizado para comprovar o recebimento de uma determinada quantia em dinheiro ou de um bem. Geralmente é utilizado em transações comerciais, como forma de garantir que o pagamento foi efetuado ou que o objeto foi entregue. O contra recibo também pode ser utilizado em situações de empréstimos ou adiantamentos.

Para que serve o contra recibo? Ele serve como prova de que a transação foi realizada e que as partes envolvidas cumpriram com suas obrigações. Além disso, é importante para evitar possíveis problemas futuros e garantir a segurança das partes envolvidas na transação.

Um exemplo de contra recibo seria o seguinte:

Eu, [nome do recebedor], CPF [número do CPF], declarei ter recebido a quantia de R$ 500,00 (quinhentos reais) de [nome do pagador], CPF [número do CPF], referente ao pagamento do serviço de limpeza realizado em sua residência no dia 15 de julho de 2021.

Data: ____/____/_____

Assinatura do recebedor: _______________________

Assinatura do pagador: _______________________

Significado e função do contra recibo: entenda como funciona essa documentação importante.

O contra recibo é um documento utilizado para comprovar o recebimento de determinado bem ou serviço. Ele funciona como uma espécie de recibo de quitação, sendo emitido após a entrega de um produto ou a prestação de um serviço. Esse documento é importante para ambas as partes envolvidas na transação, pois garante a segurança e a transparência da operação.

O contra recibo possui características específicas que o distinguem de um recibo comum. Ele deve conter informações como a data, o nome e CPF do recebedor, a descrição detalhada do bem ou serviço entregue, o valor correspondente, a assinatura do entregador e do recebedor, entre outros dados relevantes para a transação.

A função principal do contra recibo é evitar possíveis conflitos ou mal-entendidos entre as partes, servindo como prova de que a entrega foi realizada de forma correta e que o pagamento foi efetuado. Ele também pode ser utilizado em casos de trocas ou devoluções, garantindo que ambas as partes cumpram com suas obrigações.

Um exemplo prático de contra recibo seria o seguinte: João adquiriu um sofá de Maria e, após a entrega do móvel, Maria emite um contra recibo com todos os detalhes da transação, incluindo a data de entrega, o valor pago, a descrição do sofá e as assinaturas de ambas as partes. Esse documento garante que João recebeu o sofá em perfeitas condições e que Maria recebeu o pagamento acordado.

Significado de Contrarrecibo: Entenda a definição e como funciona esse documento de pagamento.

O contrarrecibo é um documento utilizado para comprovar o recebimento de um pagamento. Ele é emitido pela pessoa ou empresa que recebeu o valor, como uma forma de garantir que a transação foi realizada de forma correta e que o dinheiro foi de fato entregue.

Esse documento é bastante utilizado em transações comerciais, principalmente quando o pagamento é feito em dinheiro ou por meio de cheque. O contrarrecibo serve como uma espécie de recibo do recibo, reforçando a segurança da operação e evitando possíveis questionamentos futuros.

Para que um contrarrecibo seja válido, é importante que ele contenha informações como a data do pagamento, o valor recebido, o nome do pagador e do recebedor, além de assinaturas que comprovem a entrega do dinheiro. Assim, ambas as partes ficam resguardadas em caso de eventuais problemas.

Relacionado:  Liber Ludiciorum: Antecedentes, Estrutura e Importância

Um exemplo prático de utilização do contrarrecibo seria quando você paga o aluguel do seu apartamento em dinheiro. O proprietário do imóvel emite um recibo comprovando o recebimento, e você, por sua vez, emite um contrarrecibo confirmando que o valor foi entregue. Dessa forma, ambas as partes têm um documento que comprova a transação.

Quais são os elementos que compõem um recibo?

Um recibo é um documento que comprova o pagamento de um determinado bem ou serviço. Os elementos que compõem um recibo incluem: nome do pagador, nome do recebedor, data do pagamento, valor pago, descrição do que foi pago e assinatura do recebedor. Estes elementos são essenciais para garantir a validade do recibo e comprovar que a transação foi realizada.

Contra recibo: características, para que serve e exemplo

O contra recibo é um documento utilizado para confirmar o recebimento de um pagamento, sendo uma espécie de recibo do recibo. Ele serve para garantir que o pagamento foi efetuado e que o valor foi recebido pelo destinatário. O contra recibo geralmente possui os mesmos elementos de um recibo comum, como o nome do pagador, data do pagamento, valor recebido, descrição do pagamento e assinatura do recebedor.

Um exemplo de contra recibo seria: João paga a Maria a quantia de R$100,00 referente à compra de um livro. Maria emite um recibo confirmando o recebimento do valor, e João, por sua vez, assina o contra recibo para confirmar que o pagamento foi realizado.

Qual a função do recibo?

Um recibo é um documento utilizado para comprovar o pagamento ou recebimento de um determinado valor ou bem. Ele geralmente contém informações como o nome das partes envolvidas, o valor pago, a data da transação e a forma de pagamento. A principal função do recibo é garantir que haja um registro oficial do acordo realizado entre as partes, evitando possíveis desentendimentos ou divergências no futuro.

O contra recibo, por sua vez, é um documento que complementa o recibo, sendo emitido pela parte que recebeu o pagamento. Ele serve para confirmar que o valor ou bem foi de fato recebido, atestando assim a quitação da dívida ou a entrega do produto. O contra recibo é uma forma adicional de garantir a segurança da transação e pode ser exigido em algumas situações específicas.

Um exemplo prático de contra recibo seria quando um cliente realiza o pagamento de um produto ou serviço e, ao receber o comprovante de pagamento, o vendedor emite um documento confirmando o recebimento do valor. Dessa forma, ambas as partes ficam resguardadas e têm um registro oficial da transação realizada.

Contra recibo: características, para que serve e exemplo

O contra-recebimento é um documento que visa garantir ou prometer a conclusão de um processo de pagamento. É usado pelas empresas para ratificar o faturamento de algumas mercadorias, dispositivos ou serviços. É entregue como prova de que a fatura foi recebida, para revisão e pagamento futuro da fatura.

Relacionado:  Títulos de crédito: classificação, características e exemplos

É simplesmente um reconhecimento oficial de que os serviços ou produtos entregues pelo fornecedor foram recebidos pelo cliente. Este documento é preparado pelo vendedor para ser entregue ao cliente ou consumidor. É usado para manifestar propriedade da mercadoria.

Contra recibo: características, para que serve e exemplo 1

Fonte: pixabay.com

Normalmente, as empresas estabelecem determinados dias para receber as faturas para análise e, em outros dias fixos, podem fazer seus respectivos pagamentos.

A fatura de venda e a contra-entrada são partes importantes do ciclo de compra. O contra-recebimento ajuda o vendedor a manter seu registro de vendas e determinar se o cliente recebeu ou não satisfatoriamente a quantidade de mercadoria indicada.

Características do contra-recebimento

O contra-recebimento se torna um documento emitido no momento do recebimento de uma fatura, para iniciar o processo de pagamento correspondente.

No que diz respeito a uma fatura, o recibo deve ser emitido quando a transação estiver vinculada à cobrança do imposto sobre vendas. Da mesma forma, quando corresponde à exportação de serviços ou bens, ou quando exigido pelo usuário.

Esse termo é amplamente utilizado no idioma corporativo, pois está intimamente relacionado às atividades operacionais diárias.

Componentes

Abaixo está um exemplo do formato de um recibo na imagem a seguir.

Contra recibo: características, para que serve e exemplo 2

Os componentes que um documento de contra-recebimento deve ter são os seguintes:

– A identificação clara e visível que indica que é um contra-recebimento, com a legenda “CONTRA O RECEBIMENTO”.

– Um número de identificação do documento.

– Data e local de emissão do documento.

– Nome da pessoa, empresa ou instituição que entrega a fatura.

Para cada fatura entregue pelo fornecedor, os seguintes elementos devem ser indicados:

– Número da fatura.

– Data da fatura.

– Valor a ser pago na fatura.

– descrição detalhada.

– A soma dos valores das faturas indicadas será o valor total a ser pago.

Por fim, a data de pagamento programada e a assinatura e / ou carimbo da pessoa autorizada para conformidade com o pagamento devem ser claramente indicadas.

Para que serve?

O contra-recebimento é o documento que suporta a entrega de uma ou mais faturas a um cliente.

Por exemplo, no México, ao entregar faturas, o pagamento correspondente não é necessariamente feito. No recibo, é onde estão relacionados os diferentes números de faturas que estão em processo de revisão e pagamento.

É um documento usado internamente e não tem validade legal. Serve como uma tarefa; isto é, que é entregue como prova de ter recebido uma fatura a ser revisada e poder efetuar o pagamento futuro.

O contra-recebimento é emitido no momento em que a fatura é recebida, para executar o processo de pagamento correspondente.

O comprador também pode verificar e combinar os detalhes dos produtos ou serviços listados no recibo com os recebidos na fatura.

O recibo pode ajudar os clientes a acompanhar os pagamentos de bens e serviços adquiridos e os vendedores também podem identificar os valores que foram entregues nas faturas e que ainda estão pendentes de pagamento.

Como preencher um recibo?

Após o fornecedor fornecer os itens necessários no pedido de compra ao armazém, total ou parcialmente, ele deve ser apresentado na área do caixa com a fatura das mercadorias entregues e o pedido de compra correspondente a essa fatura.

Relacionado:  Modalidades de obrigações: características e exemplos

O que é feito é pesquisar e verificar o pedido de compra no arquivo. No recibo, deve ser indicada a data correspondente a ser paga, o tipo de recibo, total ou parcial, e o nome e a assinatura do caixa devem ser colocados.

Em seguida, insira o número da fatura recebido no campo apropriado, bem como o subtotal e o IVA no recibo.

Sistema automatizado

– No campo “Caixa”, é colocado o nome do trabalhador que prepara o documento. A data atual será atribuída no campo «Data contra recebimento». Esta data pode ser modificada.

– O tipo de contra-recebimento a ser elaborado é selecionado no campo de lista “Tipo”. Este campo fornece seis tipos diferentes de contra-entrada: “Total de acordo com o pedido”, “Complemento parcial”, “Parcial 1”, “Parcial 2”, “Parcial 3”, “Parcial 4”.

Se o pedido for entregue completamente, será escolhido “Total de acordo com o pedido”.

Se entregue parcialmente, “Parcial 1” será escolhido. No entanto, se com esta entrega o pedido for entregue totalmente, “Complementar Parcial” será selecionado.

Se houver outras entregas parciais, serão selecionados “Parcial 2”, “Parcial 3” ou “Parcial 4”.

– No campo «Não. Fatura »o número da fatura é inserido. O valor do subtotal e o IVA também são inseridos.

– O campo “Pagamento” indicará a data de pagamento do recibo, de acordo com a política de pagamento. No entanto, pode ser modificado.

Exemplo

Suponha que Alexander tenha uma empresa de produção de luvas. É lógico que você solicite materiais ou serviços de outras empresas fornecedoras ou prestadores de serviços.

Quando uma dessas empresas que presta serviços termina a execução das obras de uma nova planta solicitada, apresenta duas faturas no valor total de US $ 152.000, a fim de coletar o trabalho realizado.

No entanto, naquele momento, Alexander não possui recursos ou dinheiro suficientes para pagar o total das contas. Portanto, nesse caso em particular, você deve emitir um recibo.

Especificações técnicas

Neste documento, os números da fatura são especificados, a descrição resumida dos serviços de construção fornecidos, juntamente com o valor total das faturas de US $ 152.000.

O provedor pode cobrar no tempo especificado para processar o pagamento, que é de dez dias, de acordo com sua política de pagamento. Você pode ver o recibo na imagem a seguir.

Contra recibo: características, para que serve e exemplo 3

O recibo é um documento oficial. Portanto, é devidamente assinado pela pessoa responsável pelo pagamento.

Tem um original e duas cópias. O original é para o provedor de consultoria, uma das cópias é anexada à fatura do processo de pagamento correspondente e a segunda cópia deve ser arquivada.

Referências

  1. Exemplo de (2012). Exemplo de recibo de contador. Retirado de: examplede.com.
  2. Meu espaço executivo Begg (2011). Contra recibo. Retirado de: miclaseejecutivabegg.
  3. Rasgocorp (2019). Contra recibos Retirado de: rasgocorp.com.
  4. Direito no México (2019). FORMULÁRIO CONTRA O RECEBIMENTO. Retirado de: derechoenmexico.mx.
  5. Minha turma Mariela Veleta (2019). Qual é o recibo? Retirado de: miclasemvm.blogspot.com.

Deixe um comentário