Economia da Região do Caribe da Colômbia: atividades

A economia da região do Caribe da Colômbia , localizada no norte do país, é muito variada devido à sua localização estratégica do porto e à riqueza de recursos naturais, o que levou ao desenvolvimento de uma ampla gama de atividades e produtos.

As atividades têm a ver principalmente com o turismo. O posicionamento como região turística deve-se à difusão da beleza de suas praias, cidades coloniais, natureza exuberante e ruínas pré-colombianas que atraem turistas de todo o mundo.

Economia da Região do Caribe da Colômbia: atividades 1

Os produtos de sua economia, entretanto, surgem da fertilidade de suas terras e de recursos minerais, vegetais e produtivos.

As 6 principais atividades econômicas da região caribenha da Colômbia

1- Agricultura

A agricultura na região do Caribe consiste principalmente de banana e plantações de banana cultivadas em Urabá. Há também plantações de café nas encostas do Monte Santa Marta.

Outros produtos cultivados na região são algodão, arroz, cacau, mandioca, óleo de palma africano e uma variedade de frutas.

2- Pecuária

É uma atividade que ganhou grande importância, principalmente nos vales dos rios Sinú e San Jorge, e também nas planícies atlânticas.

O mais difundido é o gado nos departamentos de Córdoba, Magdalena, Bolívar, Sucre, Atlântico e César. O gado caprino também é criado em La Guajira.

3- Mineração

A mineração em larga escala concentrou-se no carvão e níquel, com grandes depósitos desses minerais na região costeira.

Também é desenvolvida a exploração de gás natural e sal em Manaure e Galerazamba.

4- Indústria

As cidades industriais mais importantes da região são Barranquilla e Cartagena. Essas cidades desenvolveram o setor e conseguiram atrair investimentos.

Seu sucesso se deve não apenas à sua localização estratégica, mas também aos benefícios em impostos, áreas de livre comércio e excelente infraestrutura de telecomunicações.

Em Barranquilla, as principais indústrias são metalúrgica, logística, indústria de energia e serviços comerciais. Em Cartagena, além do desenvolvimento do turismo, estão localizadas as principais refinarias.

5- Turismo

A capital turística da região caribenha da Colômbia é Cartagena das Índias. Esta cidade colonial é a porta de entrada para turistas de todo o mundo.

Possui excelentes redes de hotéis, tanto no bairro de Bocagrande quanto na cidade velha.

O turismo também promove o desenvolvimento de gastronomia, transporte e vendas artesanais, entre outros elementos.

Além das cidades coloniais, as praias paradisíacas, a floresta tropical e as ruínas pré-colombianas estimulam um maior movimento e variedade de turismo internacional.

6- Transporte marítimo

Os principais portos exportam petróleo, carvão e outros minerais, alguns gerados na região do Caribe e outros no restante da Colômbia.

Barranquilla é a cidade que tem o maior porto da Colômbia e está localizada na confluência do rio Magdalena e do mar do Caribe.

Referências

  1. Jones Lang. (2013). Caribe, Colômbia 14/10/2017, do site Pulse: latinamerica.jll.com
  2. Barbara Stallings, Wilson Peres. (2010). O impacto das reformas econômicas em latim. Em crescimento, emprego e equidade: (25-104). Washington: Imprensa da instituição Brookings
  3. Andrew Dier (2016). Economia da Colômbia. 14/10/2017, do site da Moon: moon.com
  4. IGACRegiões naturais da Colômbia , edição de 1997, 1: 5000000. Recuperado em 17/10/2017.
  5. Harvey F. Kline. (2016). Drenagem e solos. 13/10/2017, do site Encyclopædia Britannica: britannica.com

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies