Riqueza cultural da Colômbia: 10 exemplos de tradições

A riqueza cultural da Colômbia é representada por algumas das importantes tradições e eventos culturais, como o Carnaval de Barranquilla, a Semana Santa, o carnaval, a noite das velas, o Desfile de Silleteros e outros festivais.

A Colômbia é um caldeirão de culturas que se misturam e decantam com o tempo. Os espanhóis que conquistaram a região e impuseram sua língua, religião e costumes juntaram-se à população indígena que já habitava essas terras com seu legado ancestral.

Riqueza cultural da Colômbia: 10 exemplos de tradições 1

Os conquistadores ibéricos trouxeram os negros para trás, que também contribuíram com uma rica coleção. Todos esses grupos étnicos deixaram sua marca no país que hoje é conhecido como Colômbia.

Em algumas ocasiões, a influência de algumas delas em certas manifestações pode ser claramente identificada, especialmente dependendo da região, mas outras vezes você pode ver um verdadeiro amálgama que resulta em expressões originais e únicas no mundo.

A Colômbia experimentou um desenvolvimento econômico, político e social vertiginoso nas últimas décadas, que também deixou sua marca no mundo cultural e influenciou com novas contribuições da nação sul-americana.

Lista das 10 tradições ou eventos culturais mais importantes da Colômbia

1- Carnaval de Barranquilla

É sem dúvida a festa de carnaval mais importante da Colômbia e uma das mais importantes da América Latina. É comemorada desde meados do século XIX e é uma das expressões mais sofisticadas de sincretismo cultural que podemos encontrar no país.

O primeiro registro da leitura da Banda do Carnaval, uma atividade que é comemorada todo dia 20 de janeiro, Dia de São Sebastião, data de 1865, embora haja testemunhos que indiquem que o carnaval já foi comemorado antes.

Durante 5 dias – do sábado antes da quarta-feira de cinzas até a próxima terça-feira – a cidade de Barranquilla, localizada na costa do Caribe e capital do Departamento do Atlântico, vira alegremente para a rua com música, dança, carro alegórico, figurinos e desfiles , sob o bastão do rei Momo e da rainha do carnaval.

Estima-se que cerca de um milhão de canyoners e visitantes de outras partes do país e do exterior participem da celebração.

Esses partidos foram declarados Patrimônio Cultural da Nação pelo Congresso Nacional em 2001 e Obra-prima do Patrimônio Oral e Intangível da Humanidade pela Unesco, em 2003.

2- Festival Ibero-Americano de Teatro de Bogotá

Riqueza cultural da Colômbia: 10 exemplos de tradições 2

Este é um dos mais importantes encontros de teatro da América Latina, que reúne grupos de todo o mundo em Bogotá a cada dois anos.

Foi criado em 1988 por Fanny Mikey, atriz colombiana-argentina, diretora e empresária de teatro, e Ramiro Osorio, principal promotor cultural colombiano, primeiro ministro da Cultura do país.

Desde então e até 2016, foram celebradas quinze edições desta festa, que não se limita a encher os showrooms da capital colombiana, mas agita as ruas, praças e parques de Bogotá com atividades gratuitas que permitem a participação de crianças e adultos de uma maneira maciça.

Dependendo da edição, durante os 17 dias em que o festival se estende – que geralmente ocorre entre os meses de março e abril – dezenas de grupos de 21 a 45 nações participam de cada oportunidade, além de centenas de artistas.

Além das mais diversas propostas teatrais, você também pode ver outras manifestações das artes cênicas, como dança, circo, pantomima, além de concertos musicais, oficinas e conferências.

Relacionado:  Diferença entre provérbio, enigma e trava-língua

3- Festival da Lenda de Vallenata, em Valledupar

O Vallenata Legend Festival é realizado anualmente desde 1968, entre os meses de abril e maio, em Valledupar, capital do Departamento de Cesar, no nordeste da Colômbia. O objetivo é celebrar hoje um dos gêneros musicais mais populares do país.

Os intérpretes e compositores de Vallenateros se reúnem para competir em diferentes categorias, em uma festa que reúne milhares de seguidores por cinco dias.

A música Vallenata é nativa da região formada pelo norte do departamento de Cesar, no sul de La Guajira e no leste de Magdalena e tem uma longa presença em toda a costa do Caribe colombiano.

É um exemplo claro de uma mistura das diferentes influências culturais que coexistem no país, pois inclui para sua interpretação instrumentos europeus como o acordeão, a guacharaca indígena e a caixa vallenata, um tambor de origem africana. Além disso, a composição das cartas tem influência espanhola.

O vallenato foi declarado Patrimônio Cultural Imaterial da Nação e Humanidade pelo Ministério da Cultura e pela Unesco, em 2012 e 2015, respectivamente.

4- Semana Santa em Popayán

Riqueza cultural da Colômbia: 10 exemplos de tradições 3

A fé católica é majoritária na Colômbia e encontra na cidade de Popayán, capital do departamento de Cauca, no sudoeste do país, uma de suas expressões mais antigas, autênticas e populares.

As procissões da Semana Santa desta cidade são celebradas ano após ano desde o século XVI e convocam milhares de fiéis não apenas da região, mas de toda a Colômbia.

Imagens religiosas de madeira esculpida de várias escolas artísticas da Europa, América e da própria cidade são carregadas pelos paroquianos em plataformas profusamente adornadas com velas e flores, onde são retratados os episódios que narram os Evangelhos.

A procissão viaja à noite, de terça a sábado, um caminho latino em forma de cruz pelas ruas do Panamá com a companhia de fiéis que oram em seu caminho. Este feriado religioso foi declarado Patrimônio Cultural da Nação em 2004 e está inscrito na lista representativa do Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade da Unesco desde 2009.

5- Desfile de Silleteros, em Medellín

O desfile de Silleteros é uma das atividades mais populares que ocorrem nos primeiros dias de agosto, no âmbito da Feira das Flores, na cidade de Medellín, capital do Departamento de Antioquia.

Os camponeses do distrito de Santa Helena preparam, com milhares de flores de diferentes tipos, vários motivos alusivos a paisagens, monumentos, personagens e mensagens, com grande engenhosidade e originalidade.

Eles também desfilam pelas ruas e avenidas da cidade, carregando-os atrás deles em algumas selas – daí o nome da atividade – na presença de multidões que admiram e aplaudem essas criações.

Os silleteros passam a tradição de geração em geração e fizeram apresentações em outras cidades da Colômbia e no exterior.

A festa acontece de forma contínua desde 1957 e foi declarada Patrimônio Cultural Imaterial da Nação, em 2015.

6- As novenas dos aguinaldos

É uma tradição católica de Natal profundamente enraizada na Colômbia e também é amplamente comemorada no Equador. É muito semelhante às Posadas que ocorrem no México e na América Central.

Nos nove dias que antecederam a véspera do Natal, os colombianos que professam que a fé se reúnem em suas casas, locais de trabalho, praças, centros sociais, igrejas e até em shopping centers, para orar e cantar canções de Natal e canções de Natal.

Relacionado:  4 Contribuições dos incas à humanidade

Este repertório é acompanhado por lanches típicos das férias de Natal. É uma maneira de evocar os nove meses de gestação da Virgem Maria.

A tradição começou com o pai franciscano Fray Fernando de Jesus Larrea (Quito, 1700 – Santiago de Cali, 1773), que escreveu essas orações em meados do século XVIII, que foram publicadas pela primeira vez em 1784 pela Imprenta Real de Santafé, em Bogotá, a pedido de Clemencia de Jesus Caycedo, fundador da escola La Enseñanza, daquela cidade.

Um século depois, Madre María Ignacia fez algumas mudanças e acrescentou as alegrias (canções), como são conhecidas hoje. Dizem que, por causa dessa tradição, o Natal colombiano é o mais longo do mundo.

7- Carnaval de negros e brancos, em Pasto

Embora seja chamada com a palavra carnaval, essas festas, as mais importantes do sudoeste da Colômbia, são celebradas entre os dias 2 e 7 de janeiro, principalmente na cidade de Pasto, capital do departamento de Nariño, bem como nos municípios vizinhos. .

É um feriado que se origina no século XVI, onde as tradições da população crioula dos Andes, a cultura negra do Pacífico colombiano e a população nativa se reúnem.

As datas correspondem à veneração da Lua pela população indígena que habitava essas terras. Cada dia do carnaval é diferente:

No dia 2 de janeiro, acontece o Desfile das Colônias, onde os pastusas e nativos de outras cidades mostram suas tradições; Em 3 de janeiro, é a vez do Carnaval, dedicado às crianças, e em 4 de janeiro, a Chegada da Família Castañeda, que caricatura a recepção a um grupo familiar estrangeiro.

No dia 5 de janeiro, é o Dia dos Negros, onde é comemorado o dia anual que os escravos tinham livre e, em 6 de janeiro, o Dia dos Brancos, quando ocorre o Grande Desfile.

Finalmente, em 7 de janeiro, chama-se Dia do Leilão, que encerra os feriados. O Carnaval de Negros e Brancos foi declarado em 2001 Patrimônio Cultural da Nação e em 2009 Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade pela Unesco.

8- Noite das velas

Riqueza cultural da Colômbia: 10 exemplos de tradições 4

É a festa em que é celebrada a Imaculada Conceição da Virgem Maria, dogma proclamado pelo papa Pio IX em seu touro Ineffabilis Deus em 1854.

Na noite de 7 de dezembro, velas, lanternas ou outras luzes nas janelas e portas de casas, ruas, praças, shopping centers e edifícios emblemáticos são acesas em todas as vilas e cidades da Colômbia, resultando em Um ótimo show de luzes que começa nas férias de Natal.

Esta celebração popular é especialmente apreciada pelas crianças que participam com alegria e alegria na iluminação de velas e famílias que se deslocam para as ruas e praças para assistir ao show.

Cada cidade comemora esta data com características especiais. Por exemplo, em Bogotá, um show de luzes acontece na Torre Colpatria, uma das mais altas da cidade.

Em Bucaramanga, o dia termina com um show cultural no parque municipal, enquanto em Santa Marta, a festa começa às 3 da manhã de 8 de dezembro e coincide com o aniversário da cidade, comemorado com procissões e jogos. pirotecnia

9- Festival Nacional Folclórico e Reinado de Bambuco, em Neiva

É a festa que representa o Departamento de Huila, no sudoeste da Colômbia, e acontece na capital Neiva, entre meados de junho e a primeira semana de julho.

Relacionado:  Os 7 elementos mais destacados dos pôsteres

Suas origens datam do final do século XVIII. Primeiro foram celebrados em homenagem a San Juan Bautista e depois ele também se juntou a San Pedro.

O festival foi formalizado em meados da década de 1950 e inclui várias atividades, desde passeios a cavalo com cavalos lindamente enfeitados e montados por homens, mulheres e crianças a desfiles com bóias e canoas iluminadas, acompanhadas por bandas e bandas.

Também encontros e competições de música e dança, onde um dos principais gêneros musicais e de dança da Colômbia, como o bambuco, é interpretado e dançado, além de outras danças e músicas como o sanjuanero e rajaleñas do Huilense, entre outros.

Um dos eventos mais esperados é a eleição da Rainha Nacional de Bambuco, com candidatos representando todos os departamentos do país. É uma ocasião para experimentar o assado típico do Huilense, acompanhado de chicha, guarapo, doces e conhaque. Em 2006, foi declarado Patrimônio Cultural da Nação.

10- Feira de Cali

Riqueza cultural da Colômbia: 10 exemplos de tradições 5

Também é conhecida como Feira de Caña e é realizada em Cali, capital do Departamento de Valle del Cauca desde 1957, entre 25 e 30 de dezembro.

A capital do Vale do Cauca é reconhecida como a Capital Mundial da Salsa e, por esse motivo, o espetáculo com o qual as festividades se abrem é o desfile do Salsódromo, onde mais de mil bailarinos das melhores escolas de salsa da cidade apresentam suas coreografias acompanhadas de orquestras importantes.

Outro grande ato é o Superconcierto, que acontece no Estádio Olímpico Pascual Guerrero, com a participação de famosos artistas nacionais e estrangeiros de vários gêneros musicais, como salsa, pop e reggaeton, entre outros.

Por fim, um dos principais eventos da Feira de Cali é a temporada de touradas, realizada na Plaza de Toros de Cañaveralejo.

Referências

  1. Carnaval de Barranquilha. Recuperado em 03/03/2017 em es.wikipedia.org.
  2. Carnaval de Barranquilha. Recuperado em 04/04/2017 de carnavaldebarranquilla.org.
  3. Vengoechea Dávila, R. O popular no carnaval de Barranquilla. Revista Pegadas. Universidade do Norte 71,72,73, 74 e 75. Barranquilla, Colômbia.
  4. Festival Ibero-Americano de Teatro de Bogotá. Recuperado em 03/03/2017 em es.wikipedia.org.
  5. Festival Ibero-Americano de Teatro de Bogotá. Recuperado em 03/04/2017 es.festivaldeteatro.com.
  6. Festival da lenda de Vallenata. Recuperado em 03/03/2017 em festivalvallenato.com.
  7. Festival da lenda de Vallenata. Recuperado em 03/03/2017 em es.wikipedia.org.
  8. Procissões da Semana Santa em Popayán. Recuperado em 03/04/2017 em unesco.org.
  9. Semana Santa em Popayán. Recuperado em 03/03/2017 em es.wikipedia.org.
  10. Desfile de Silleteros, obtido em 03/03/2017 em es.wikipedia.org.
  11. Novena de aguinaldos Obtido em 03/03/2017 em es.wikipedia.org.
  12. Celebre em família com a tradicional Novena de Aguinaldos. Recuperado em 03/04/2017 em eltiempo.com.
  13. Por que celebramos a novena dos aguinaldos? Recuperado em 03/03/2017 em Semana.com.
  14. Carnaval de negros e brancos. Recuperado em 03/03/2017 em es.wikipedia.org.
  15. Carnaval de negros e brancos. Recuperado em 04/04/2017 em carnavaldepasto.org.
  16. Dia das velas. Recuperado em 03/03/2017 em es.wikipedia.org.
  17. Noite das velas. Recuperado em 03/03/2017 em padrehispanos.com.
  18. Festival Folclórico de Bambuco e Reinado Nacional. Recuperado em 03/03/2017 em es.wikipedia.org.
  19. Festival Folclórico de Bambuco e Reinado Nacional. Recuperado em 03/04/2017 em huila.gov.co.
  20. Feira de Cali. Recuperado em 03/03/2017 em es.wikipedia.org.
  21. O salsódromo. Recuperado em 03/04/2017 em elpais.com.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies