5 Causas e Consequências do Neoliberalismo

As causas e conseqüências do neoliberalismo foram determinadas por certas crises políticas, sociais e econômicas que, de acordo com as diferentes regiões do mundo, evoluíram de maneira diferente.

O neoliberalismo é uma ideologia que promove uma mudança na configuração da economia capitalista, da qual o Estado não participa, levando à privatização dos serviços públicos. Os seguidores do neoliberalismo acreditam que esse sistema contribui para o desenvolvimento econômico e social de um país.

5 Causas e Consequências do Neoliberalismo 1

O antecedente na história do neoliberalismo são as concepções liberais que os clássicos da economia política da burguesia inglesa tinham. Sua primeira aparição foi antes da Segunda Guerra Mundial e continuou com muito mais presença nos anos 60 e também nos anos 80 e 90.

As estratégias neoliberais começaram na América Latina no final da década de 1970, como resultado dos grandes desequilíbrios econômicos existentes. Outros países pioneiros no neoliberalismo são os Estados Unidos, Alemanha e Inglaterra.

À medida que os pobres ficam mais pobres e os ricos mais ricos, os mais favorecidos adquirem um controle crescente sobre o dinheiro. Esse aumento da desigualdade prejudica o nível e a sustentabilidade do crescimento.

5 Causas e Consequências do Neoliberalismo 2

Milton Friedman

Com a expansão do comércio mundial, o investimento estrangeiro transformou-o em uma maneira de transferir tecnologia e conhecimento para as economias em desenvolvimento.

Um de seus principais expositores é Milton Friedman, que argumentou que o Estado não precisa ser um ator ativo na economia nacional, mas que quem deve exercer o controle da economia é capital privado.

Quem administra os serviços privatizados e semi-privatizados no Reino Unido aumenta sua riqueza, pois investe pouco e cobra muito.

No México, Carlos Slim assumiu o controle de praticamente todos os serviços de telefonia fixa e celular e rapidamente se tornou o homem mais rico do mundo.

Relacionado:  Notícias: Características, Tipos e Peças

Causas do neoliberalismo

5 Causas e Consequências do Neoliberalismo 3

1- A crise econômica

Com a desvalorização da moeda, as exportações são reduzidas e tornam a posição do país mais competitiva.

Os neoliberais indicam que todas as variáveis ​​do sistema econômico devem ser desreguladas, ou seja, desvinculadas do controle estatal. Eles também apontam para uma liberalização e desregulamentação dos bancos.

Para tentar resolver os problemas econômicos nos anos 70 e 80, quase todos os estados do mundo capitalista tiveram que seguir algumas dessas medidas.

Embora os que realmente foram forçados foram os países subdesenvolvidos.Esses países viram a pobreza e a desigualdade social aumentar após anos de aplicação dessas medidas.

2- A crise política

Quando os governos perdem sua autoridade ética, eles simplesmente desviam a atenção das pessoas para questões que possam interessá-las. Dessa maneira, os cidadãos se empolgam mais com sentimentos do que com argumentos.

3- Falência do mercado de ações

A queda nos preços da Bolsa de Nova York em 1929, conhecida como “O crack de 29”, foi a maior crise até então conhecida.

Causou a ruína de inúmeros investidores, grandes empresários e pequenos acionistas, bem como o fechamento de empresas e bancos.

Isso fez com que muitos cidadãos continuassem desempregados, e o problema se espalhou para quase todos os países do mundo.

As consequências foram uma grande crise econômica que levou aos princípios do neoliberalismo.

4- Desaparecimento do estado de bem-estar

O estado de bem-estar desaparece quando a proteção social é reduzida, aparece insegurança no emprego e ocorre a privatização de serviços públicos, como empresas de eletricidade, ferrovia e ar, educação, estradas, saúde, etc.

5- A luta de classes

A neoliberalização foi considerada um projeto de recuperação da classe burguesa. A política neoliberal ataca diretamente os sindicatos e as apostas e apoia as classes de comerciantes privados com interesses industriais financeiros e imobiliários.

Relacionado:  As 10 bombas salvadorenhas mais populares

Isso faz com que os trabalhadores de serviços tenham contratos precários e salários mais baixos.

Consequências do neoliberalismo

5 Causas e Consequências do Neoliberalismo 4

1- Modificação dos direitos dos trabalhadores

O processo de liberação econômica implica maior flexibilidade salarial, redução dos salários mínimos, redução do emprego público e criação de uma diminuição na proteção do emprego. São criadas leis trabalhistas restritivas que facilitam a demissão de trabalhadores.

O trabalhador fica vulnerável, pois o empregador pode decidir mais livremente sobre sua continuidade na empresa.

Os trabalhadores estão sendo constantemente monitorados e avaliados, dando origem a situações insuportáveis. É dada preferência à mão-de-obra barata.

2- Eliminação da saúde pública

O que se pretende com a privatização do sistema de saúde é uma melhor gestão dos impostos dos contribuintes, com economias mais do que consideráveis ​​nos cofres públicos, a fim de oferecer um melhor serviço aos cidadãos.

Em 1983, Thatcher começou a privatização no sistema de saúde inglês, primeiro com os serviços de logística de hospitais, como lavanderia, limpeza e culinária. Então os hospitais foram completamente privatizados.

3- enfraquecimento dos países mais pobres

Uma das medidas adotadas e que enfraquecem os países mais pobres é a redução do financiamento estatal a tudo o que não está relacionado à reprodução do capital e, principalmente, a tudo destinado a fins sociais.

O corte nas despesas sociais, a liberalização dos preços nos produtos básicos, os benefícios sociais das grandes fortunas, entre outras medidas, apenas condenam os países mais pobres a permanecer indefinidamente, em uma marginalização econômica que depende outros países.

4- Aumento de impostos

Os impostos sobre o consumo aumentam, enquanto os rendimentos mais baixos são reduzidos.

5- Abertura de fronteiras para mercadorias

Assim, é desejável vencer na competição, eliminando as restrições nas trocas comerciais. Esse fato faz com que os salários caiam.

Relacionado:  John Forbes Nash: biografia, teoria dos jogos e outras contribuições

Referências

  1. Gonzalez, F. (2014). Neoliberalismo e sua crise: causas, cenários e possíveis desenvolvimentos. Recuperado em 30/04/2017, em scielo.org.mx.
  2. Gutierrez, S. (4 de 11 de 2014). Neoliberalismo Recuperado em 30/04/2017, em es.slideshare.net.
  3. Hathazy, P. (sf). Moldando os leviatãs neoliberais: a política da penalidade e do bem-estar na Argentina, Chile e Peru. Recuperado em 30/04/2017, do do.org.
  4. Monbiot, G. (15 de 04 de 2016). Neoliberalismo – a ideologia na raiz de todos os nossos problemas. Recuperado em 30/04/2017, em theguardian.com.
  5. Ostry, DJ, Loungani, P. e Furceri, D. (06 de 2016). Neoliberalismo: sobrevendido? Recuperado em 30/04/2017, em Finanças e Desenvolvimento: imf.org.
  6. Ciência direta (02 de 2017). Ciências sociais e medicina Recuperado em 30/04/2017, do Volume 174 Páginas 64-69: sciencedirect.com.
  7. Torres Perez, D. (2001). Recuperado em 30/04/2017, do Vol.7 num. 3: Ciencias.holguin.cu.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies