As 5 tradições e costumes mais populares de Quito

Quito, a capital do Equador, é uma cidade rica em tradições e costumes que refletem a sua história e diversidade cultural. Entre as diversas práticas populares que se mantêm vivas na cidade, destacam-se cinco tradições e costumes que são especialmente marcantes e queridos pelos habitantes de Quito. Essas tradições incluem festivais religiosos, práticas culinárias, danças folclóricas, artesanato tradicional e celebrações culturais únicas que fazem parte do cotidiano e da identidade da cidade. Vamos explorar um pouco mais sobre essas tradições e costumes que tornam Quito uma cidade tão especial e vibrante.

Conheça as tradições equatorianas: cultura e costumes do país andino latino-americano.

Quito, a capital do Equador, é uma cidade rica em tradições e costumes que refletem a cultura andina latino-americana. Conhecer essas tradições é uma forma de mergulhar na história e na identidade do país. Neste artigo, vamos explorar as 5 tradições e costumes mais populares de Quito.

1. La Fiesta de la Mama Negra

Uma das festas mais famosas de Quito é a La Fiesta de la Mama Negra, uma celebração que combina elementos da cultura indígena, espanhola e africana. Durante a festa, os participantes dançam e cantam em homenagem à Virgen de la Merced e à Mama Negra, uma figura mítica que simboliza a fertilidade e a abundância. A festa acontece todos os anos em setembro e atrai milhares de turistas.

2. La Semana Santa Quitena

A Semana Santa em Quito é uma celebração religiosa que combina tradições católicas com rituais indígenas. Durante a semana que antecede a Páscoa, os quitenos participam de procissões, missas e festas em homenagem a Cristo. Uma das tradições mais populares é a elaboração de tapetes coloridos feitos de flores e serragem, que decoram as ruas da cidade.

3. La Chiva

La Chiva é um ônibus colorido e decorado que percorre as ruas de Quito durante festas e comemorações. Os passageiros dançam, cantam e bebem enquanto o veículo se move pela cidade. A La Chiva é uma forma tradicional de celebrar e se divertir, e é uma atração turística popular em Quito.

4. La Comida Quitena

A gastronomia de Quito é uma mistura de sabores indígenas, espanhóis e africanos. Pratos como a llapingacho, a fritada e a colada morada são parte integrante da culinária local. A comida em Quito é geralmente picante e saborosa, refletindo a diversidade cultural da cidade.

Relacionado:  Partida do Escritório Internacional de Origem: Significado em Espanha

5. La Ronda

La Ronda é uma rua histórica em Quito, conhecida por suas casas coloniais, lojas de artesanato e bares tradicionais. Durante a noite, a rua ganha vida com música ao vivo, danças folclóricas e festas animadas. La Ronda é o local perfeito para experimentar a cultura e a animação de Quito.

Explorar as tradições e costumes de Quito é uma forma de se conectar com a rica história e identidade do Equador. Desde festas coloridas até gastronomia saborosa, a capital equatoriana oferece uma experiência cultural única que vale a pena ser vivenciada.

Quais são as principais práticas culturais e costumes tradicionais?

Quito, a capital do Equador, é uma cidade rica em tradições e costumes que refletem a sua história e diversidade cultural. Conheça as 5 tradições e costumes mais populares de Quito:

1. Fiesta de Quito: A festa de Quito é uma celebração que acontece no dia 6 de dezembro, em homenagem à fundação da cidade. Durante essa festa, os habitantes de Quito participam de desfiles, apresentações culturais e eventos religiosos.

2. La Ronda: La Ronda é uma rua histórica em Quito, conhecida por suas casas coloniais, lojas de artesanato e bares tradicionais. Os moradores locais e turistas frequentam este local para apreciar a arquitetura e a cultura da cidade.

3. Chagras: As chagras são festas tradicionais equatorianas que celebram a cultura dos vaqueiros e agricultores da região. Durante as chagras, os participantes vestem roupas típicas, dançam ao som de música folclórica e participam de competições de rodeio.

4. La Comida Tradicional: A culinária equatoriana é uma parte importante da cultura de Quito. Pratos como ceviche, llapingachos e empanadas são muito populares entre os moradores locais e turistas.

5. La Mitad del Mundo: A Mitad del Mundo é um monumento localizado nos arredores de Quito, que marca a linha do Equador. Os visitantes podem tirar fotos na linha que divide os hemisférios norte e sul e visitar o museu que explora a cultura equatoriana.

Relacionado:  14 Grupos étnicos da Guatemala e suas características

Em resumo, as tradições e costumes de Quito são uma parte essencial da identidade cultural da cidade, que se reflete em suas festas, culinária, arquitetura e eventos tradicionais. Se você visitar Quito, não deixe de mergulhar nessas experiências únicas e conhecer de perto a rica cultura equatoriana.

As 5 tradições e costumes mais populares de Quito

As tradições e costumes de Quito são uma referência de caráter histórico, cultural, artístico e simbólico da América Latina. Muitas das práticas e celebrações que são celebradas ano após ano na cidade preservam suas origens da era pré-hispânica e colonial: para o povo de Quito, eles significam parte de sua herança de identidade.

O esforço monumental para o desenvolvimento de escultura, pintura e construção atraiu inúmeras pessoas de Quito, visitantes do resto do Equador e estrangeiros para testemunhar especialmente as “Festas de Quito”.

As 5 tradições e costumes mais populares de Quito 1

No entanto, a grande influência de outras comemorações como carnavais, Páscoa e o festival de cinema preparado pelo Centro de Cultura, Arte e Comunicação “Zero Latitude” não pode ser deixado de lado.

Tradições e costumes mais relevantes da cidade de Quito

Eleição da rainha de Quito

As “Festas de Quito” fazem parte das tradições mais importantes de todo o território nacional. São um conjunto de eventos musicais, danças, desfiles e importantes feiras gastronômicas.

A celebração das festividades é realizada todos os anos desde 1959, com a intenção de destacar a identidade de Quito.

A abertura das diferentes atividades começa no final de novembro e termina em 6 de dezembro, quando foi comemorada a fundação da cidade em 1534.

A eleição da rainha de Quito é comemorada com o objetivo de arrecadar fundos para os setores mais desfavorecidos da cidade.

Desde 1985, graças a essa tradição, foi criada uma Fundação chamada “Rainha de Quito”, responsável por empoderar as mulheres por meio do empreendedorismo.

Além disso, essa organização promove, por meio de campanhas publicitárias, a importância de reduzir a violência de gênero e o cyberbullying.

Após a coroação da rainha, ocorre a abertura oficial das “Festas de Quito”.

Relacionado:  Bandeira de Guayas (Equador): História e Significado

Desfile da Confraria

Os desfiles de confraternização são uma manifestação da diversidade cultural existente na cidade.

Os mais importantes são os desfiles do norte e do sul, no entanto, pequenos passeios também são feitos em outros lugares de Quito.

Moradores e membros de escolas, juntamente com seus instrumentos musicais, bengalas e dançarinos, são os que participam ativamente dessa tradição.

Chivas Quiteñas

O Chivas Quiteñas é um conjunto de ônibus antigos convertidos em pistas de dança móveis que percorrem as principais ruas da cidade durante a noite.Eles são uma maneira alternativa para os visitantes conhecerem os lugares mais importantes da cidade.

Atualmente, Chivas Quiteñas são definidas como “chivatecas”. Dentro desses veículos, geralmente é distribuída uma bebida que também faz parte dos costumes de Quito, denominada «El Canelazo».

Corrida de carros de madeira

As corridas de carros de madeira geralmente acontecem nos lugares mais íngremes de Quito, especialmente em bairros emblemáticos.Nessa tradição, crianças e adolescentes geralmente participam de 6 a 16 anos.

A fabricação de carros geralmente é principalmente de madeira. Esta celebração é considerada “Patrimônio Cultural e Tradicional de Quito”.

Feira de touradas

A “Feira Judaica de Quito da Grande Potência” foi um dos eventos mais significativos das Festas de Quito até 2012.

No entanto, uma série de protestos contra o abuso de animais encorajou essa tradição a ser bastante reduzida.

Atualmente, os eventos relacionados às propostas de touradas devem cobrir a condição de não matar o animal.

Após a medida, essa tradição perdeu a grande importância que tinha anteriormente nas festividades, principalmente do ponto de vista econômico.

Referências

  1. Dia do Fundador em Quito, recuperado em 18 de dezembro de: ecuadorexplorer.com
  2. História do Equador por Enrique Ayala, recuperada em 17 de dezembro, em: repositorio.uasb.edu.ec
  3. Latitude Zero: Cultura, arte e comunicação, recuperado em 17 de dezembro de: cerolatitud.ec
  4. Quito, Equador, recuperado em 18 de dezembro de: newworldencyclopedia.org
  5. História – Rainha de Quito, recuperada em 18 de dezembro, em: fundacionreinadequito.org
  6. Tradições nas Festas de Quito: santa-maria.com.ec

Deixe um comentário