Fatura informada: características, vantagens e exemplo

A fatura conformada é uma garantia que adiciona direitos a produtos que já foram entregues, mas ainda não foram pagos. Esta fatura deve ser assinada pelo devedor como um sinal de satisfação com os produtos designados, com sua data de pagamento e seu valor.

Essa garantia é adequada para o credor endossá-la a terceiros, com os produtos sujeitos à venda sujeitos à garantia flutuante e global a que é indicado pelo artigo 231 da Lei GSF.

Fatura informada: características, vantagens e exemplo 1

Fonte: pixabay.com

De maneira alguma deve ser emitida uma fatura formalizada para transações sem autorização de crédito e dinheiro. Nem nos casos em que o uso de notas promissórias, cartas ou outros títulos de crédito seja usado para representar o crédito efetivo na operação comercial.

Nesses casos, a emissão desse título constituiria uma duplicidade, anexada à fatura comercial que cumpriria a mesma função.

Caracteristicas

Emissão voluntária

Ao contrário de outras leis, como a Argentina, no Peru, a emissão desse título é voluntária.

Somente será emitido se o comprador e o vendedor concordarem em usar essa garantia para concentrar seu relacionamento de crédito, o que será garantido.

Regulado por lei

A fatura conformada constitui uma garantia sobre os objetos de comércio e mercadorias que foram elementos de uma transação comercial, bem como uma garantia que representa um crédito concedido pelo valor do preço. Está regulamentado na Lei de Valores Mobiliários.

No Peru, é regulado legalmente por meio da lei de valores mobiliários, número 27287 na terceira seção do Segundo Livro, nos artigos 163 a 171, com vigência a partir do ano 2000.

Título do valor do pedido

É emitido para a ordem de quem transfere os produtos detalhados no documento ou no vendedor. Nesse sentido, constitui um título de valor por ordem e, portanto, é transferível através de um endosso.

Garantia

Os produtos que são objeto de entrega, coletados na fatura conformada, estão sujeitos à garantia flutuante e global referida no artigo 231 da Lei GSF.

Execução por falta de pagamento

Caso o pagamento da fatura tenha sido estipulado em várias parcelas, a falta de pagamento de uma dessas parcelas autoriza o titular da fatura a assumir que todos os prazos estão vencidos e reivindicar o pagamento do valor total devido.

Endosso

A fatura conforme que o credor emite pode ser endossada a terceiros. Isso inclui a descrição dos produtos sujeitos à transferência, os quais estão sujeitos à garantia flutuante e global referida no artigo 231.

Vantagens e desvantagens

Vantagens

Uma vantagem da fatura formada em relação à nota promissória ou letra de câmbio é que a fatura constitui um título causal, pois sempre evidencia a presença de uma transação comercial que causa sua emissão, que é a comercialização de mercadorias.

Além disso, descreve detalhadamente os produtos que são objeto de uma venda a crédito, cujo pagamento parcial ou total representa a prova de que o comprador (devedor) recebeu tais produtos, tendo concordado com um pagamento subsequente.

Além disso, na versão peruana da fatura conformada, constitui o direito de garantia real dos produtos detalhados no mesmo título.

A fatura modelada é muito vantajosa em comparação com outra segurança. Isso ocorre porque os produtos entregues ao comprador servem como garantia do valor a ser pago posteriormente.

O uso da fatura conforme permitirá maior segurança e rapidez nas vendas a crédito. Isso favorecerá um bom ambiente na bolsa comercial peruana.

Simplifique as operações de crédito

A fatura modelada é um instrumento que acelera as operações de crédito. Ao mesmo tempo, permite dar-lhes segurança jurídica.

Eles possibilitam que as empresas se beneficiem substancialmente porque podem agilizar seu pagamento rapidamente. Além disso, eles podem invocar mecanismos de financiamento ágeis e confortáveis ​​de acordo com suas possibilidades.

O sucesso de seu uso permite que pequenas empresas tenham liquidez suficiente para expansão e desenvolvimento.

Desvantagens

A fatura conformada é emitida apenas para a comercialização de mercadorias, bem como para outras circunstâncias contratuais em que a propriedade de produtos adequados é transferida para ser afetada como garantia, na qual o pagamento subsequente do valor da fatura é acordado.

Deve-se levar em consideração que a emissão da fatura conforme é permitida somente quando estiver relacionada a produtos que não sejam dinheiro, que não estão sujeitos a investigação.

Por outro lado, para que a fatura conformada seja válida, ela deve ter o acordo do comprador ou adquirente.

Exemplo

A fatura conforme deve indicar em seu formato impresso pelo menos os seguintes elementos:

Fatura informada: características, vantagens e exemplo 2

– O nome da denominação ou fatura formado.

– o nome, número de identificação do documento oficial, endereço e assinatura do emissor, cuja ordem é entendida como emitida.

– A indicação da data e local da sua emissão.

– O nome, número de identificação do documento oficial e endereço do comprador ou comprador do produto ou usuário do serviço, para cuja obrigação a fatura é emitida.

– A descrição da mercadoria entregue ou do serviço prestado. Deve indicar sua série, classe, quantidade, qualidade e outras referências que permitam estabelecer seu valor de gênero, natureza e patrimônio.

– O local de entrega, no caso de produtos ou mercadorias.

– O preço unitário e o valor total da mercadoria ou serviço.

– O valor parcial ou total a ser pago pelo comprador ou comprador do produto ou usuário do serviço. Isso corresponde à quantidade de crédito representada por este título.

– A data de pagamento do valor indicado no ponto anterior, que pode ser parcelado ou integral. No primeiro caso, devem ser indicadas as respectivas datas de pagamento de cada parcela.

– A indicação do local de pagamento e / ou a maneira pela qual o pagamento deve ser realizado, nos casos conhecidos pelo artigo 53 da Lei 27287.

Requisitos não essenciais

– Se o local de entrega das mercadorias não for indicado, será assumido que foi feito no endereço do comprador.

– Se o local de pagamento não for indicado, será exigido no endereço do principal, a menos que o pagamento tenha sido acordado de acordo com o artigo 53 da lei 27287.

Referências

  1. Notário Rodriguez Velarde (2019). Capítulo XVII A Fatura Informada. Retirado de: rodriguezvelarde.com.pe.
  2. Giovanna Leonidas Palacios Pajar (2011). Análise do regime jurídico da fatura conforme. Universidade Nacional de San Marcos. Retirado de: sisbib.unmsm.edu.pe.
  3. Congresso da República (2019). A denominação de fatura informada. Retirado de: congreso.gob.pe.
  4. Blog Grover Cornejo Yancce (2019) Lei 27287, artigos 163 a 245 da Terceira Lei de Valores Mobiliários. Retirado de: blog.pucp.edu.pe.
  5. Hildebrando Jiménez Saavedra (2019). Fatura informada. Revista Jurídica de Cajamarca. Retirado de: derechoycambiosocial.com.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies