Iodato de potássio: propriedades, estrutura, usos e riscos

O iodato de potássio é um composto químico formado pela combinação de potássio, oxigênio e iodo. Possui a fórmula química KIO3 e é amplamente utilizado na indústria alimentícia, farmacêutica e de cosméticos. Suas propriedades incluem a solubilidade em água, a capacidade de oxidar compostos orgânicos e a sua ação como fonte de iodo, um mineral essencial para o funcionamento adequado da glândula tireoide. No entanto, o uso inadequado do iodato de potássio pode acarretar riscos à saúde, como a toxicidade por ingestão excessiva e a irritação da pele e mucosas. É importante seguir as recomendações de uso e manuseio desse composto para garantir a segurança e eficácia de sua aplicação.

Benefícios e utilidade do iodato de potássio para a saúde humana.

O iodato de potássio é uma substância química composta por átomos de iodo e potássio, sendo amplamente utilizado na indústria alimentícia e na área da saúde. Sua principal função é garantir a saúde da glândula tireoide, responsável pela produção de hormônios essenciais para o bom funcionamento do organismo.

Um dos principais benefícios do iodato de potássio para a saúde humana é prevenir doenças relacionadas à deficiência de iodo, como o bócio e o hipotireoidismo. Além disso, o iodo é fundamental para o desenvolvimento adequado do sistema nervoso, especialmente durante a gestação e nos primeiros anos de vida.

O iodato de potássio também é utilizado como suplemento nutricional em regiões onde a ingestão de iodo é insuficiente, garantindo a saúde da população e prevenindo problemas de saúde decorrentes da carência desse mineral. Sua ação é fundamental para a regulação do metabolismo e o bom funcionamento do corpo como um todo.

Apesar de seus inúmeros benefícios, é importante ressaltar que o uso excessivo de iodato de potássio pode acarretar em efeitos colaterais indesejados, como distúrbios na tireoide e problemas gastrointestinais. Por isso, é fundamental seguir as recomendações de um profissional de saúde ao utilizar esse suplemento.

Importância e funções do iodato para a saúde e o organismo humano.

O iodato de potássio é uma substância essencial para o bom funcionamento do organismo humano. O iodo é um mineral fundamental para a produção dos hormônios tireoidianos, que são responsáveis por regular o metabolismo, o crescimento e o desenvolvimento do corpo. Sem uma quantidade adequada de iodo, a tireoide não consegue produzir esses hormônios de forma eficiente, o que pode levar a problemas de saúde como bócio e hipotireoidismo.

Além disso, o iodato de potássio também é importante para a saúde durante a gravidez. O iodo é essencial para o desenvolvimento do sistema nervoso do feto, sendo fundamental para prevenir problemas como cretinismo e retardo mental. Por isso, é especialmente importante que as gestantes consumam uma quantidade adequada de iodo durante a gestação.

Para garantir uma ingestão suficiente de iodo, muitas vezes é necessário suplementar a dieta com iodato de potássio. Este composto é facilmente absorvido pelo organismo e pode ajudar a prevenir deficiências de iodo, garantindo assim o bom funcionamento da tireoide e a saúde como um todo.

Propriedades, estrutura, usos e riscos do iodato de potássio.

A formação do iodeto de potássio: entenda o processo de síntese dessa substância química.

A formação do iodeto de potássio ocorre através de uma reação química entre o iodeto de hidrogênio e o carbonato de potássio. Essa reação produz o iodeto de potássio, que é uma substância química de grande importância em diversas aplicações industriais e laboratoriais.

Relacionado:  Espectro de absorção: absorção atômica, visível e em moléculas

O processo de síntese do iodeto de potássio envolve a mistura dos reagentes em um recipiente adequado, seguido pelo aquecimento da mistura a uma temperatura específica. Durante a reação, ocorre a formação do iodeto de potássio, que pode ser isolado e purificado para uso posterior.

O iodeto de potássio apresenta a fórmula química KI e é uma substância sólida, cristalina e incolor. É solúvel em água e possui propriedades químicas que o tornam útil em diversas aplicações, como na medicina, na indústria de fotografia e na produção de produtos químicos.

Entre os principais usos do iodeto de potássio, destacam-se a sua utilização como suplemento mineral em medicamentos, como reagente em análises laboratoriais e na fabricação de produtos químicos. No entanto, é importante ressaltar que o iodeto de potássio também apresenta riscos à saúde, especialmente em casos de ingestão excessiva.

Em resumo, a formação do iodeto de potássio é um processo químico essencial para a obtenção dessa substância química de grande importância e versatilidade. Compreender o processo de síntese, as propriedades, os usos e os riscos do iodeto de potássio é fundamental para garantir a sua utilização adequada e segura em diferentes aplicações.

Benefícios e aplicações do iodeto de sódio na saúde e na indústria alimentícia.

O iodeto de sódio é um composto químico que possui diversos benefícios e aplicações na saúde e na indústria alimentícia. Na área da saúde, o iodeto de sódio é amplamente utilizado como suplemento de iodo, um mineral essencial para a função da glândula tireoide. A deficiência de iodo pode levar a problemas de saúde como bócio, hipotireoidismo e cretinismo. Portanto, a adição de iodeto de sódio em alimentos e suplementos ajuda a prevenir essas condições.

Além disso, o iodeto de sódio também é utilizado na indústria alimentícia como um aditivo para melhorar a qualidade e a segurança dos alimentos. Ele é frequentemente adicionado ao sal de mesa para garantir que as pessoas recebam a quantidade adequada de iodo em sua dieta. O iodeto de sódio também é utilizado como conservante em alimentos enlatados e processados, ajudando a prevenir a proliferação de bactérias e fungos.

Em resumo, o iodeto de sódio desempenha um papel crucial na promoção da saúde da glândula tireoide e na melhoria da qualidade dos alimentos na indústria alimentícia.

Iodato de potássio: propriedades, estrutura, usos e riscos

O iodato de potássio ou iodato de potássio é um composto de iodo inorgânico, especificamente um sal, cuja fórmula química é KIO 3 . O iodo, elemento do grupo dos halogênios (F, Cl, Br, I, As), possui neste sal um número de oxidação de +5; É por isso que é um forte agente oxidante. O KIO 3 se dissocia em meio aquoso para criar os íons K + e IO 3 .

É sintetizado por reacção de hidróxido de potássio com ácido iódico: HIO 3 (aq) + KOH (s) => KIO 3 (aq) + H 2 O (l). Além disso, ele pode ser sintetizado por reação do iodo molecular com hidróxido de potássio: 3I 2 (s) + 6KOH (s) => KIO 3 (aq) + 5KI (aq) + 3H 2 O (l).

Relacionado:  Calorímetro: história, peças, tipos e suas características

Iodato de potássio: propriedades, estrutura, usos e riscos 1

Propriedades físicas e químicas

É um sólido branco inodoro, com cristais finos e uma estrutura cristalina do tipo monoclínico. Possui uma densidade de 3,98g / mL, um peso molecular de 214g / mol e possui bandas de absorção no espectro de infravermelho (IR).

Tem um ponto de 833 K (560 ° C), consistente com as fortes interacções iónicas entre os iões K de fusão + e IO 3 . Em temperaturas mais altas, sofre uma reação de decomposição térmica, liberando oxigênio molecular e iodeto de potássio:

2KIO 3 (s) => 2KI (s) + 3O 2 (g)

Na água, possui solubilidades que variam de 4,74g / 100mL a 0 ° C, até 32,3g / 100mL a 100 ° C, gerando soluções aquosas incolores. Além disso, é insolúvel em álcool e ácido nítrico, mas é solúvel em ácido sulfúrico diluído.

A sua afinidade para a água não é significativo, o que explica por que não é higroscópico e não existe na forma de sais hidratados (KIO 3 .H 2 O).

Oxidante

O iodato de potássio, como indicado por sua fórmula química, possui três átomos de oxigênio. Este é um elemento fortemente eletronegativo e, devido a essa propriedade, deixa “descoberta” uma deficiência eletrônica na nuvem em torno do iodo.

Essa deficiência – ou contribuição, conforme o caso – pode ser calculada como o número de oxidação do iodo (± 1, +2, +3, +5, +7), sendo +5 para o caso deste sal.

O que significa isto? Antes de uma espécie capaz de transferir seus elétrons, o iodo os aceita em sua forma iônica (IO 3 ) para se tornar iodo molecular e ter um número de oxidação igual a 0.

Após esta explicação, pode-se determinar que o iodato de potássio é um composto oxidante que reage fortemente com agentes redutores em muitas reações redox; De todos estes, um é conhecido como relógio de iodo.

O relógio de iodo consiste em um processo redox de etapas lentas e rápidas, nas quais as etapas rápidas são marcadas por uma solução KIO 3 em ácido sulfúrico à qual o amido é adicionado. Em seguida, o amido – uma vez produzido e ancorado entre as espécies estruturais I 3 tornará a solução incolor em azul escuro.

IO 3 + 3 HSO 3 → I + 3 HSO 4

IO 3 + 5 I + 6 H + → 3 I 2 + 3 H 2 O

I 2 + HSO 3 + H 2 O → 2 I + HSO 4 + 2 H + (azul escuro por efeito amido)

Estrutura quimica

Iodato de potássio: propriedades, estrutura, usos e riscos 2

A estrutura química do iodato de potássio é ilustrada na imagem acima. O ânion IO 3 é representado pelo “tripé” das esferas vermelhas e roxas, enquanto os íons K + são representados pelas esferas roxas.

Mas o que esses tripés significam? As formas geométricas corretas desses ânions são, na verdade, pirâmides trigonais, nas quais os oxígenos compõem a base triangular, e o par não compartilhado de elétrons de iodo aponta para cima, ocupando espaço e forçando o link I-O para baixo e para baixo. Os dois links I = O.

Esta geometria corresponde a uma hibridação sp molecular três átomo de iodo central; no entanto, outra perspectiva sugere que um dos átomos de oxigênio forma ligações com os orbitais “d” do iodo, sendo na verdade uma hibridação do tipo sp 3 d 2 (o iodo pode ter seus orbitais “d” expandindo sua camada de Valência).

Relacionado:  O que é um solvente universal?

Os cristais deste sal podem sofrer transições de fase estruturais (outros arranjos além do monoclínico) como resultado das diferentes condições físicas que os sujeitam.

Usos e aplicações de iodato de potássio

Uso terapêutico

O iodato de potássio é geralmente usado para evitar o acúmulo de radioatividade na tireóide na forma de 131 I, quando esse isótopo é usado na determinação da captação de iodo pela tireóide como componente do funcionamento da glândula tireóide.

Da mesma forma, o iodato de potássio é usado como anti-séptico tópico (0,5%) em infecções da mucosa.

Uso na indústria

É adicionado à alimentação animal como um suplemento de iodo. Portanto, o iodato de potássio é usado na indústria para melhorar a qualidade das farinhas.

Uso analítico

Em química analítica, devido à sua estabilidade, é utilizado como um primário padrões normalizados na padronização de tiossulfato de sódio (soluções de Na 2 S 2 O 3 ), de modo a determinar as concentrações de iodo em problemas amostras.

Isso significa que as quantidades de iodo podem ser conhecidas por técnicas volumétricas (titulações). Nesta reação, o iodato de potássio oxida rapidamente os íons iodeto pela seguinte equação química:

IO 3 + 5I + 6H + => 3I 2 + 3H 2 O

Iodo, I 2 , é titulada com a solução de Na 2 S 2 O 3 para normalização.

Uso em tecnologia laser

Estudos têm demonstrado e corroborado a interessante óptica piezoelétrica, piroelétrica, eletro-óptica, ferroelétrica e não linear dos cristais KIO 3 . Isso resulta em grande potencial no campo eletrônico e na tecnologia de lasers para materiais feitos com este composto.

Riscos para a saúde do iodato de potássio

Em doses elevadas, pode causar irritação da mucosa oral, pele, olhos e trato respiratório.

Experimentos sobre a toxicidade do iodato de potássio em animais permitiram observar que em cães em jejum, na dose de 0,2-0,25 g / kg de peso corporal, administrada por via oral, o composto causa vômito.

Se esses vômitos são evitados, os animais pioram sua situação, pois são induzidas anorexia e prostração antes da morte. Suas autópsias nos permitiram observar lesões necróticas no fígado, rins e mucosa intestinal.

Devido ao seu poder oxidante, representa um risco de incêndio ao entrar em contato com materiais inflamáveis.

Referências

  1. Day, R., & Underwood, A. Quantitative Analytical Chemistry (quinta ed.). PEARSON Prentice Hall, p-364.
  2. Muth, D. (2008). Lasers. [Figura]. Recuperado de: flickr.com
  3. ChemicalBook (2017). Iodato de potássio . Recuperado em 25 de março de 2018, de ChemicalBook: chemicalbook.com
  4. PubChem (2018). Iodato de potássio. Retirado em 25 de março de 2018, do PubChem: pubchem.ncbi.nlm.nih.gov
  5. Merck. (2018). Iodato de potássio. Retirado em 25 de março de 2018, da Merck:
  6. merckmillipore.com
  7. Wikipedia (2017). Iodato de potássio. Recuperado em 25 de março de 2018, da Wikipedia: en.wikipedia.org
  8. MM Abdel Kader e cols. (2013). Mecanismo de transporte de carga e transições de fase de baixa temperatura no KIO 3 . J. Phys .: Conf. Ser. 423 012036

Deixe um comentário