Os 13 tipos de decisões e suas características (com exemplos)

Tomar decisões é uma parte essencial da vida diária, seja no âmbito pessoal, profissional ou social. Existem 13 tipos de decisões, cada um com suas próprias características e impactos. Desde decisões simples, como escolher o que vestir pela manhã, até decisões complexas, como decidir qual carreira seguir, é importante entender as diferentes categorias de decisões e como elas podem influenciar nossas vidas. Neste artigo, exploraremos os 13 tipos de decisões e forneceremos exemplos para ilustrar cada um deles.

Conheça as diferentes categorias de escolhas e decisões para melhor compreensão.

Quando nos deparamos com situações que exigem decisões, muitas vezes não percebemos que existem diferentes categorias de escolhas que podemos fazer. Conhecer essas categorias pode nos ajudar a tomar decisões de forma mais consciente e eficaz. Abaixo estão os 13 tipos de decisões e suas características:

1. Decisões de rotina: São decisões simples e frequentes, que não exigem muita reflexão. Exemplo: o que comer no café da manhã.

2. Decisões programadas: São decisões planejadas com antecedência, que seguem um padrão. Exemplo: agendar uma consulta médica.

3. Decisões estratégicas: São decisões que envolvem planejamento e têm impacto a longo prazo. Exemplo: escolher uma carreira profissional.

4. Decisões táticas: São decisões que visam atingir objetivos específicos dentro de um plano maior. Exemplo: definir a estratégia de marketing de uma empresa.

5. Decisões operacionais: São decisões tomadas no dia a dia, para resolver problemas imediatos. Exemplo: lidar com um cliente insatisfeito.

6. Decisões individuais: São decisões tomadas por uma única pessoa, sem a necessidade de consultar outros. Exemplo: escolher o filme para assistir.

7. Decisões em grupo: São decisões tomadas por um grupo de pessoas, após discussão e consenso. Exemplo: decidir o tema de um projeto em equipe.

8. Decisões pessoais: São decisões que afetam principalmente a vida pessoal de alguém. Exemplo: mudar de cidade por motivos pessoais.

9. Decisões profissionais: São decisões relacionadas ao trabalho e à carreira de uma pessoa. Exemplo: aceitar uma oferta de emprego.

10. Decisões éticas: São decisões que envolvem questões morais e valores. Exemplo: decidir se deve denunciar uma injustiça.

11. Decisões financeiras: São decisões relacionadas ao dinheiro e aos investimentos. Exemplo: escolher onde aplicar o dinheiro.

12. Decisões de risco: São decisões que envolvem incertezas e possíveis consequências negativas. Exemplo: investir em um mercado volátil.

13. Decisões de emergência: São decisões tomadas diante de situações urgentes e inesperadas. Exemplo: agir rapidamente em caso de acidente.

Conhecer esses diferentes tipos de decisões pode nos ajudar a compreender melhor as escolhas que fazemos no dia a dia e a tomar decisões mais conscientes e assertivas. Portanto, é importante estar atento às características de cada categoria e avaliar qual é a mais adequada para cada situação.

Entenda o processo de tomada de decisão com exemplos práticos e ilustrativos.

A tomada de decisão é um processo fundamental para o sucesso de qualquer organização ou indivíduo. Existem diversos tipos de decisões, cada uma com suas características específicas e impactos. Vamos conhecer os 13 tipos de decisões e exemplificar cada um deles:

1. Decisões Programadas

Decisões rotineiras e repetitivas, que seguem um padrão preestabelecido. Por exemplo, um gerente que aprova pedidos de compra dentro do limite estabelecido pela empresa.

2. Decisões Não Programadas

Decisões únicas e não recorrentes, que demandam análise e avaliação. Por exemplo, a escolha de um novo fornecedor para a empresa.

3. Decisões Estratégicas

Decisões de longo prazo que impactam diretamente a missão e os objetivos da organização. Por exemplo, a decisão de expandir para um novo mercado.

4. Decisões Táticas

Decisões de médio prazo que visam alcançar metas específicas dentro da estratégia da organização. Por exemplo, a definição de metas de vendas para o próximo trimestre.

5. Decisões Operacionais

Decisões de curto prazo que envolvem a execução das atividades do dia a dia. Por exemplo, a alocação de recursos para atender a demanda de produção.

6. Decisões Individualizadas

Decisões tomadas por uma única pessoa, sem a necessidade de consulta ou consenso. Por exemplo, a escolha de um curso de especialização por um profissional.

7. Decisões Colaborativas

Decisões tomadas em conjunto por um grupo de pessoas, visando o consenso e a participação de todos. Por exemplo, a definição de um novo projeto em equipe.

8. Decisões de Risco

Decisões que envolvem incertezas e possíveis consequências negativas. Por exemplo, a decisão de investir em um novo produto sem garantia de sucesso.

9. Decisões de Certeza

Decisões baseadas em informações precisas e conhecimento completo da situação. Por exemplo, a renovação de um contrato com base em resultados anteriores.

10. Decisões de Incerteza

Decisões tomadas sem informações completas ou com cenários desconhecidos. Por exemplo, a escolha de um novo fornecedor em um mercado instável.

11. Decisões de Condições de Risco

Decisões que envolvem probabilidades conhecidas e possíveis resultados. Por exemplo, a decisão de lançar um produto com base em pesquisas de mercado.

12. Decisões de Condições de Incerteza

Decisões tomadas diante de cenários desconhecidos e sem informações precisas. Por exemplo, a entrada em um novo segmento de mercado sem dados concretos.

13. Decisões de Rotina

Decisões simples e rápidas, que não demandam análise extensa. Por exemplo, a escolha do cardápio do dia em um restaurante.

Entender os diferentes tipos de decisões e suas características é essencial para aprimorar o processo de tomada de decisão e garantir resultados eficazes. Ao reconhecer o tipo de decisão a ser tomada, é possível adotar estratégias adequadas e minimizar possíveis riscos. Portanto, esteja preparado para enfrentar os desafios e oportunidades que a tomada de decisão apresenta em diversos contextos.

Relacionado:  20 Exemplos de Argumento de Autoridade

Tipos de características presentes na tomada de decisão: entenda seus impactos e importâncias.

A tomada de decisão é um processo complexo que envolve diferentes tipos de características que influenciam diretamente as escolhas que fazemos. Cada tipo de decisão possui suas próprias características específicas, que podem ter impactos significativos em nossas vidas. Neste artigo, abordaremos os 13 tipos de decisões e suas características, com exemplos para ilustrar cada um deles.

1. Decisões Programadas: São aquelas que são rotineiras e repetitivas, baseadas em regras preestabelecidas. Um exemplo seria a decisão de seguir um cronograma de trabalho todos os dias.

2. Decisões Não Programadas: São aquelas que surgem de forma inesperada e exigem uma análise mais profunda. Um exemplo seria a decisão de investir em um novo projeto de negócio.

3. Decisões de Rotina: São aquelas que são tomadas frequentemente e não exigem muita reflexão. Um exemplo seria a decisão de qual roupa vestir para ir ao trabalho.

4. Decisões Não Rotineiras: São aquelas que exigem mais tempo e esforço para serem tomadas, pois envolvem consequências significativas. Um exemplo seria a decisão de mudar de emprego.

5. Decisões Estratégicas: São aquelas que têm um impacto de longo prazo e estão relacionadas ao planejamento estratégico de uma organização. Um exemplo seria a decisão de expansão de uma empresa para um novo mercado.

6. Decisões Táticas: São aquelas que estão relacionadas à implementação de estratégias e planos de ação. Um exemplo seria a decisão de reduzir os preços de um produto para aumentar as vendas.

7. Decisões Operacionais: São aquelas que estão relacionadas às atividades do dia a dia de uma organização. Um exemplo seria a decisão de contratar mais funcionários para atender a demanda crescente.

8. Decisões Programadas: São aquelas que são baseadas em dados e informações concretas. Um exemplo seria a decisão de investir em ações com base em análises financeiras.

9. Decisões Não Programadas: São aquelas que são tomadas com base em intuição e experiência. Um exemplo seria a decisão de confiar em um novo fornecedor com base em recomendações de colegas.

10. Decisões de Risco: São aquelas que envolvem incertezas e possíveis consequências negativas. Um exemplo seria a decisão de investir em um negócio iniciante.

11. Decisões de Certezas: São aquelas que são baseadas em informações precisas e conhecimento prévio. Um exemplo seria a decisão de renovar um contrato com um fornecedor confiável.

12. Decisões de Incertezas: São aquelas que são tomadas com base em probabilidades e previsões. Um exemplo seria a decisão de lançar um novo produto no mercado sem ter certeza de sua aceitação.

13. Decisões de Conflito: São aquelas que envolvem interesses opostos e exigem um equilíbrio entre diferentes pontos de vista. Um exemplo seria a decisão de cortar custos em uma empresa, o que pode resultar em demissões de funcionários.

Entender os diferentes tipos de características presentes na tomada de decisão é fundamental para fazer escolhas mais assertivas e eficazes. Cada tipo de decisão tem seus próprios impactos e importâncias, e estar ciente disso pode nos ajudar a lidar melhor com as situações que surgem em nossas vidas.

Classificação de decisões: entenda como as escolhas podem ser categorizadas de maneira eficiente.

A tomada de decisão é uma habilidade essencial em todas as áreas da vida, desde questões pessoais até profissionais. Para compreender melhor como as decisões podem ser classificadas de forma eficiente, é importante conhecer os 13 tipos de decisões e suas características distintas.

Os 13 tipos de decisões e suas características

1. Decisões rotineiras: são aquelas que são tomadas de forma regular e não exigem muita reflexão, como escolher o que vestir pela manhã.

2. Decisões programadas: são aquelas que seguem um padrão pré-estabelecido e têm um processo definido, como o pagamento de contas mensais.

3. Decisões não-programadas: são aquelas que surgem de forma inesperada e exigem uma resposta imediata, como lidar com uma emergência médica.

4. Decisões estratégicas: são aquelas que impactam diretamente o futuro da organização e exigem uma análise aprofundada, como a definição de objetivos de longo prazo.

5. Decisões táticas: são aquelas que envolvem a implementação de estratégias estabelecidas e têm um impacto de curto prazo, como a alocação de recursos em um projeto específico.

6. Decisões operacionais: são aquelas relacionadas às atividades diárias da organização e visam garantir a eficiência e a produtividade, como a definição de escalas de trabalho.

7. Decisões individuais: são aquelas tomadas por uma única pessoa, sem a necessidade de consulta ou consenso com outras partes envolvidas.

8. Decisões grupais: são aquelas tomadas em conjunto por um grupo de pessoas, visando agregar diferentes pontos de vista e experiências.

9. Decisões públicas: são aquelas que impactam a sociedade como um todo e envolvem a participação de órgãos governamentais e da comunidade.

10. Decisões privadas: são aquelas que dizem respeito exclusivamente aos interesses individuais ou de um grupo específico, sem afetar diretamente a sociedade como um todo.

Relacionado:  Bandeira da Indonésia: história e significado

11. Decisões de risco: são aquelas que envolvem um grau de incerteza e podem resultar em consequências positivas ou negativas, como investimentos financeiros.

12. Decisões de rotina: são aquelas que são tomadas regularmente e seguem um padrão estabelecido, como a realização de reuniões de equipe semanais.

13. Decisões estruturadas: são aquelas que têm um processo definido e são baseadas em informações concretas, como a elaboração de relatórios de desempenho.

Entender os diferentes tipos de decisões e suas características é fundamental para melhorar a capacidade de tomada de decisão e garantir resultados mais eficientes e eficazes em todas as áreas da vida.

Os 13 tipos de decisões e suas características (com exemplos)

Os 13 tipos de decisões e suas características (com exemplos)

Existem diferentes  tipos de decisões  que podem ser tomadas ao se decidir em uma situação difícil ou incerta. Geralmente, as decisões podem ser classificadas de acordo com seu escopo, programação, situação informacional e objetivo.

Uma decisão é uma seleção feita entre duas ou mais alternativas disponíveis. A tomada de decisão é o processo pelo qual a melhor alternativa é escolhida para fazer essa escolha. Por trás de um processo de decisão simples, existem muitos processos de raciocínio que influenciam essa tomada de decisão.

Uma pessoa pode tomar uma decisão emocional, na euforia do momento, ou pode tomar uma decisão bem pensada e pesquisada. Dependendo do caso, diferentes processos de tomada de decisão podem ser definidos.

O primeiro passo para tomar decisões bem-sucedidas é saber que nem todas as decisões são geradas da mesma maneira. É importante diferenciar a natureza da decisão para fazer a escolha mais apropriada.

Principais tipos de decisões e suas características

1- Decisões agendadas

As decisões programadas são aquelas que têm a ver com questões ou problemas de natureza repetitiva ou rotineira; portanto, geralmente são desenvolvidas formas específicas para lidar com elas.

Em uma organização, essas decisões geralmente são tomadas por gerentes de nível inferior.

Exemplo

As decisões deste tipo podem incluir aspectos como a aquisição de matérias-primas, a concessão de uma licença a um funcionário, o fornecimento de mercadorias a funcionários, entre outros cenários.

Na vida cotidiana, essas decisões podem incluir tomar café pela manhã, comer aveia com frutas ou escovar os dentes após o almoço.

2- Decisões por consenso

Decisões por consenso são aquelas em que os membros de um grupo desenvolvem uma decisão e concordam em apoiá-la, priorizando os melhores interesses desse grupo.

O consenso pode ser definido profissionalmente como uma resolução aceitável, que pode ser suportada mesmo que não seja a opção “favorita” de cada indivíduo.

As decisões de consenso levam em consideração os efeitos sociais, econômicos, legais, ambientais e políticos da aplicação subsequente dessas decisões; e estão relacionados aos processos de deliberação e finalização de uma resolução.

Exemplo

Democracia e votação são exemplos comuns de decisões de consenso. Em um nível mais pessoal, serviria de exemplo quando um grupo de amigos decidir sua viagem de final de curso no final dos estudos universitários.

3- Decisões com processos extensivos

Geralmente, essas são as decisões que são tomadas quando a escolha do indivíduo envolve fazer um investimento significativo.

Geralmente, o processo de decisão é extenso, pois o indivíduo busca obter o máximo de benefícios. Também existem riscos envolvidos nesses tipos de decisões, portanto, o indivíduo deve levá-los em consideração.

Exemplo

Exemplos dessa decisão podem ser a compra de uma casa, a mudança para outro país ou o investimento em um negócio específico.

4- Decisões com processos limitados

Essas decisões envolvem investimentos nominais e não muito altos. Essas decisões não demoram muito para serem tomadas, porque o indivíduo tem alguma experiência sobre o assunto.

Atualmente, decisões com processos limitados costumam estar intimamente relacionadas à exposição à mídia, pois as pessoas podem aprender mais sobre os elementos, o que ajuda na tomada de decisões.

Exemplo

Exemplos desses tipos de decisão podem ser comprar uma nova marca de cereal cujo anúncio foi visto na televisão ou assistir a um filme após a leitura da resenha em uma página da Web.

5- Decisões pessoais

As decisões pessoais se referem àquelas diretamente relacionadas ao mesmo indivíduo que as toma. Geralmente, o efeito dessas decisões afeta diretamente a vida pessoal do indivíduo.

Uma decisão pessoal deve ser tomada pelo próprio indivíduo, uma vez que não pode ser delegada a outras pessoas, por mais próximas que sejam.

Exemplo

As escolhas sobre possíveis tratamentos médicos para uma doença são um bom exemplo desse tipo de decisão.

6- Decisões operacionais

Em uma empresa ou organização, as decisões operacionais são menos significativas que as outras. Eles estão relacionados às operações diárias da empresa.

As decisões operacionais são tomadas, levando em consideração as políticas que foram decididas pela organização.

As decisões operacionais são tomadas por gerentes de nível baixo e médio, porque a supervisão também está envolvida nessas decisões.

Exemplo

Por exemplo, se for decidido que um bônus será emitido para os funcionários de uma empresa, o valor exato que será pago a cada funcionário será uma decisão operacional.

7- Decisões organizacionais

Esses tipos de decisões envolvem um indivíduo com um caráter oficial, quem é que tomará uma determinada decisão. Essas decisões podem ser delegadas dentro de uma organização.

Relacionado:  Evolucionismo unilinear: desenvolvimento, estágios e eventos atuais

Exemplo

Um exemplo desse tipo de decisão pode ser feito pelo presidente de um país.

Muitas vezes essas decisões podem afetar a operação de uma organização ou estado. Por exemplo, se o presidente de um país deixar o cargo, isso afetaria a organização política dessa nação.

8- Decisões intuitivas

No contexto da tomada de decisão, a intuição pode ser definida como uma maneira não seqüencial de processar informações.

Intuição é o mecanismo pelo qual o conhecimento implícito é disponibilizado durante um processo de decisão. A intuição pode influenciar o julgamento através da emoção ou cognição; Foi sugerido que esse tipo de decisão combina as duas abordagens.

Indivíduos podem alternadamente usar tanto a intuição quanto outros estilos de tomada de decisão mais deliberados, mas há evidências de que as pessoas tendem a gravitar mais em um dos dois estilos.

Geralmente, as pessoas de bom humor tendem a estilos intuitivos, enquanto as pessoas de mau humor tendem a ser mais deliberadas. A tomada de decisão intuitiva envolve uma compreensão instantânea ou imediata de uma reação ou situação.

Esse tipo de tomada de decisão geralmente é rápido e depende das emoções do indivíduo. Decisões intuitivas podem ser tomadas em situações de gerenciamento, finanças e alto risco.

Exemplo

Se um gerente conversar com um fornecedor de produtos e, como resultado dessa troca, intuir que um relacionamento harmonioso não será possível, esse gerente poderá decidir não trabalhar com esse fornecedor.

9- decisões não programadas

As decisões não programadas são frequentemente decisões que envolvem situações únicas, tornando-as menos estruturadas que as decisões programadas.

Eles geralmente são mais complicados, pois não existe uma situação antiga que possa ser aplicada a esse cenário específico.

Exemplo

Uma fábrica que produz farinha de milho durante toda a sua vida útil deixa de receber insumos de milho de seus fornecedores regulares. A administração da referida fábrica deve decidir como enfrentar esse novo cenário.

10- Decisões de risco

Nesses tipos de decisões, geralmente há uma probabilidade de que o resultado seja muito sério ou catastrófico.

O que diferencia as decisões de risco de outros tipos de decisão é a possibilidade de um ou mais resultados indesejados que devem ser levados em consideração.

Exemplo

Alguns exemplos de situações em que são tomadas decisões de risco incluem: mudar de faixa na rodovia, o que pode ser feito para diminuir o risco de câncer algum dia, atrasar uma tarefa sem afetar o projeto final, entre outros.

11- Decisões emocionais

As decisões emocionais andam de mãos dadas com os impulsos gerados pela necessidade ou sentimentos que são mais difíceis de controlar (amor, raiva, tristeza, histeria). Eles podem ser combinados com a lógica ou serem levados pela emoção simples. No caso do segundo, as chances de cometer um erro são maiores.

No entanto, deve-se esclarecer que as decisões emocionais também têm um bom papel, pois são determinadas pela homeostase, ou seja, aquela que garante nossa sobrevivência e equilíbrio. 

Exemplo

Uma pessoa que acabou de saber da perda de seu filho pequeno pode tomar a decisão emocional de cometer suicídio, pois suas emoções não permitem que a racionalidade funcione.

12- Decisões estratégicas

Eles se aplicam principalmente ao campo comercial, especificamente aos gerentes seniores de empresas ou pessoas com capacidade ou liberdade para movimentar recursos e pessoal. Eles visam melhorar os benefícios da empresa e obter o maior benefício econômico.

Exemplo

Uma empresa de cerveja tradicional também decide produzir e vender vinho e outras bebidas espirituosas, alocando grande parte dos recursos a esses novos produtos.

13- Decisões de emergência

Esse tipo de decisão é tomada quando surge uma situação desesperadora e na qual não há precedentes anteriores sobre como lidar com ela. É típico das áreas de negócios, mas também de outros setores, como saúde ou finanças, bem como em momentos em que a sobrevivência está em perigo.

Exemplo

Um bar perde sua licença para colocar pedestais por falta de pagamento, sendo esses que relatam 80% dos lucros nas instalações. Dada esta situação de emergência, você deve decidir se deve fechar ou contratar definitivamente um entregador para que as pessoas possam desfrutar de comida em casa.

Referências

  1. “Definição de tomada de decisão baseada em risco” em Treinamento em Segurança e Saúde Ocupacional. Recuperado do Treinamento em Segurança e Saúde Ocupacional: oshatrain.org
  2. “Tomada de decisão por consenso” na Wikipedia. Recuperado da Wikipedia: wikipedia.org
  3. “Tipos de decisão e processo de tomada de decisão” (2008) em Management Innovations. Recuperado de Management Innovations: managementinnovations.wordpress.com
  4. Brasin, H. «Tipos de processo de tomada de decisão» (1 de dezembro de 2016) em Marketing91. Recuperado de Marketing91: marketing91.com
  5. “Quais são os tipos de decisões que existem” no La Prestampa. Recuperado de La Prestampa: laprestampa.wordpress.com
  6. Chand, S. «Tipos de decisão: 6 tipos de decisão que toda organização precisa tomar» em Sua Biblioteca de artigos. Recuperado da sua biblioteca de artigos: yourarticlelibrary.com
  7. “Intuição e tomada de decisão” na Wikipedia. Recuperado da Wikipedia: wikipedia.org
  8. Singh, K. “Explique os diferentes tipos de decisões?” no MBA Official. Recuperado do MBA oficial: mbaofficial.com
  9. Tipos de tomada de decisão no The Happy Manager. Recuperado do The Happy Manager: the-happy-manager.com.

Deixe um comentário