10 Dinâmica de Liderança para Crianças, Adolescentes e Adultos

A liderança dinâmica pode ajudar a adultos e crianças a se tornarem melhores líderes, estimulando a capacidade de liderar, motivar, gerir equipas, iniciativa, tomada de decisão, etc.

Ter bons líderes na empresa ou no campo em que trabalhamos terá múltiplas repercussões positivas. Entre eles, melhorará o desempenho da equipe de trabalho e contribuirá para um alto nível de motivação e satisfação.

10 Dinâmica de Liderança para Crianças, Adolescentes e Adultos 1

Devemos saber que, ao trabalhar em uma dinâmica relacionada à liderança, não se pretende apenas promover a liderança, mas também conhecer os pontos fortes e fracos de cada membro e ver como eles podem se encaixar nos diferentes tipos de liderança.

Ao longo deste post, veremos 10 dinâmicas de liderança que podemos usar em nosso contexto de trabalho: empresa, escritório, sala de aula etc. Adaptá-los às necessidades de nossa equipe para obter o maior benefício possível.

É importante ter em mente, quando fazemos uma dinâmica, que as pessoas saibam qual é o objetivo dela. Se não for previamente avisado que, no final, há um momento de reflexão em que essas questões são claras.

Além disso, é aconselhável trabalhar com eles durante o horário de trabalho, para que não haja pessoas que tentem evitar o momento. O espaço pode ser diferente do habitual, dessa forma, eles podem fazê-lo com menos pressão.

Outro aspecto a ser levado em consideração é que eles devem ser notificados antes de seu desempenho. Quando chegar a hora e antes de iniciar a atividade, você deve verificar se todos estão claros e se entenderam as instruções fornecidas.

Dinâmica para construir liderança

1- O Lazarillo

  • Objetivo: Demonstrar que o grupo funciona melhor com apenas um líder.
  • Tempo necessário: aproximadamente 20 minutos.
  • Tamanho do grupo: 10 pessoas.
  • Local: melhor, ao ar livre.
  • Materiais necessários: 5 máscaras, 3 mesas, copos de água, jarros de água e água.
  • Passos a seguir:
  1. Dois grupos de cinco pessoas cada são criados.
  2. Em um grupo, quatro pessoas têm os olhos cobertos e o quinto é o líder. No outro grupo, há quatro líderes (eles não cobrem os olhos) e o quinto cobre os olhos.
  3. Em uma extremidade, duas mesas com copos e jarros de água são colocadas. Por outro lado, uma mesa com jarros vazios.
  4. O líder ou líderes (dependendo do grupo) devem guiar os outros de uma ponta à outra, para que, com a água no copo, encha os jarros vazios.
  • Discussão: é muito importante a reflexão final em que todos possam expressar sua opinião e o facilitador permita que eles vejam qual é a melhor maneira de trabalhar.

2- Toque na bandeira

  • Objetivos:
  1. Executar habilidades relacionadas à proteção.
  2. Promova a motivação do grupo.
  3. Identifique os líderes do grupo.
  • Tempo necessário: aproximadamente 20 minutos.
  • Tamanho do grupo: é indiferente.
  • Local: melhor, ao ar livre.
  • Materiais necessários: duas bandeiras ou elementos de identificação.
  • Passos a seguir:
  1. Dois grupos com o mesmo número de participantes são criados aleatoriamente.
  2. O campo é dividido ao meio. Portanto, cada equipe tem seu próprio espaço.
  3. É sobre os jogadores de cada time atacando o lado oposto, tomando posse da bandeira do time rival e finalmente levando-a para o seu campo.
  4. Se um jogador é interceptado por um oponente no campo estrangeiro, ele deve tocar a bandeira do time adversário para não ser eliminado.
  • Discussão: o time que leva a bandeira de seus rivais para o campo oposto vence. Se, após o tempo estipulado com o facilitador, nenhum deles for bem-sucedido, poderá ser concedido um tempo extra ou o vencedor poderá ser concedido à equipe que sofreu menos eliminações.
  • Outros comentários: essa dinâmica é muito famosa e pode ser usada em diferentes grupos, mesmo com crianças.
Relacionado:  6 teorias pedagógicas da aprendizagem e suas características

3- O círculo

  • Objetivos:
  1. Identifique os líderes do grupo.
  2. Identifique o tipo de liderança.
  • Tempo necessário: aproximadamente 20 minutos.
  • Tamanho do grupo: é indiferente.
  • Local: melhor, ao ar livre.
  • Materiais necessários: nenhum em particular.
  • Passos a seguir:
  1. Os membros do grupo deverão circular e dar as mãos.
  2. Eles serão instruídos a formar figuras diferentes, unidos pelas mãos. Por exemplo: um triângulo, uma estrela, uma casa etc.
  • Discussão: o que é realmente importante sobre essa dinâmica não é o resultado das figuras, mas como a comunicação flui e quem são as pessoas que tomam a iniciativa ao realizar os exercícios. Por fim, deve haver um espaço de reflexão no qual essas questões sejam abordadas e todos os membros do grupo tenham a oportunidade de expressar sua opinião.

4- O líder ideal

  • Objetivo: Reconsiderar as habilidades e qualidades para liderar um grupo.
  • Tempo necessário: aproximadamente 120 minutos.
  • Tamanho do grupo: é indiferente.
  • Local: quarto espaçoso e confortável.
  • Materiais necessários: fita adesiva, flipchart e marcadores.
  • Passos a seguir:
  1. O grupo é dividido em três subgrupos que têm pelo menos quatro membros. Se os grupos estiverem desequilibrados, é determinado que todos têm o mesmo número de componentes e os demais permanecem como observadores.
  2. Cada grupo recebe um nome e materiais.
  3. O facilitador explica que cada grupo representa uma cultura diferente e deve lutar para preservá-la.
  4. São quinze minutos para os grupos conhecerem e desenvolverem o perfil sociocultural de seu planeta, seguindo uma série de perguntas: aparência física, religião (espiritualidade), clima e paisagem, estrutura socioeconômica, papéis, etc.
  5. Cada grupo escolhe um representante que expõe as características ao restante dos colegas de classe.
  6. O facilitador do grupo deve mostrar as diferenças e semelhanças que existem entre os grupos.
  7. Eles se reúnem em grupos e, em 10 minutos, devem fazer uma lista das cinco qualidades e habilidades que um bom líder deve ter.
  8. Os porta-vozes a apresentam ao resto do grupo.
  9. Nesse ponto, o facilitador promove a existência de consenso entre os grupos. Ele acrescenta que redistribuirá os grupos por ocasião de uma guerra intergaláctica.
  10. Os membros dos novos grupos devem apresentar arestas, deixar suas diferenças culturais para trás e definir o perfil do líder aceito pelas três culturas. Eles terão 30 minutos.
  11. Um porta-voz é escolhido por grupo e o porta-voz promoverá um novo debate no qual deve ser resolvido: a). Um perfil de liderança aceito por todos. b) Lista de elementos relacionados à liderança que mudaram de uma situação para outra.
  • Discussão: Nesta dinâmica, o papel desempenhado pelo facilitador é muito importante para que os tempos sejam respeitados e a dinâmica seja conduzida adequadamente.
Relacionado:  Números ou indicadores que falam sobre avanços educacionais em um país

5- Aviões de papel

  • Objetivo: Contribuir para reforçar as habilidades do líder.
  • Tempo necessário:
  • Tamanho do grupo: é indiferente.
  • Local: sala ampla para trabalhar em grupo.
  • Passos a seguir:
  1. Divida o grupo em subgrupos. Cada um deles deve escolher um líder.
  2. Eles recebem 20 minutos para cada grupo projetar seu próprio modelo de aeronave e fazer vários, dependendo do número de membros.
  3. Nos grupos, cada membro tem uma oportunidade de desembarque.
  4. A equipe com mais aviões jogou com sucesso a pista de aprendizado vence.
  • Discussão: no momento da reflexão, os líderes serão questionados sobre as tarefas que realizaram durante o período de construção e, também, os membros do grupo como se sentiram ao longo da dinâmica, se foram ouvidos, o que levaram em conta para escolher. o líder, etc.

6- Estilos de liderança

  • Objetivo: conhecer a autoavaliação dos funcionários e a opinião dos demais.
  • Tempo necessário: aproximadamente 30 minutos.
  • Tamanho do grupo: é indiferente.
  • Local: sala grande.
  • Materiais necessários: quadro negro e algo para escrever (giz ou marcador).
  • Passos a seguir:
  1. Em um local visível, os diferentes tipos de líderes serão detalhados: o conselheiro, o moderador, o especialista, o crítico, o pessimista etc.
  2. Restam alguns minutos para cada um avaliar em qual grupo eles se sentem mais identificados.
  3. O facilitador conduzirá uma reflexão em grupo na qual cada pessoa explicará por que se sentirá em um determinado estilo e seus colegas de classe darão sua opinião e se concordam ou não com sua decisão.
  • Discussão: pode acontecer que a percepção pessoal seja diferente da dos pares. Nesses casos, a atividade será mais enriquecedora.

7- Nó de pessoas

  • Objetivo: Fortalecer a capacidade analítica do líder e sua função de orientar os demais colegas.
  • Tempo necessário:
  • Tamanho do grupo: é indiferente.
  • Local: sala espaçosa ou ao ar livre.
  • Materiais necessários: nenhum em particular.
  • Passos a seguir:
  1. O instrutor solicitará que um dos membros do grupo seja colocado no centro e seus colegas de classe o façam em um círculo ao seu redor.
  2. As pessoas do círculo devem cumprimentar a pessoa que desejam. Quando o fazem e sem se soltar, devem apertar a mão de outro parceiro.
  3. Nesse momento, a pessoa no centro do círculo deve formar círculos diferentes enquanto seus parceiros estão de mãos dadas. Você deve analisar quais interações surgiram e deve fornecer as instruções necessárias para desembaraçar o nó.
  • Discussão: na reflexão, a capacidade analítica do líder e a capacidade de orientar seus pares devem ser abordadas.

8- Contando cegamente

  • Objetivo: Compreender a importância da coesão e organização dentro do grupo.
  • Tempo necessário: aproximadamente 20 minutos.
  • Tamanho do grupo: cerca de 10 pessoas.
  • Local: sala grande.
  • Materiais necessários: máscaras para cobrir os olhos.
  • Passos a seguir:
  1. Coloque os diferentes membros do grupo aleatoriamente.
  2. Eles devem contar até um certo número (por exemplo, 20) de maneira ordenada.
  3. Eles devem fazê-lo sem duas pessoas dizendo o mesmo número ao mesmo tempo. Caso isso aconteça, eles devem começar.
  • Discussão: enquanto eles demoram um pouco, será verificado como há uma conexão maior no grupo. Temos que enfatizar a importância dessa conexão, porque você realmente não está vendo ou precisa estar perto.
  • Outros comentários: refletir sobre a importância da organização, tanto pelo líder quanto pelos membros da equipe.
Relacionado:  Democratização do conhecimento: aspectos positivos e negativos

9- Adotamos um novo papel

  • Objetivo: Avaliar as sensações que experimentamos pessoalmente no relacionamento com os diferentes membros do grupo.
  • Tempo necessário: aproximadamente 30 minutos.
  • Tamanho do grupo: Idealmente, 7 pessoas participam, o restante pode participar como observador.
  • Local: site amplo que incentiva os membros a se sentirem em círculo.
  • Materiais necessários: 7 adesivos.
  • Passos a seguir:
  1. O facilitador do grupo pedirá que os membros do grupo se sentem em círculo e cole um adesivo na testa de cada um deles, no qual os colegas de classe verão como agir com ele. Os papéis podem ser os seguintes: todo mundo está certo, todo mundo o ignora, todo mundo o trata com compaixão, todo mundo ri toda vez que ele fala, todo mundo dá importância ao que ele diz, Todo mundo está contra ele, todo mundo responde agressivamente.
  2. Um tópico de debate é estabelecido no grupo, por exemplo, como os períodos de férias serão compartilhados entre todos.
  3. Eles podem interagir pelo tempo determinado pelo facilitador; recomenda-se que sejam 15 minutos.
  • Discussão: no momento da reflexão, todos devem expressar como se sentiram e se se sentiram confortáveis ​​com seu papel. O líder do grupo será identificado e se ele desempenhou bem sua função.

10- Líder procurado

  • Objetivos:
  • Identifique quem tem a maior capacidade gerencial.
  • Aprimore as habilidades de liderança de maneira positiva.
  • Tempo necessário:
  • Tamanho do grupo:
  • Local: sala ampla onde você pode trabalhar em grupo.
  • Materiais necessários: nenhum em particular.
  • Passos a seguir:
  1. O facilitador do grupo distribui os participantes em dois grupos. Dentro do grupo, cada membro terá que executar uma tarefa marcada pelo facilitador.
  2. Dentro de cada grupo, o papel de líder é rotativo. Para que todos os membros tenham a possibilidade de liderar seus pares.
  3. Quando todas as rodadas terminarem, será o grupo que escolherá um líder dentre eles para executar uma última tarefa.
  • Discussão: reflexão final em que todos os membros podem expressar por que escolheram um parceiro específico.

Aqui está um vídeo de resumo com as dinâmicas mais destacadas:

Referências

  1. Soto, Beatriz. Dinâmica de liderança
  2. Escola Europeia de Gestão. 3 dinâmicas simples de liderança a serem desenvolvidas no escritório.
  3. Escola Europeia de Gestão. 5 excelentes atividades para um workshop de liderança.
  4. Gerza Integração de equipes de trabalho e dinâmica de grupo.
  5. OBS Bussines School. Dinâmica da liderança: aviões de papel voadores.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies