Monografia: características, tipos, exemplos e etapas para fazê-lo

Monografia: características, tipos, exemplos e etapas para fazê-lo

Uma monografia é um trabalho escrito no qual um tópico específico em uma determinada área é desenvolvido. Este texto investigativo destaca-se por seguir uma ordem, concentrando-se em detalhar cada aspecto do conteúdo e apresentar diferentes pontos de vista dos especialistas, a fim de obter maior profundidade e precisão.

A monografia visa divulgar informações sobre um tópico de interesse, que pode ser científico, filosófico, ambiental, histórico ou jornalístico. Por outro lado, nessa variedade de documentos, é importante que o autor exponha sua contribuição e conhecimento pessoal para dotar a obra de originalidade e personalidade.

Para a apresentação de um trabalho monográfico, devem ser seguidas algumas diretrizes de estruturação, que são: capa, dedicação ou reconhecimento, índice, prólogo, introdução, desenvolvimento, conclusões, anexos e fontes bibliográficas. O cumprimento dessas etapas dá ordem à investigação, coerência e lógica.

Em geral, uma monografia deve ser regida pelas normas da APA (criadas pela American Psychological Association), que estabelecem a maneira pela qual todo o conteúdo deve ser apresentado e desenvolvido: citações, tabelas, anexos, estilo, referências e os outros componentes do trabalho.

Características de uma monografia

– Existência de um tema central

Uma monografia é baseada no desenvolvimento de um tópico específico, que permite definir limites específicos em relação aos pontos que você deseja cobrir. A escolha de um conteúdo facilita a precisão do trabalho monográfico; Isso evita desvios, inconsistências e mal-entendidos do texto.

Amostra de monografia com um tema central

A mudança climática.

– Projeto e extensão anteriores

A realização de uma monografia deve estar sujeita a um desenho previamente pensado, isto significa que o autor deve organizar as idéias e a maneira como deseja apresentá-las, de modo que o trabalho seja delimitado e preciso. Por outro lado, o comprimento da monografia pode variar dependendo das fontes e recursos utilizados.

Exemplo

Antes do desenvolvimento da monografia sobre mudança climática , um esboço do design foi elaborado para delimitar o conteúdo e o comprimento:

O que é mudança climática? Características, estatísticas, estudos de especialistas, opiniões de profissionais do clima e do meio ambiente.

– Recopilação de informação

O desenvolvimento de uma monografia inclui necessariamente a investigação e a compilação de informações sobre o assunto a ser tratado. É importante que o autor ou desenvolvedor do documento se baseie em fontes confiáveis ​​e altamente credíveis, para isso devem ser consultados trabalhos de especialistas e material especializado.

Exemplo

As mudanças climáticas são definidas como mudanças nos fenômenos climáticos e climáticos em todo o mundo, devido ao aquecimento global causado pelo homem. 

– Imparcialidade e objetividade

Em todas as monografias, a imparcialidade deve prevalecer em relação às informações coletadas; Isso significa que o autor não deve se inclinar para um único ponto de vista. A posição do pesquisador deve ser honesta e refletir o negativo e o positivo. Outra característica marcante é a objetividade, que limita o autor a dar sua opinião.

Exemplo

O abuso infantil é um flagelo que está aumentando com o tempo, de acordo com dados da Organização Mundial da Saúde até 2016, um quarto da população adulta afirmou que foram vítimas de abuso físico e psicológico quando crianças.

Por outro lado, a Academia Mexicana de Pediatria sustenta que “o abuso infantil deve ser considerado um problema médico-social-legal da humanidade e um fenômeno de atraso e reemergência global”.

Além disso, a instituição mencionada propõe a avaliação constante das crianças e suas famílias por equipes médicas especializadas e apoio educacional para evitar abusos.

– Clareza e precisão

O conteúdo de uma monografia é caracterizado pelo uso de linguagem clara, precisa e fácil de entender para o público receptor. As informações reunidas em torno do tópico desenvolvido devem ser condensadas para evitar duplos significados ou ambivalência.

Exemplo

O estudo do abuso infantil é difícil e complexo devido aos parâmetros e estimativas que cada país possui sobre atos de violência contra crianças e adolescentes. Isso inclui a definição de abuso, os estudos realizados, estatísticas oficiais e a qualidade dos depoimentos das vítimas.

– Contribuição

Embora uma monografia exponha as informações existentes sobre o tópico desenvolvido, é importante que contribua e adicione novos conhecimentos. As contribuições são produzidas por meio de atividades experimentais, pesquisas que produzem estatísticas e pelo senso crítico do autor.

Exemplo

Às diferentes atividades realizadas para prevenir o abuso infantil, podemos acrescentar ao currículo escolar a incorporação de disciplinas que promovam o crescimento pessoal, a auto-estima e o respeito próprio.

Uma pesquisa com a população de estudantes do primeiro ano do ensino médio sobre essa proposta mostrou que 60% dos entrevistados concordaram.

Isso significa que crianças e adolescentes querem mais informações para saber como se defender de qualquer situação de abuso ou maus-tratos. Uma população infantil saudável é uma garantia de uma sociedade em constante evolução e transformação e que protege seu futuro.

– Citações e referências

Em uma monografia, é importante destacar as fontes usadas para seu desenvolvimento. Estes são aplicados através de citações ou referindo-se a um autor em particular. Com citações e referências, o trabalho ganha credibilidade e profundidade, enquanto o trabalho de pesquisa anterior é valorizado.

Exemplo

Joan Lombardi (Fundação Bernard Van Leer) declarou: “Todas as crianças compartilham os mesmos direitos. A violência contra eles é uma questão global … Uma criança espancada tem dificuldade em entender por que isso está acontecendo e se culpa por isso. É difícil reparar os danos causados ​​durante a primeira infância … sabemos que a chave para prevenir a violência contra crianças é reduzir os fatores de risco, aumentando os fatores de proteção … ”.

Estrutura e elementos internos

Toda monografia deve ter uma estrutura interna que permita a organização do conteúdo, o que, por sua vez, torna mais fácil para o receptor entender o tópico em discussão. Os elementos que compõem uma monografia são: apresentação, palavras-chave, introdução, índice, desenvolvimento, conclusões, bibliografias e anexos.

Exemplo

Apresentação

Papel timbrado da instituição, título, autor e data.

Palavras chaves

Abuso, infância, população vulnerável, causas, conseqüências, violência, abandono, prevenção, risco, saúde, pais, adolescentes, educação, auto-estima.

Introdução

Os maus-tratos infantis são uma manifestação de violência que persiste em todos os níveis sociais em qualquer país do mundo, mas é mais evidente nas comunidades mais pobres e menos instruídas.

As conseqüências desse flagelo comprometem a saúde emocional das sociedades e, consequentemente, a evolução do homem.

Índice

– Introdução… 5

– Desenvolvimento

– O que é abuso infantil? … 6

– Conclusões … 15

– Bibliografias … 16

– Anexos … 17-20

Conclusões

O abuso infantil é um dos principais sofrimentos sofridos por crianças e adolescentes. As consequências prevalecem ao longo da vida; em alguns casos, os bebês podem apresentar distúrbios cerebrais e nervosos que afetam seu desenvolvimento em diferentes áreas sociais.

A prevenção e erradicação do abuso infantil podem ser alcançadas através da participação de diferentes organizações nos níveis social, cultural, educacional, psicológico e governamental, que fornecem aos pais conselhos sobre como criar seus filhos.

Além disso, é importante manter campanhas que promovam a segurança pessoal de crianças e adolescentes, fortaleçam a autoestima e lembrem seus direitos.

Tipos de monografias

– Monografia de pesquisa

Uma monografia de pesquisa é caracterizada principalmente pelo estudo e exame aprofundados de um determinado tópico sobre o qual pouco foi investigado. O objetivo deste tipo de trabalho é fornecer informações novas e necessárias para esclarecer esse campo de pesquisa.

– Monografias de análise experimental

Esse tipo de pesquisa monográfica é quase sempre usado nas áreas de medicina e ciência. Seu objetivo é analisar e debater o trabalho experimental realizado em tópicos específicos, a fim de estabelecer novos argumentos para a área em que é investigado.

– Monografia de compilação

Este tipo de monografia se destaca por selecionar, pesquisar e analisar o tópico em que o trabalho será baseado. É feita uma compilação das informações mais relevantes sobre um tópico específico. Por sua parte, o autor deve incluir sua opinião ou percepção crítica em relação às informações que coletou.

Passos a seguir para escrever uma monografia

Especifique o tópico

O primeiro passo para fazer uma monografia é especificar o tópico que você deseja desenvolver, isso permite estabelecer a importância e a necessidade de torná-la conhecida.

Consultar fontes bibliográficas

Então você deve consultar as fontes bibliográficas e planejar a ordem do trabalho. As abordagens que são o ponto de partida da pesquisa são expostas.

Desenvolvimento

Posteriormente, o autor descarta as fontes que não são úteis e decide especificar as informações. É assim que o trabalho começa, comparando e analisando os diferentes pontos de vista das pesquisas anteriores.

Verificação, conclusões e adição de referências

Finalmente, o conteúdo é verificado, as conclusões são tiradas e as referências consultadas são adicionadas.

Referências

  1. Raffino, M. (2019). Conceito de monografia. (N / a): Conceito. De. Recuperado de: concept.de.
  2. Monografia. (2019). Espanha: Wikipedia. Recuperado de: es.wikipedia.org.
  3. Significado da monografia. (2018). (N / a): significados. Recuperado de: significados.com.
  4. Castillero, O. (2019). As 8 características de uma monografia. (N / a): Psicologia e Mente. Recuperado de: psicologiaymente.com.
  5. Miranda, D. (2017). O que é monografia. México: Diario Cultura. Recuperado de: Diariocultura.mx .

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies