O melhor treinamento em Inteligência Emocional para psicólogos

O melhor treinamento em Inteligência Emocional para psicólogos 1

Nas últimas décadas, o conceito de Inteligência Emocional (IE) , popularizado por Daniel Goleman , vem ganhando popularidade no campo da psicologia informativa e científica.

Embora, do ponto de vista científico, o ponto de vista inicial de Goleman fosse insustentável, serviu para estimular o interesse acadêmico e o trabalho subsequente de muitos autores, o que serviu para desenvolver modelos mais sérios e práticos que podem ser aplicados tanto no campo educacional quanto no trabalho. , o esporte e o clínico e psicoterapêutico.

A inteligência emocional, portanto, é uma ferramenta poderosa para os psicólogos. Neste artigo, revisaremos os aspectos teóricos e práticos desse construto e explicaremos o que um profissional de psicologia pode fazer se quiser treinar nesse assunto.

O que é inteligência emocional?

Existem muitas investigações que foram realizadas para saber quais benefícios a inteligência emocional traz em termos de desempenho no trabalho ou esporte e no bem-estar das pessoas.

Esse conceito pode ser definido como uma série de habilidades mentais orientadas para identificar e regular nossas emoções e sentimentos. Ele leva em consideração o relacionamento de alguém com eles ( emoções ) e a influência que eles exercem na motivação e no relacionamento com os outros.

Alguns autores afirmam que a inteligência emocional é composta de cinco elementos:

  • Autoconhecimento emocional : O primeiro passo para ser uma pessoa emocionalmente inteligente é saber quais emoções existem, como elas se manifestam e como elas nos afetam. Se a capacidade de autoconhecimento não for desenvolvida, não será possível regular as emoções.
  • Autocontrole emocional : o autoconhecimento nos permite regular as emoções e nosso comportamento quando se trata de interagir com outras pessoas. Ajuda-nos a não nos deixar levar pelos nossos impulsos.
  • Auto- motivação: Manter-se motivado e prestar atenção às nossas metas e objetivos é essencial para o nosso bem-estar e desenvolvimento pessoal.
  • Empatia : para controlar nossas emoções, não é apenas necessário conhecer nossas próprias emoções, mas também as das pessoas com quem interagimos.
  • Habilidades sociais : Os relacionamentos interpessoais são um aspecto fundamental em nosso bem-estar e felicidade. O domínio das habilidades sociais permite interagir com outros indivíduos de maneira mais eficaz e mutuamente satisfatória.
Relacionado:  Mulheres sofrem mais com a separação de um parceiro, mas se recuperam melhor, segundo estudo

Os benefícios da inteligência emocional no cenário clínico

Nos últimos anos, o conhecimento em inteligência emocional tornou-se uma ferramenta útil para os psicoterapeutas, pois há muitas investigações que demonstram que ele oferece benefícios à saúde mental dos pacientes. Mas quais são esses benefícios? Podemos destacar o seguinte:

1. Melhora o autoconhecimento e a tomada de decisão

O autoconhecimento e a auto-estima emocionais andam de mãos dadas, porque é necessário que as pessoas avaliem suas próprias emoções, pensamentos e crenças, além de suas virtudes e defeitos. Estar ciente de quem somos ajuda a tomar melhores decisões, o que tem um impacto positivo na avaliação que fazemos de nós mesmos.

2. Melhora o relacionamento interpessoal

Seja o casal, a família ou os amigos, a inteligência emocional permite relacionamentos saudáveis ​​com outras pessoas. Autoconhecimento, empatia, regulação emocional, etc., são aspectos fundamentais para relacionamentos bem-sucedidos. (editado)

3. Promove o desenvolvimento pessoal

Desenvolvimento pessoal e auto-estima também são conceitos intimamente ligados, pois as pessoas que lutam por seus objetivos vitais são mais motivadas e se sentem mais realizadas. Ambas as variáveis ​​psicológicas influenciam positivamente a percepção que temos sobre nós mesmos.

4. Protege contra o estresse e reduz conflitos

Pessoas emocionalmente inteligentes administram melhor suas emoções, portanto sofrem menos conflitos (por exemplo, discussões com seus chefes). Menos conflito também significa situações menos estressantes. Além disso, a inteligência emocional provou ser a chave para reduzir e proteger contra o estresse relacionado ao trabalho, como afirmam muitas pesquisas.

5. Promove o bem-estar psicológico

Existem muitos problemas psicológicos que surgem devido ao mau gerenciamento das emoções. Esta é a razão pela qual muitos psicólogos usam a inteligência emocional como uma ferramenta terapêutica. Estudos científicos também sugerem que essa prática reduz a ansiedade e protege contra a depressão.

Relacionado:  As 4 perguntas de Tinbergen: os níveis de explicação biológica

Treinamento em inteligência emocional para todos

Uma das principais utilidades da inteligência emocional é que ela nos ajuda a recuperar depois das experiências que nos prejudicaram psicologicamente. Essa capacidade de recuperação, chamada resiliência, nos leva a aprender com essas experiências difíceis, a obter algo lucrativo com elas. Nesse sentido, um dos programas de treinamento de inteligência emocional mais recomendados é o workshop “Inteligência Emocional: Resiliência”, desenvolvido pelos psicólogos do Centro de Psicologia de Madri .

Neste workshop de 4 horas, são explicadas a teoria e a prática da Inteligência Emocional, e são propostos exercícios a serem desenvolvidos e cujos princípios podem ser aplicados diariamente.

  • Se você estiver interessado em saber mais sobre esta proposta de Psicólogos da Capital, clique aqui para acessar suas informações de contato.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies