Os 4 recursos naturais mais importantes de Quintana Roo

Os 4 recursos naturais mais importantes de Quintana Roo

Os principais recursos naturais de Quintana Roo são madeiras preciosas, como o mogno; madeiras comuns como ébano e chicozapote; e culturas agrícolas como feijão, milho e arroz.

Quintana Roo é um estado mexicano localizado na península de Yucatan, no sudeste do país. É banhada pelo Golfo do México e pelo Mar do Caribe.

Quintana Roo é uma área de recepção para turistas de todo o mundo, especialmente Cancun, a cidade mais populosa do estado e a capital turística do Caribe. O turismo é a principal fonte de renda e o maior gerador de empregos na região.

Este estado tem uma população de menos de um milhão e meio de habitantes. Nos indicadores demográficos e geográficos, está entre os estados menos populosos e extensos do México.

Principais recursos naturais de Quintana Roo

1- Madeiras preciosas

Quintana Roo lidera a produção nacional de madeiras preciosas. Estes são destinados à fabricação de móveis de luxo.

Estima-se que o estado do sul acumule 40% da produção nacional de madeiras preciosas.

O início da exploração madeireira em Quintana Roo data do final do século XIX. No entanto, foi em meados dos anos 80 que alcançou sua importância atual, permitindo a exploração de ejidos localizados na área maia.

Entre as principais variedades de madeiras preciosas localizadas em Quintana Roo, destacam-se o mogno, o cedro vermelho e o carvalho. O principal mercado para exportação de madeira de alta qualidade são os Estados Unidos.

2- Madeiras comuns

A riqueza de madeira da Quintana Roo não se limita às da mais alta qualidade. A região também produz e comercializa outros de qualidade menos exuberante.

Destaca-se o ébano, usado para fabricar móveis e / ou elementos decorativos de grande beleza e valor no mercado.

Relacionado:  Como é o alívio da Ásia?

3- O chicozapote

Nome pelo qual é conhecida a árvore da qual a resina é extraída para a fabricação de chicletes. Quintana Roo é um dos cantos do mundo de onde se considera que este doce universal se origina.

A produção de chiclete sempre foi muito importante para as comunidades rurais de Quinta Roo.

Assim, essas comunidades eram compostas por migrantes de outros estados vizinhos que vieram trabalhar nos campos.

Sendo um recurso tão importante para a subsistência dessas comunidades, tornou-se um incentivo para a conservação da floresta.

4- Culturas agrícolas

A principal colheita agrícola da região é o milho. O feijão também é cultivado – seu cultivo aumentou 273% em Quintana Roo desde a década de 1970 -, soja, arroz e algumas árvores frutíferas, destinadas principalmente ao autoconsumo.

Alguns deles são: laranja, limão, abacate, manga ou abacaxi. A baixa produção agrícola de Quintana Roo se deve à escassez de terras agrícolas disponíveis.

Portanto, não é uma atividade básica ou fundamental no desenvolvimento econômico da região.

Referências

  1. Quintana Roo na Enciclopédia das Nações em Nationsencyclopedia.com/mexico/Michoac-n-Zacatecas/Quintana-Roo
  2. “Anatomia da madeira e usos de oito árvores tropicais de Quintana Roo, México”. S. Rebollar e Alejandra Quintanar Isaías. (1998).
  3. Novo conceito de negócio da agricultura orgânica em Quintana Roo, publicado pela Riviera Maya News. (21 de julho de 2015).
  4. Goma de mascar. As fortunas do gosto ». Michael Redclift. Routledge, Nova Iorque e Londres. (2004).
  5. “Processos de desmatamento no estado de Quintana Roo, México. O papel do uso da terra e da silvicultura comunitária ». Edward A. Ellis, José Arturo Romero Montero, Irving Uriel Hernández Gómez. (Abril de 2017).

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies