Endoculturação: O que consiste, Características e Exemplos

A aculturação ou inculturação é o processo pelo qual as pessoas adotam certos padrões de comportamento de sociedade ou cultura em que vivem. Indica ou estabelece a maneira pela qual uma geração anterior transmite a outra, consciente ou inconscientemente, seu legado cultural.

Esse é um aspecto básico que diferencia a endoculturização da aculturação, porque a endoculturação transmite seus próprios comportamentos, valores e práticas para a próxima geração ; por outro lado, a aculturação implica a assimilação desses mesmos aspectos, mas pertencendo a outra cultura. Por exemplo, a cultura espanhola através da colonização .

Endoculturação: O que consiste, Características e Exemplos 1

O termo enculturação foi usado pela primeira vez em 1948 pelo antropólogo americano Melville Herskovits. Então, em 1963, a antropóloga Margaret Mead definiu a enculturação como um processo diferente da socialização.

Segundo Mead, a enculturação é o verdadeiro processo de aprendizado de uma cultura específica, enquanto outros elementos universais estão envolvidos no processo de aprendizado que ocorre com a socialização; isto é, é um processo comum a todas as sociedades humanas.

Por outro lado, o processo de enculturação ou endocultura estabelece limites e correções em torno do que é permitido pela sociedade e do que não é.

Em que consiste?

Para entender melhor o que significa endocultura, é necessário definir a palavra cultura. Em termos gerais, cultura é todas as características e conhecimentos pertencentes a um determinado grupo de pessoas. Abrange diferentes elementos como idioma, religião, costumes, culinária, música e artes.

A cultura não é um elemento com o qual nascemos; pelo contrário, é o produto de um longo processo que se desenvolve durante a vida através da exposição ao ambiente social. Esse processo de aquisição da própria cultura desde o nascimento é o que se chama enculturação.

A cultura consiste em três características principais:

– É perpetuado e transmitido de geração em geração.

– Informar e educar o indivíduo sobre os valores da sociedade onde ele mora.

– Hereditário e aprendido.

Processo de enculturação

Ao contrário do que a antropóloga Margaret Mead afirmou, outros autores consideram que a enculturação é essencialmente um processo de socialização. Eles indicam que esse processo particular de aquisição cultural é realizado de duas maneiras: casa e sociedade.

Em casa, é transmitida principalmente pela exposição permanente aos comportamentos e ações de nossos pais e familiares; Fora de casa ou na sociedade, é transmitida através da exposição contínua a normas, usos, práticas, costumes e comportamentos socialmente aceitos.

Nesse processo, o grupo ou ambiente ao qual o indivíduo pertence atua decisivamente, assim como os meios de comunicação de massa de instituições e massas tradicionais e modernas, como a escola e a Igreja.

O indivíduo também é exposto a valores, normas e comportamentos socialmente aceitos através do grupo social, da mídia e instituições, como a Igreja e a escola. Endoculturação refere-se exclusivamente à aquisição de uma cultura própria.

A inculturação também não deve ser confundida com ajuste ou adaptação cultural. O ajuste cultural refere-se ao processo de acoplamento psicológico e social de um indivíduo ou grupo cultural ao novo ambiente cultural em que ele vive. Exemplos disso são os imigrantes que passam por um processo de aculturação.

Caracteristicas

– A endocultura ocorre basicamente nos primeiros anos de vida.

– Principalmente, são os adultos que transmitem à próxima geração os aspectos fundamentais de sua cultura.

– O indivíduo se apropria dos elementos culturais adquiridos e os torna seus.

– Os elementos culturais são compartilhados por um conglomerado social.

– Muitos dos aspectos culturais adquiridos são feitos inconscientemente. O simbolismo da linguagem, formas de expressão, atitudes, etc.

– Esse processo não é totalmente passivo ou inconsciente, porque a transmissão cultural também envolve processos de ensino e aprendizagem que requerem reflexão, deliberação e funcionalidade.

– Difere da aculturação porque modifica a cultura nativa de um grupo ou indivíduo; por outro lado, a endocultura leva à transmissão e consolidação da própria cultura.

– O processo de enculturação inclui a aprendizagem de aspectos materiais da própria cultura; isto é, identifique símbolos e artefatos cerimoniais, bem como ícones culturais.

– Envolve a aquisição de aspectos não materiais da cultura. Isso inclui valores culturais, crenças, costumes, atitudes e padrões de comportamento social.

Exemplos de Endoculturação

Vários exemplos de endoculturação podem ser encontrados na sociedade. Através deste processo, as organizações se distinguem umas das outras.

Nas organizações

Um exemplo de endocultura pode ser visto dentro de grandes organizações em geral; isto é, a Igreja, as Forças Armadas de um país, empresas ou corporações públicas e privadas.

Por sua natureza, essas organizações precisam desenvolver processos de enculturação para alinhar e orientar seus membros dentro de seus próprios valores.

Igreja Católica

Esse processo também é conhecido como inculturação (integrando um indivíduo de uma cultura para outra). Por exemplo, por meio do batismo e da primeira comunhão, a Igreja Católica inicia novos membros de seus paroquianos.

Então, a partir dos evangelhos e de seus rituais, forma os paroquianos em torno de sua história, figuras, símbolos, valores, doutrinas, cerimônias, slogans, etc.

Forças Armadas

Outra instituição que requer endocultura para sua própria sobrevivência e manutenção são as Forças Armadas de um país.

Ao entrar nelas como uma tropa ou como parte dos oficiais, seus membros são doutrinados sob uma disciplina específica e valores específicos. Sua missão e visão da sociedade são diferentes das de qualquer outra instituição.

Na sociedade

As crianças americanas criadas em uma cultura individualista como a de seu país valorizam mais as decisões pessoais do que as coletivas.

Por outro lado, as crianças japonesas que são treinadas em uma cultura coletivista como a sua, apreciam mais consenso na tomada de decisões. Em outras palavras, a decisão baseada na orientação do grupo é muito importante para eles.

Outro exemplo da sociedade é observado nas comunidades rurais indígenas, onde as crianças aprendem a viver com a natureza. Desde os primeiros anos de vida, são iniciados por rituais, são ensinados a pescar, caçar e sobreviver na selva.

Eles recebem todo o conhecimento e cultura acumulada de seus antepassados ​​para seguir a tradição social e econômica.

Referências

  1. Endoculturação Recuperado em 18 de junho de 2018 de theses.univ-lyon2.fr
  2. Ensaio de enculturação. Consultado de essayempire.com
  3. Enculturação ou endoculturação. Consultado em enciclonet.com
  4. Como o processo de enculturação afeta o aprendizado? brighthubeducation.com
  5. Caminhos de esperança e fé entre adolescentes hispânicos. Consultado em books.google.co.ve
  6. Compreendendo o conceito de enculturação: significado e exemplos. Consultado em psychologenie.com
  7. Significado de Endoculturação. Consultado de meanings.com
  8. Aculturação vs. Assimilação: Definição e Exemplos. Consultado em study.com
  9. As características da aculturação. Consultado em shareyouressays.com

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies