Os 9 elementos sociais mais importantes

Os 9 elementos sociais mais importantes

Os elementos sociais são os aspectos inerentes ao ser humano que dão aspecto à comunidade e às suas relações. Alguns dos principais elementos são família, status, indivíduo ou educação.  A organização política do ser humano e tudo o que está enquadrado nos fatores que condicionam o comportamento do indivíduo também são elementos sociais.

Uma noção de sociedade define-a como um grupo de pessoas natural ou acordado, que constitui uma unidade distinta de cada um de seus indivíduos, a fim de cumprir, por cooperação mútua, todos ou alguns dos fins da vida.

Outra conceituação a entende como um conjunto de indivíduos em seus relacionamentos mútuos e como membros de grupos.

Está implícito que a sociedade entende o conluio das relações sociais, porque nela existem interações, que são as “expectativas recíprocas” entre os comportamentos dos indivíduos que compõem o grupo social e a população.

Principais elementos sociais principais

1- Família

A família é a primeira instituição social à qual um indivíduo pertence, e a mais antiga e permanente que é conhecida desde tempos imemoriais.

A maneira pela qual essa instituição mudou ao longo dos séculos influencia diretamente o bom comportamento ou o desequilíbrio das sociedades.

 Necessidades essenciais, como alimentação, educação, abrigo, proteção e saúde, são atendidas por toda a família.

Essa é a razão pela qual a estrutura familiar é tão importante na sociedade: sua função como instituição é transferir valores e costumes aos membros, para que eles possam experimentar sua própria integração social e moldar sua identidade.

É na família que o indivíduo aprende a interagir, a se expressar através de emoções e modos de pensar, a se comunicar e a participar da sociedade.

Sem a família, nenhum dos elementos sociais existiria e nenhum dos propósitos do indivíduo seria cumprido.

2- Estado

Os antigos começaram a falar sobre o interesse de estabelecer um sistema de normas que aprovasse a coexistência de pessoas na sociedade.

Relacionado:  Marie-Antoine Carême: Biografia, Obras e Contribuições

Na polis da Grécia antiga, homens livres se reuniam para pensar em questões normativas, econômicas, de guerra, religiosas e familiares.

Séculos se passaram para o nascimento do Estado moderno, que mudou sua personalidade feudal do instrumento dominante de uma única classe social, para uma entidade que procurava responder ao interesse comum da sociedade.

Portanto, se o Estado é uma instituição política que representa os interesses da sociedade, outra de suas funções insubstituíveis será fortalecer a convivência entre todos os indivíduos ou cidadãos.

Esse fortalecimento é alcançado através do exercício de sua autoridade e das garantias dos direitos do povo, conforme estabelecido nas leis democráticas.

Três elementos essenciais do Estado

– Território, definido como o espaço jurisdicional em que o Estado tem o direito de exercer poder.

– População, o conjunto de seres humanos que habitam o território de um estado.

– Governo, referente ao grupo de instituições que tem a responsabilidade, em teoria, de conduzir as ações do Estado de acordo com as leis.

De uma perspectiva mais sociológica, a população é “um conjunto de indivíduos ou objetos sujeitos a avaliação estatística por meio de amostragem”.

Em outras palavras, a população é um elemento do Estado, e essa é uma forma de organização social criada e administrada por leis e leis.

Assim, o Estado é a instituição ou entidade que tem o poder de administrar a sociedade que o compõe.

Dessa forma, a população está associada ao Direito e à Sociologia, porque a população é uma forma de agrupamento social e um fator em uma estrutura político-jurídica.

3- População

A população é composta por vários grupos sociais: trabalhadores e empregadores, médicos e pacientes, professores e estudantes.

O direito, por outro lado, é inventado por um setor de um grupo social da população: os legisladores; e é aplicado por outro grupo social: por exemplo, a polícia.

Relacionado:  Música da região insular da Colômbia

A aplicação de todas essas normas legais é feita em todos os grupos sociais que compõem a sociedade.

4- grupo social

Um grupo social é representado pela pluralidade de seres humanos que fazem parte de uma convenção material ou mental, com interesses e vínculos comuns de pertença e identidade.

Outra noção de grupo social diz que é o conjunto de pessoas que mantém um relacionamento, coesão e organização mínimos para alcançar objetivos comuns.

O grupo de indivíduos que se une através da mesma rede ou sistema de relações é conhecido como grupo social, uma associação na qual são estabelecidas normas que foram aceitas por todos os seus membros e que lhes permitem interagir entre si de maneira padronizada. .

Interações e relacionamentos são desenvolvidos em um sistema de papéis e status vinculados por um senso de interesses iguais, com o qual eles podem reconhecer ou diferenciar seus membros daqueles que não o são.

Classificação de grupos sociais

– Com base em propósitos comunitários, econômicos, religiosos, políticos, educacionais, culturais, trabalhistas, etc.

– De acordo com a interação de seus membros: coesão mínima ou forte.

– De acordo com o tamanho: se são grandes ou pequenos grupos sociais.

5- Individual

Os indivíduos são a unidade básica da família, grupos sociais e população. Visto da biologia, um ser humano é unitário e indivisível, com controle sobre suas propriedades críticas, fisiológicas e estruturais.

A definição de relacionamento social está ligada às muitas formas ou formas de comportamento humano entre as pessoas.

Mulheres e homens não estão apenas lado a lado, juntos, mas realizam ações das quais dependem, relacionadas ao comportamento de outras pessoas.

O indivíduo é um produto da sociedade. Dentro disso, cria-se a noção de cultura, um elemento único através do qual a personalidade ou identidade do indivíduo é moldada, um processo que ocorre apenas através da interação social.

Relacionado:  As 5 lendas mais populares do Uruguai

Portanto, ninguém escapa à influência da sociedade em que se desenvolve e da qual adquire atitudes e valores.

6- Educação

A educação visa contribuir para melhorar a sociedade como um todo. É a base para o indivíduo se desenvolver plenamente e se adaptar aos elementos sociais com os quais encontrará quando crescer e atingir a idade adulta. 

7- Religião

Para muitos, a religião é o grande conceito que deu origem à civilização. Portanto, é o primeiro elemento social e do qual nasceram os demais. Assim, os costumes, crenças e pensamentos da comunidade estão organizados por trás do conceito de fé.

8- Cultura

A cultura é um dos fatores mais determinantes do desenvolvimento humano. Ele tece as idéias, pensamentos e costumes de cada sociedade, dando-lhe diferentes formas e expressões.

9- Idioma

Maneira comunicativa de cada indivíduo para expressar seus sentimentos , pensamentos e idéias através da palavra. A interação entre esses indivíduos tem gerado os idiomas e os processos de comunicação específicos de cada sociedade.

Referências

  1. Fontúrbel, F., & Barriga, C. (2009). Uma abordagem teórica do conceito de indivíduo. Elements , 45-52.
  2. Osipov, GV (19821). Sociologia. México, DF: Nosso tempo.
  3. Parra Luna, F., & Bunge, M. (1992). Elementos para uma teoria formal do sistema social. Editorial Complutense.
  4. Spencer, H. & Beltrán, M. (2004). O que é uma sociedade? Uma sociedade é um organismo. Reis , 231.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies