Qual é a profundidade da terra?

Estima-se que a profundidade da Terra esteja entre 6000 e 6400 quilômetros da crosta terrestre até o núcleo, que é a parte central que compõe a Terra.

A crosta é a camada externa da Terra, formada principalmente por rochas e sedimentos, enquanto o núcleo é a parte central que compõe a Terra. Este último é formado por ferro, níquel e enxofre.

Qual é a profundidade da terra? 1

O núcleo interno é o ponto central e mais profundo da Terra: tem uma temperatura superior a 5000 ° C.

Deve-se notar que as pressões são tão altas que fazem o núcleo permanecer sólido em sua parte mais interna.

As 3 camadas da Terra

A Terra é formada por três grandes camadas, variando da camada mais leve formada por oxigênio, magnésio, cálcio, entre outras; para a camada mais pesada e mais grossa composta de ferro e níquel.

1- Crosta terrestre

É a camada externa e a mais leve. Sua espessura é entre 5 e 80 quilômetros. É composto principalmente por diferentes tipos de rochas. Este turno é dividido em duas camadas:

Crosta continental

É constituído pelos continentes. Sua superfície é composta de rochas vulcânicas como granito. Essa camada tem uma profundidade entre 35 e 40 quilômetros.

Crosta oceânica

Ele forma o fundo dos oceanos e tem uma espessura média de 6 e 7 quilômetros. É composto por sedimentos vulcânicos como basalto e gabbro.

O ponto oceânico mais profundo da Terra (daí o mais próximo do centro da Terra) é o Oceano Pacífico Ocidental.

É um poço oceânico que faz parte das Ilhas Marianas. Este poço é chamado Guam e tem uma profundidade de 11 035 metros. A humanidade ainda não alcançou o fundo desse poço.

2- Manto

É o ponto médio entre a crosta terrestre e o núcleo. Tem uma espessura aproximada de 2900 km ao redor do núcleo.

Relacionado:  Cultura de Sinaloa: características mais importantes

O manto é composto de sílica, magnésio e oxigênio, que formam rochas chamadas peridotitos.

Nesta camada, cerca de 82% do volume e 68% da massa da Terra.

Esta área é muito importante porque sua temperatura e pressão fornecem o equilíbrio que permite que os minerais estejam sempre próximos do seu ponto de fusão. É nesse ponto que é gerado o material que emerge das erupções vulcânicas.

3- Núcleo

É a parte mais profunda da Terra, está no centro dela. Tem uma espessura de 7000 quilômetros de diâmetro.

O núcleo é composto de duas partes:

Núcleo externo

Está no estado líquido, uma vez que não está sujeito a pressão suficiente e sua temperatura é de cerca de 4000 ° C, o que não permite que ele entre no estado sólido.

Graças aos movimentos de seu estado líquido, o núcleo permite a origem do campo magnético na Terra.

Núcleo interno

Seu estado é sólido, pois está sujeito a altas pressões que impedem o movimento.

Ambos os núcleos são compostos pelos mesmos componentes: ferro e níquel. No entanto, pressão e temperatura desempenham um papel fundamental na variação dos estados em cada um dos núcleos.

Referências

  1. Aguilar, HC (2002). Natureza e sociedade: uma introdução à geografia. Peru: Fundo Editorial da PUCP.
  2. Luis M, AV (2005). Desde o momento da criação até a forma e estrutura da terra. México: UNAM.
  3. Manfred Reckziegel, WS (2000). O grande atlas de bolso Haack. Edições AKAL, 2000.
  4. Maria Beatriz Carenas Fernandez, JL (2014). Geologia Madri, Espanha: Ediciones Paraninfo, SA
  5. Valdivia, LM (1996). Propriedades geofísicas da terra. México: Luis M. Alva Valdivia.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies