O que é a unidade econômica?

A dependência económica é uma situação em que um país ou região depende de outro com um nível de produção superior, para o crescimento econômico devido aos seus fortes laços financeiros, comerciais ou políticos.

Esta situação é expressa em graus de dependência entre um país e outro. Por exemplo, entre um país industrializado que compra matérias-primas e um país atrasado que vende mercadorias, geralmente é criada uma relação de dependência, caracterizada por desvantagens para o último.

O que é a unidade econômica? 1

Formas de Dependência

Existem vários canais ou formas através dos quais a dependência econômica de um país ou região é produzida e expressa:

Uma delas é quando um país produtor único não diversifica seu mercado e concentra suas exportações em outro que as compra.

Então, quando as crises ocorrem no país comprador, seus efeitos têm um forte impacto no exportador, que vê suas vendas e receitas diminuírem devido à queda nos preços.

A dependência econômica também é expressa quando um setor econômico é controlado por empresas de outro país, do ponto de vista do capital ou das matérias-primas.

Também pode ocorrer quando as decisões de política econômica de um país são influenciadas ou dependem de decisões que devem ser tomadas em outros países por razões políticas ou financeiras, dada a relação de dependência existente.

Geralmente, a relação de dependência é criada entre economias desenvolvidas e economias atrasadas que exportam matérias-primas, mas também entre vendedores e compradores cartelizados.

O petróleo e outros minerais, são um bom exemplo deste tipo de relacionamento. O preço do petróleo no mercado mundial geralmente depende das decisões tomadas pelos países produtores, que pressionam o aumento dos preços controlando a produção e a venda.

Relacionado:  Os 30 tipos de mercado em economia

Graus de Dependência

A dependência é medida em termos qualitativos e quantitativos. Em termos qualitativos, porque na maioria dos casos existe uma relação de subordinação econômica entre o país exportador e o país importador.

Também é medido em termos quantitativos, quando o volume majoritário de exportações de um país para outro é quantificado. Diz-se então que o país importador terá influência sobre o país exportador, porque depende quase exclusivamente de suas compras.

Nesse sentido, indicadores econômicos foram estabelecidos para medir o grau de dependência ou influência de uma economia em outra.

Teoria da Dependência

Essa teoria econômica foi promovida em 1950 pela Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL), sendo um de seus representantes mais importantes, Raúl Prebish.

Toda a abordagem do modelo Prebisch baseia-se na criação de condições de desenvolvimento no país dependente, controlando a taxa de câmbio monetária, a eficiência do estado e a substituição de importações para proteger a produção nacional.

Também aconselhou priorizar os investimentos nacionais em áreas estratégicas e permitir o investimento estrangeiro apenas em áreas de interesse nacional, além de promover a demanda doméstica para consolidar o processo de industrialização.

Essas idéias foram reunidas em um modelo econômico mais elaborado nos anos setenta por outros autores como: Andre Gunder Frank, Theotonio Dos Santos, Samir Amin, Enrique Cardoso, Edelberto Torres-Rivas e o próprio Raul Prebisch.

A teoria da dependência é uma combinação de elementos neomarxistas com a teoria econômica keynesiana.

Referências

  1. Reyes, Giovanni E. Unidade Econômica. Retirado em 2 de dezembro de zonaeconomica.com
  2. Dependência econômica. Consultado de eumed.net
  3. Continentes – Dependência econômica na América Latina. hispantv.com
  4. Teoria da Unidade. Consultado em zonaeconomica.com
  5. Teoria da Unidade. Consultado em es.wikipedia.org
  6. Teoria da Dependência – Clacso (PDF). Consultado em Bibliotecavirtual.clacso.org.ar
  7. Dependência econômica. Consultado em encyclopedia-juridica.biz

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies