Como a história é dividida? Principais etapas

A história é comumente dividida em diferentes períodos ou etapas, que servem para organizar e compreender melhor os acontecimentos ao longo do tempo. Essas divisões são feitas com base em critérios como eventos marcantes, mudanças sociais, políticas, econômicas e culturais. As principais etapas da história geralmente incluem a Pré-História, Antiguidade, Idade Média, Idade Moderna e Idade Contemporânea. Cada uma dessas etapas possui características e acontecimentos específicos que contribuem para a compreensão do desenvolvimento da humanidade.

Principais divisões da história: conheça as eras que marcaram a humanidade ao longo dos séculos.

A história da humanidade é dividida em várias etapas que representam momentos significativos de transformação e evolução. Essas divisões são importantes para compreendermos como a sociedade se desenvolveu ao longo dos séculos e como chegamos ao mundo atual.

Uma das principais divisões da história é a Pré-História, que compreende o período anterior ao surgimento da escrita. Nessa época, os seres humanos viviam da caça, pesca e coleta de alimentos, desenvolvendo habilidades para sobreviver em um ambiente hostil.

Em seguida, temos a Antiguidade, que marca o surgimento das primeiras civilizações, como a egípcia, a grega e a romana. Nesse período, ocorreram avanços significativos nas áreas da arte, ciência, política e filosofia, que influenciaram o mundo ocidental até os dias de hoje.

A Idade Média foi outro período importante da história, marcado pela predominância da Igreja Católica, pelas guerras e pela divisão da sociedade em estamentos. Foi nesse período que surgiram as primeiras universidades e as grandes catedrais góticas.

A Idade Moderna foi caracterizada pela expansão marítima europeia, pela Reforma Protestante, pela Revolução Científica e pela consolidação do sistema capitalista. Foi nesse período que se iniciou a colonização das Américas e a exploração de novos territórios.

Por fim, chegamos à Idade Contemporânea, que se inicia com a Revolução Francesa e abrange os acontecimentos mais recentes da história, como as duas guerras mundiais, a Guerra Fria, a globalização e a revolução tecnológica. Nesse período, o mundo passou por transformações profundas que moldaram a sociedade atual.

Em resumo, a história é dividida em várias etapas que refletem os principais momentos de evolução da humanidade. Cada uma dessas eras deixou um legado que influenciou o mundo em que vivemos hoje.

Como a história é dividida em períodos diferentes ao longo do tempo?

A história é dividida em períodos diferentes ao longo do tempo com base em eventos significativos, mudanças culturais, políticas, sociais e econômicas que moldaram a sociedade. Esses períodos são usados para facilitar o estudo e a compreensão do desenvolvimento da humanidade ao longo dos séculos.

Uma das principais formas de dividir a história é em Pré-História e História. A Pré-História abrange o período anterior ao surgimento da escrita, enquanto a História começa com o advento da escrita e abrange os registros documentados da humanidade.

Dentro da História, existem diferentes períodos que são comumente utilizados para organizar os eventos de forma cronológica. Alguns exemplos incluem a Antiguidade, a Idade Média, a Idade Moderna e a Idade Contemporânea.

Cada um desses períodos possui características únicas que refletem as principais transformações e avanços da época. Por exemplo, a Antiguidade é marcada pelo surgimento das primeiras civilizações e a Idade Média pela predominância da Igreja Católica e do feudalismo.

Além disso, a história também pode ser dividida em subperíodos, como o Renascimento, a Revolução Industrial e as Guerras Mundiais, que representam momentos-chave na história da humanidade.

Relacionado:  As 7 consequências da frente nacional da Colômbia

Em resumo, a divisão da história em períodos diferentes ao longo do tempo permite uma melhor compreensão da evolução da sociedade e dos eventos que moldaram o mundo em que vivemos hoje.

Divisão da História em Antiga, Medieval, Moderna e Contemporânea: períodos e características principais.

A história é dividida em quatro grandes períodos: Antiga, Medieval, Moderna e Contemporânea. Cada um desses períodos possui características específicas que o distinguem dos demais.

A História Antiga compreende desde o surgimento das primeiras civilizações até a queda do Império Romano, por volta do século V d.C. Neste período, destacam-se as civilizações grega e romana, que deixaram um legado cultural e político que influencia a sociedade até os dias atuais.

O período Medieval inicia-se com a queda do Império Romano e estende-se até o final da Idade Média, por volta do século XV. Caracterizado pelo feudalismo, pelas Cruzadas e pela influência da Igreja Católica, o período medieval foi marcado por profundas transformações sociais, políticas e culturais.

A História Moderna tem início no século XV e vai até o século XVIII, com a Revolução Francesa. Neste período, destacam-se a expansão marítima europeia, o Renascimento Cultural, a Reforma Protestante e a consolidação do sistema capitalista. A Modernidade foi marcada pelo surgimento de novas ideias e pela aceleração do progresso tecnológico.

Por fim, a História Contemporânea abrange o período a partir da Revolução Francesa até os dias atuais. Caracterizada pela Revolução Industrial, pelas duas Guerras Mundiais, pela Guerra Fria e pela globalização, a história contemporânea é marcada por rápidas mudanças políticas, econômicas e sociais.

Em resumo, a divisão da história em Antiga, Medieval, Moderna e Contemporânea permite uma melhor compreensão da evolução da humanidade ao longo dos séculos, destacando as principais transformações e eventos que moldaram o mundo em que vivemos hoje.

A divisão da história antiga: entenda como os períodos se diferenciam ao longo do tempo.

A história é dividida em diferentes períodos para facilitar o estudo e a compreensão das mudanças ao longo do tempo. Na história antiga, essa divisão também é feita, com diferentes períodos que se distinguem por características específicas.

Os principais períodos da história antiga são: Pré-História, Antiguidade Oriental, Antiguidade Clássica e Idade Média. Cada um desses períodos possui características únicas que os diferenciam uns dos outros.

A Pré-História é o período mais remoto da história, onde os seres humanos ainda não tinham desenvolvido a escrita. Já a Antiguidade Oriental refere-se às civilizações do Oriente Próximo, como os sumérios, babilônios e assírios.

Por sua vez, a Antiguidade Clássica engloba as civilizações greco-romanas, como os gregos e os romanos, que tiveram grande influência na cultura ocidental. Por fim, a Idade Média marca o período que sucedeu a Antiguidade e antecedeu a Idade Moderna, caracterizado pelo feudalismo e pela influência da Igreja Católica.

Em resumo, a história antiga é dividida em diferentes períodos, cada um com suas próprias características e influências. Entender como esses períodos se diferenciam ao longo do tempo é fundamental para compreender a evolução da humanidade e da sociedade.

Como a história é dividida? Principais etapas

A história é dividida em dois ramos principais : a pré-história e história. Estes, por sua vez, são divididos em estágios: Idade da Pedra e Metal, correspondendo à pré-história; e Idade Antiga, Média, Moderna e Contemporânea, correspondendo à história.

Relacionado:  Deus de Viracocha: Origem, Lendas e Adoração

A pré-história é responsável por estudar todos esses fatos antes da invenção da escrita. É dividido em dois estágios: a Idade da Pedra (compreendendo os períodos Paleolítico, Mesolítico e Neolítico) e a Idade do Metal (consistindo na Idade do Cobre, na Idade do Bronze e na Idade do Ferro).

Como a história é dividida? Principais etapas 1

A história estuda todos os eventos que ocorreram desde a invenção da escrita até hoje. É dividido em quatro estágios: a Idade Antiga, a Idade Média, a Idade Moderna e a Idade Contemporânea.

A divisão da história facilita o estudo dos fatos e / ou eventos mais importantes na vida da humanidade (desde a aparência do ser humano até o presente). É por isso que se diz que a história é a ciência que estuda o passado para entender o presente.

Cada um dos ramos da história será detalhado abaixo:

Pré-história

Ramo da história responsável pelo estudo do palco, desde o surgimento do ser humano até o surgimento da escrita.

A pré-história é dividida em idade da pedra e idade do metal.

1- Idade da Pedra

A Idade da Pedra cobre o período entre 2.500.000 e 3.000 a. C., aproximadamente.

É chamado de “Idade da Pedra” porque, nessa fase, o ser humano usava a pedra para executar instrumentos do cotidiano. É constituído pelos períodos paleolítico, mesolítico e neolítico.

– Paleolítico

O Paleolítico inclui o período de 2.500.000 e 10.000 aC. C. É dividido em paleolítico inferior, médio e superior.

Durante esse período, o ser humano era nômade. Ele se mudou em busca de comida para sobreviver. Também foi caracterizado pela construção de ferramentas simples (feitas com pedras).

– Mesolítico

Este é um período de transição entre o Paleolítico e o Neolítico. Durante o período mesolítico, o ser humano teve que modificar seus métodos de sobrevivência, e assim começou a domesticar animais para caçar mais facilmente.

– Neolítico

Também chamado de período de pedra polida ou pedra nova. Abrange o período aproximadamente entre o ano 5.000 a. C e 3.000 a. C.

Caracterizou-se pelo surgimento da agricultura e pecuária, que os levou a se tornar sedentários. Não era necessário mudar de um lugar para outro em busca de alimento, porque eles poderiam semear e cultivar o que precisavam.

2- Idade dos Metais

Age of Metals foi chamado de período histórico durante o qual o ser humano começou a usar metais na vida cotidiana.

A maioria dos historiadores afirma que começou pouco antes do ano 5.000 a. C. e que culminou com o surgimento da escrita. No entanto, isso não significa que o ser humano deixe de lado o uso de metais.

É composto da Idade do Cobre, da Idade do Bronze e da Idade do Ferro.

– Idade do cobre

Nesta fase, o ser humano sedentário começa a usar cobre, ouro e prata na criação de instrumentos para melhorar a agricultura e a caça.

– Idade do Bronze

Surge quando o ser humano descobre que, através da liga de cobre com estanho, é produzido bronze (metal mais resistente que o cobre).

Nesta idade, o surgimento da primeira autoridade política é visto. Da mesma forma, observa-se como a organização social diferia dos períodos anteriores e a desigualdade social passou a ser percebida.

Relacionado:  Escudo de Montería: História e Significado

A Idade do Bronze se espalhou por grande parte do território mundial. No entanto, foi limitado pelo deserto do Saara, impedindo sua expansão mundial.

– Idade do Ferro

Este período é caracterizado pelo uso de ferro para a realização de seus utensílios. Você começa a usar ferro porque era o metal que estava em abundância (muito mais que cobre e bronze).

As primeiras indicações da divisão de classes sociais são observadas. Essa etapa se espalhou pelo mundo, chegando ao deserto do Saara.

História

É dividido em quatro estágios: idade avançada, idade média, idade moderna e idade contemporânea

1- Idade Antiga

A Idade Antiga começa com a ascensão da escrita e termina com a queda do Império Romano do Ocidente no ano 47 dC. C.

Durante esse período, surgem e se desenvolvem as primeiras civilizações: mesopotâmica, fenícia, persa, hebraica, egípcia, grega e romana.

2- Idade Média

A Idade Média abrange o estudo de eventos históricos que ocorreram dos séculos V ao XV.

Começa com a queda do Império Romano do Ocidente e culmina com a descoberta do continente americano (alguns historiadores apontam que culmina com a queda do Império Bizantino).

Caracterizou-se pelo desaparecimento da cidadania romana e pela implementação da ideologia teocêntrica cristã e da ideologia muçulmana.

No aspecto econômico, começou a ser utilizado o modelo de produção feudal, segundo o qual o rei dava extensões de terra (feudos) aos nobres e guerreiros.

Estes, por sua vez, permitiam que os camponeses vivessem ali, na condição de que produzissem, fossem entregues a eles.

A Idade Média foi governada por reis e clérigos, pois foram eles quem estabeleceram o que poderia ou não ser feito.

3- Idade Moderna

A Era Moderna começa com a descoberta da América (1492) e termina com a Revolução Francesa (1789).

Durante esse período, o continente europeu passou por grandes mudanças econômicas, sociais e políticas. Caracterizou-se por dar um sentido antropocêntrico à vida do ser humano (maior interesse foi dado à arte, literatura e estudos científicos).

Da mesma forma, surgiu o chamado “Estado Moderno”, que consistia em concentrar o poder no rei, e para isso era necessário negociar com os senhores feudais a renúncia a seus direitos individuais (em alguns casos foram feitas guerras para obter as terras).

Posteriormente, surgiu o poder político chamado monarquia absoluta.

4- Idade contemporânea

A Era Contemporânea começa com a Revolução Francesa em 1789 e continua até hoje.

Essa etapa da história se caracteriza por suas descobertas científicas, como: o barco a vapor, a bateria elétrica, o telefone, a lâmpada elétrica, o avião, o celular, entre outros.

Esta é a fase da história que está sendo vivida hoje. Por esse motivo, todos os dias mais fatos transcendentais são adicionados à vida do ser humano.

Referências

  1. Histórico por período, recuperado em 26 de setembro de 2017, em wikipedia.org
  2. História moderna, recuperada em 26 de setembro de 2017, em wikipedia.org
  3. História contemporânea, recuperada em 26 de setembro de 2017, em wikipedi.org
  4. Idade da pedra, recuperada em 26 de setembro de 2017, de ancient.eu
  5. Meia-idade, recuperada em 26 de setembro de 2017, em wikipedia.org
  6. A meia-idade, recuperada em 26 de setembro de 2017, em britannica.com
  7. História antiga, recuperada em 26 de setembro de 2017, em wikipedia.org

Deixe um comentário