Os 3 rios da região mais importante do Pacífico da Colômbia

Os rios da região do Pacífico da Colômbia são caracterizados por estarem localizados em uma área de selva e muito propensos ao clima chuvoso. Por esse motivo, eles tendem a ser abundantes, abundantes e relativamente profundos.

Toda a região do Pacífico da Colômbia possui um clima, vegetação e riqueza natural muito favoráveis, o que a torna um dos lugares mais biodiversos do mundo.

Os 3 rios da região mais importante do Pacífico da Colômbia 1

Apesar de suas águas abundantes, muitos dos rios da região são navegáveis ​​e, às vezes, são os únicos meios de comunicação entre as comunidades.

Isto é devido à quantidade espessa de vegetação na região. Por esse motivo, os cursos d’água são de grande importância para muitos habitantes.

Com uma precipitação anual de mais de 4000 milímetros, a região do Pacífico da Colômbia é uma área clássica de floresta tropical, com alta umidade e um grande número de rios, córregos e córregos.

A cidade mais ao norte, o departamento de Chocó, tem a particularidade de ter uma costa no Oceano Pacífico e no Mar do Caribe.

Apesar disso, nove dos dez principais rios da região desembocam no Pacífico e apenas um no Caribe.

Os 3 principais rios da região do Pacífico da Colômbia

Embora existam 10 rios de tamanho e importância relevantes na região, os mais proeminentes são os rios Atrato, Patía e San Juan.

1- Rio Atrato

É o maior da Colômbia e o mais longo da região do Pacífico, com 750 quilômetros de extensão.

Nascido na colina de Caramanta e deságua no mar do Caribe, especificamente no Golfo de Urabá, por cerca de 18 bocas que compõem seu delta.

Contando rios e córregos, existem mais de 3000 fontes de água que correm para o rio Atrato.

É o terceiro mais navegável da Colômbia, tornando-o uma das principais rotas de transporte dos departamentos de Chocó e Antioquia, por onde passa.

Possui profundidade e largura variáveis, sendo as medidas máximas próximas de 40 metros de profundidade e 500 metros de largura.

2- Rio Patía

Seus 400 quilômetros de extensão fazem do rio Patía o segundo maior da região, atrás do rio Atrato.

O rio Patía nasce a mais de 4500 metros de altura no vulcão Sotará, no maciço colombiano.

Atravessa os departamentos de Cauca e Nariño e é o segundo maior rio da costa do Pacífico colombiano.

Ele deságua no Oceano Pacífico, formando um amplo delta de mais de 5000 quilômetros quadrados.

3- Rio San Juan

O rio San Juan é o maior da região do Pacífico da Colômbia, com 380 quilômetros de extensão.

Está localizado entre os departamentos de Chocó e Valle del Cauca. Como o rio Atrato, nasce na colina de Caramanta.

Sua foz está localizada na costa de San Juan, que finalmente chega ao Oceano Pacífico. As chuvas constantes nas áreas que cruzam fazem deste rio um fluxo muito alto.

Tem uma grande importância econômica para muitos habitantes da região, porque ao longo de seu curso existem várias ilhas cercadas por manguezais. São áreas em que a mineração de ouro é praticada intensivamente.

Referências

  1. Kenneth Kimutai (25 de abril de 2017). Principais rios da Colômbia Recuperado em 17 de outubro de 2017, do World Atlas.
  2. Inundações no norte da Colômbia (maio de 2006). Recuperado em 17 de outubro de 2017, do NASA Earth Observatory.
  3. Rio Atrato (setembro de 2011). Recuperado em 17 de outubro de 2017, de Encyclopædia Britannica.
  4. Bacia hidrográfica, Rio Patia (março de 2011). Recuperado em 17 de outubro de 2017, de Diego Amayath.
  5. Rio San Juan (Colômbia) (s). Recuperado em 17 de outubro de 2017, do Banco Cultural da República.
  6. Rio San Juan: Colômbia (sf). Retirado em 17 de outubro de 2017, da Agência Nacional de Inteligência Geoespacial.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies