Qual é o objeto de estudo da Geografia?

A Geografia é uma ciência que tem como objeto de estudo o espaço geográfico, ou seja, o conjunto de elementos físicos, biológicos e humanos que compõem o planeta Terra. A disciplina se dedica a analisar as relações entre sociedade e natureza, investigando os processos de ocupação do espaço, as transformações ambientais, as dinâmicas populacionais, as questões econômicas e culturais, entre outros aspectos. Dessa forma, a Geografia busca compreender as diferentes paisagens e territórios, contribuindo para a reflexão sobre as complexas interações que ocorrem no mundo contemporâneo.

Qual é o foco de estudo da Geografia?

A Geografia é uma disciplina que tem como principal objetivo estudar e analisar o espaço geográfico, ou seja, a relação entre sociedade e natureza em determinada região. O foco de estudo da Geografia está voltado para compreender as interações entre os elementos físicos, biológicos, sociais e culturais que constituem o espaço terrestre.

O objeto de estudo da Geografia engloba diversos temas, como a distribuição dos recursos naturais, a ocupação do território, as formas de organização socioeconômica, as transformações do meio ambiente, as dinâmicas populacionais, entre outros. A Geografia busca analisar esses fenômenos de forma integrada, considerando as diferentes escalas espaciais e temporais.

Por meio de metodologias como a observação, a coleta de dados, a interpretação de mapas e imagens de satélite, a Geografia contribui para a compreensão dos processos que ocorrem no espaço geográfico. Dessa forma, a Geografia permite não apenas descrever e explicar as características do mundo em que vivemos, mas também refletir sobre as relações que estabelecemos com o ambiente e com outras sociedades.

Qual é o foco de estudo da Geografia: assinale a opção correta?

O foco de estudo da Geografia é o espaço geográfico, ou seja, a relação entre sociedade e natureza em determinado local. Diferente de outras ciências que se concentram em apenas um aspecto do mundo, a Geografia abrange diversos elementos, como o clima, relevo, vegetação, economia, cultura e população de uma região. O objetivo principal da Geografia é compreender as interações entre esses elementos e como eles influenciam a organização do espaço.

Qual é a finalidade da Geografia enquanto disciplina acadêmica e científica?

A Geografia é uma disciplina acadêmica e científica que tem como principal finalidade o estudo e a compreensão do espaço geográfico, ou seja, do ambiente natural e das interações humanas que ocorrem nele. Por meio da análise dos fenômenos geográficos, a Geografia busca compreender as relações entre os seres humanos e o meio ambiente, assim como as transformações que ocorrem nesse espaço ao longo do tempo.

O objeto de estudo da Geografia abrange uma ampla gama de temas, que vão desde a análise do clima e relevo até questões relacionadas à distribuição da população, uso do solo, urbanização, globalização e impactos ambientais. A Geografia também se preocupa em estudar as desigualdades socioeconômicas entre as diferentes regiões do mundo, buscando compreender as causas e consequências dessas disparidades.

Por meio da pesquisa e análise dos diferentes elementos que compõem o espaço geográfico, a Geografia contribui para o desenvolvimento de políticas públicas, planejamento urbano, gestão ambiental e outras áreas do conhecimento. Além disso, a Geografia também tem um papel fundamental na formação dos cidadãos, promovendo o entendimento da relação entre sociedade e natureza e incentivando a reflexão sobre as questões globais e locais.

Relacionado:  Como os terremotos se originam?

Em resumo, a Geografia enquanto disciplina acadêmica e científica tem como finalidade principal estudar o espaço geográfico e as interações que ocorrem nele, contribuindo para a compreensão dos desafios e oportunidades presentes no mundo contemporâneo.

Qual objeto é foco de estudo principal da Geografia na plataforma Brainly?

A Geografia é uma ciência que estuda o espaço geográfico, ou seja, as relações entre sociedade e natureza em determinado lugar. O principal objeto de estudo da Geografia na plataforma Brainly é o espaço geográfico. Este espaço é composto por elementos naturais, como relevo, clima, vegetação, hidrografia, entre outros, e elementos humanos, como as cidades, as atividades econômicas, a cultura, a política, entre outros.

A Geografia busca compreender as interações que ocorrem no espaço geográfico, analisando como as sociedades se organizam e se relacionam com o meio ambiente. Além disso, a Geografia também estuda as transformações que ocorrem no espaço ao longo do tempo, seja por ação humana, como a urbanização e a industrialização, ou por fenômenos naturais, como terremotos e enchentes.

Portanto, o objeto de estudo da Geografia na plataforma Brainly é o espaço geográfico, que engloba tanto os elementos naturais quanto os elementos humanos presentes em determinado lugar. Através do estudo do espaço geográfico, é possível compreender melhor as relações entre sociedade e natureza e as transformações que ocorrem no mundo em que vivemos.

Qual é o objeto de estudo da Geografia?

Qual é o objeto de estudo da geografia? Para responder a essa pergunta, essa ciência deve primeiro ser definida, que é dedicada ao estudo e descrição da forma da Terra, bem como ao arranjo e distribuição dos elementos que existem na superfície da Terra.

A UNESCO, em 1950, após um consenso alcançado a definição de geografia como a “ciência que localiza, descreve, explica e compara todos os fenômenos geográficos que ocorrem na Terra e a influência que eles causam na vida do homem”.

Qual é o objeto de estudo da Geografia? 1

Etimologicamente, o termo vem das palavras gregas Geo (terra) e graphe (descrição). A partir dos conceitos anteriores, resume-se que a geografia estuda a inter-relação entre os seres humanos e o meio ambiente e quais são as conseqüências dessa interação.

Objeto de estudo: O que a geografia estuda?

O objetivo do estudo da geografia é entender o ambiente e a relação dos seres humanos com seu ambiente físico.

As características geográficas analisadas neste estudo incluem clima, água, solo, relevo e formações vegetais, combinadas com o estudo de elementos como diversidade cultural, entidades populacionais, redes de comunicação e alterações. produzido pelo homem em seu ambiente físico (Aguilera, 2009).

Para desenvolver seu objeto de estudo, a geografia emprega outras ciências e disciplinas; portanto, afirma-se que a geografia não é uma ciência isolada. Pelo contrário, está ligado a ciências como geologia, história, astronomia, estudos da natureza, economia política, entre outras.

De acordo com esse princípio, a geografia é dividida em dois aspectos principais: geografia física e geografia humana. Cada um deles é subdividido em outros ramos de acordo com seu objeto de estudo (Hernández, 2012).

Geografia Física

É o encarregado de estudar as características e os elementos físicos do relevo em um determinado espaço ou território. Nesse ramo, destacam-se os seguintes:

  • Climatologia: estude as situações climáticas de uma região, analisando-as e classificando-as por zonas.
  • Geomorfologia: estuda as formas na superfície da Terra, os processos que as originam e as alterações que sofrem naturalmente.
  • Hidrografia: estuda os espaços aquáticos continentais e marítimos em um território.
  • Geografia costeira: estudar e analisar as características das costas de rios, lagos, córregos, lagoas e mares.
  • Biogeografia: como o nome indica, refere-se ao estudo de seres vivos dentro de um território específico.

Geografia Humana

Dedica-se ao estudo das relações humanas com o território geográfico, as características da população e as consequências de tal interação. Por sua vez, é dividido em:

  • Geografia da população: estudar a distribuição da população como a relação em aspectos físicos e sociais.
  • Geografia econômica: estude as atividades econômicas e produtivas de cada região, transformando a divisão conhecida em três setores: primário, secundário e terciário, essencial para o ser humano atender às suas necessidades.
  • Geografia política: estuda a organização política e suas formas dentro de uma determinada sociedade ou território e depende da geopolítica e da ciência política.

Origem da geografia

Os primeiros estudos geográficos focaram-se no conhecimento das terras descobertas por exploradores e viajantes, desenvolvimento de novos mapas, identificação do curso dos rios e explicação de fenômenos naturais como vulcanismo, secas, inundações e eclipses.

No entanto, as afirmações de Aristóteles no século IV aC sobre a redondeza da Terra, com base na posição das estrelas, gravidade e eclipses, podem ser consideradas como o primeiro vestígio geográfico. Mais tarde, Eratóstenes tentaria calcular a circunferência do nosso planeta.

Os primeiros livros de geografia foram aqueles escritos por Strabo , historiador e filósofo grego que escreveu mais de quinze volumes descrevendo detalhadamente os territórios do Império Romano.

O Guia Geográfico de Ptolomeu é um importante trabalho de geografia nos tempos antigos, porque ele compilou todas as informações dos gregos e projetou vários mapas do mundo (Hernández, 2012).

Por muitos séculos, a geografia foi dedicada ao acúmulo de informações geográficas. Não foi até o século XIX que os conceitos modernos de geografia foram introduzidos como um estudo da interação do homem com o meio ambiente. Os promotores desses conceitos foram Alejandro de Humboldt e Carl Ritte .

Humboldt é conhecido por sua exploração e análise de fatores naturais como um todo e não como eventos separados, fornecendo dados históricos para seus estudos geográficos. Ritte, por sua vez, concentrou-se no estudo específico de áreas como fenômenos econômicos, históricos e culturais (De Jeen, 1923).

Relacionado:  Projeção homolográfica ou Goode

Foi até meados do século XX que surgiram novas tendências e metodologias em que os métodos quantitativos foram adotados na demografia e na localização espacial em que os protagonistas eram Heinrich von Thünen e Walter Christaller.

Isso permitiu, anos depois, dividir os estudos geográficos em diferentes fluxos de pensamento: aqueles que se baseiam em dados qualitativos e aqueles que defendem análises quantitativas e físicas (Aguilera, 2009).

Importância da Geografia

A geografia permite ter conhecimento sobre a superfície da terra, a descrição de sua forma física e natural. Da mesma forma, abrange a compreensão dos países, seus espaços territoriais e fronteiras com outros países, definindo suas paisagens, clima, fauna e atividades econômicas (Hernández, 2012).

Na escola, são incluídos estudos gerais de geografia, com a intenção de ensinar os fenômenos e naturais que ocorrem em um determinado espaço, suas causas e conseqüências a curto, médio e longo prazo.

Ao mesmo tempo, essa disciplina abrange outros campos de estudo, como ecologia, história, economia, sociologia, psicologia e muitos outros, a fim de oferecer um estudo completo de todos os aspectos relacionados nos diferentes ramos da geografia.

Estudar a relação homem-natureza nos permite entender como nossas ações influenciam o espaço territorial que ocupamos, o que, por sua vez, fornece as ferramentas necessárias para que as pessoas reorientem suas ações em relação ao meio ambiente, ao resto dos seres vivos e aos elementos naturais que Eles fazem as pazes. Esta afirmação mostra o principal objetivo da geografia hoje (Hernández, 2012).

Por outro lado, a aplicação da ciência da computação em diferentes disciplinas de estudo tem desempenhado um papel importante na evolução da Geografia como ciência, uma vez que os avanços tecnológicos no mapeamento permitiram o desenvolvimento de um sistema automatizado de geografia em todo o mundo. do mundo.

Com as ferramentas fornecidas pela informática na geografia, a solução de todos os problemas ambientais que afetam a escala global, bem como a sustentabilidade do planeta e o gerenciamento eficiente dos recursos naturais, foi levantada como prioridade.

Referências

  1. AGUILERA ARILLA, M.J; (2009) Geografia geral, vol. II: Geografia Humana, ed. UNED, Madri.
  2. Atlas Elementar (1975) Novo, curto, fácil e demonstrativo método para aprender Geografia por si só ou até mesmo ensiná-lo às crianças. Tradução do PD Francisco Vázquez. Madri, segunda impressão, P. Aznar.
  3. Pasta Pedagógica (2014) Objeto de estudo da Geografia. Recuperado de Cienciageografica.carpetapedagogica.com.
  4. De Blij, HJ, Muller, PO e Williams, RS (2004): Geografia Física. O ambiente global. Oxford University Press, Oxford.
  5. De Jeen, S. (1923) Geografiska Annaler. (37) Recuperado de www.jstor.org.
  6. Hernández, L. (2012) O que é geografia? Recuperado de space-geografico.over-blog.es.
  7. Lacoste, R; Guirardi, R; Geografia física e humana geral, ed. Oikos-Tau, Barcelona 1986
  8. McKnight, TL e Hess, D. (2005): Geografia Física. Pearson-Prentice Hall. Nova Jersey (EUA).
  9. Waugh, D. (1995): Geografia: Uma abordagem integrada. Nelson & Son Ltd. Reino Unido

Deixe um comentário