Diagnóstico situacional de uma empresa: como é feito, importância, exemplo

Diagnóstico situacional de uma empresa: como é feito, importância, exemplo

O diagnóstico situacional de uma empresa é um procedimento realizado para compreender o cenário em que a empresa se encontra no presente, a fim de identificar os diferentes problemas existentes e a respectiva importância.

Após identificar os problemas, passamos a analisar os fatores ou causas que os estabelecem, além da perspectiva da organização, se esses problemas persistirem. É utilizado na tomada de decisões e na execução de tarefas que garantem um desenvolvimento saudável e sustentável da empresa.

A avaliação situacional também serve para identificar o fortalecimento de necessidades e oportunidades de melhoria para facilitar a evolução da empresa. Nesse caso, geralmente é realizado por empresas de consultoria.

É um instrumento simples, além de ser muito útil para planejar e dirigir. Seu objetivo é conhecer a situação atual da empresa ou negócio e as desvantagens que impedem sua sobrevivência, crescimento, expansão e desenvolvimento.

O diagnóstico situacional de uma empresa não abrange apenas análises internas, mas também análises externas, porque a organização é implantada em um ambiente que influencia sua operação.

Como é feito um diagnóstico situacional?

O diagnóstico situacional está estruturado na análise de:

  • Forças competitivas.
  • Análise SWOT.
  • Fatores de sucesso.
  • Os problemas.

– Análise de forças competitivas

Rivalidade entre concorrentes

Consiste em conhecer o nível de concorrência existente no setor. Permite comparar as vantagens competitivas da empresa com as da emp

resas opostas.

Ameaça de produtos substitutos

Refere-se à receita potencial de empresas que vendem produtos alternativos aos da indústria. Permite estabelecer estratégias para interromper a entrada dessas empresas ou poder competir com elas.

Ameaça de entrada de novos concorrentes

Refere-se à receita potencial de empresas que vendem o mesmo tipo de produto. Permite formular estratégias para reforçar as barreiras das entradas ou enfrentar os concorrentes que conseguem entrar.

Poder de negociação do cliente

Refere-se ao poder que os compradores têm para alcançar boas condições comerciais. Permite definir estratégias para atrair mais clientes e também obter maior lealdade.

Relacionado:  Empresa de capital variável: constituição, vantagens, desvantagens

Poder de negociação do fornecedor

Refere-se ao poder que os fornecedores têm para fazer menos concessões e, assim, aumentar seus preços. Permite indicar estratégias para alcançar melhores condições.

– Análise SWOT

Avaliação realizada na empresa para registrar pontos fortes, oportunidades, pontos fracos e ameaças. É útil para tomar decisões sobre como melhorar a situação da empresa e também para definir estratégias.

Análise interna   

Detecte os pontos fracos e fortes da empresa que causam desvantagens ou vantagens competitivas.

Análise externa

É usado para identificar e analisar ameaças e oportunidades no mercado.

– Fatores críticos de sucesso

Esses são os aspectos que garantem o desempenho competitivo dos negócios. Se eles falharem, podem levar ao fracasso da empresa. A empresa pode controlar esses fatores e se os excede para obter uma vantagem competitiva a longo prazo.

– identificação de problemas

Os problemas são aqueles fatores que dificultam a consecução dos objetivos, dificultando o desenvolvimento das operações da empresa. Portanto, eles devem ser resolvidos gradualmente, concentrando esforços nos mais vulneráveis ​​e importantes.

Importância Para que serve?

O diagnóstico situacional é importante por vários motivos:

Verifique a eficácia dos processos e estratégias

Cada empresa possui uma série de processos e também estratégias para orientar suas atividades. A única maneira de avaliar a eficácia deles é diagnosticar os negócios, permitindo descobrir o que está funcionando e o que deve ser modificado ou removido do sistema.

Entenda melhor o desempenho dos negócios

O diagnóstico comercial ajuda a entender melhor a operação e o desempenho de uma organização. Antes de projetar uma empresa mais eficaz, você deve entender o estado da atual.

Identifique pontos fracos e fortes

A avaliação situacional identificará pontos fracos e fortes, ajudando assim a determinar possíveis cursos de ação a serem seguidos.

Relacionado:  Organograma de uma empresa industrial: cargos e funções

Identifique ameaças

As ameaças precisam ser identificadas antes que se tornem problemas sérios para que a empresa funcione de maneira ideal.

Identifique e aproveite as oportunidades

O diagnóstico de negócios ajudará a identificar novas oportunidades e também a melhor maneira de capitalizá-las.

Desenvolvimento de objetivos

Após avaliar a situação, você pode criar objetivos que ajudam a empresa a crescer. Esses objetivos estabelecidos serão mais viáveis, pois são formulados com o conhecimento das condições prevalecentes.

Identificar habilidades na força de trabalho

O diagnóstico pode ser usado para avaliar o potencial dos funcionários, além das necessidades da empresa, para ajudar a planejar atividades profissionais de gerenciamento e treinamento.

Melhore o envolvimento dos funcionários

O diagnóstico fornece uma ideia clara de como os funcionários estão comprometidos. Os funcionários que não estão totalmente comprometidos são menos produtivos e também têm maior probabilidade de deixar a empresa.

Exemplo de diagnóstico situacional de uma empresa

– Análise de forças competitivas

Ameaça de produtos substitutos

Por exemplo, a água mineral é um substituto para refrigerantes e a geléia é um substituto para a manteiga. Essa ameaça ocorre por:

– Publicidade insuficiente de produtos existentes.

– O preço do produto substituto é menor que o do produto existente.

– Baixo custo para os consumidores trocarem um produto por outro substituto.

– Baixa lealdade dos consumidores.

Ameaça de novos concorrentes

Quando novas empresas podem entrar facilmente, o impulso competitivo aumenta. No entanto, existem barreiras à entrada, como:

– Necessidade de obter conhecimento e tecnologia especializados.

– Grande necessidade de capital.

– Forte lealdade do consumidor a determinadas marcas.

– Saturação de mercado.

– Falta de acesso aos materiais.

Poder de negociação do cliente

Quanto menor o número de compradores, maior sua capacidade de negociação. Também acontece quando:

– Consumidores compram em volume.

Relacionado:  Filosofia Empresarial: Elementos e Exemplos

– Não há diferenciação nos produtos.

– Os consumidores estão bem informados sobre os produtos.

– Os consumidores podem mudar facilmente para substituir produtos ou também para marcas concorrentes.

– Os vendedores sofrem uma diminuição na demanda.

Poder de negociação do fornecedor

Enquanto houver menos fornecedores, seu poder de negociação será maior. Também acontece quando:

– As empresas fazem compras de baixo volume.

– O custo da troca de uma matéria- prima para outra é alto.

– Existem poucas matérias-primas substitutas.

– Análise SWOT

Análise interna   

– Posicionamento e participação de mercado, preços e publicidade.

– Custos e capacidade de fabricação, qualidade.

– Treinamento, seleção e remuneração do pessoal.

– Estrutura organizacional, processo de controle da empresa.

– Nível de endividamento financeiro, liquidez e rentabilidade.

Análise externa

Defina a segmentação e tamanho do mercado, desejos do consumidor e evolução da demanda. Além disso, analise fatores políticos, econômicos, legais, tecnológicos, etc.

– Fatores críticos de sucesso

Defina os produtos e também os processos, clientes, fornecedores, concorrentes, canais de distribuição, etc. Determine os fatores conclusivos para o negócio ser bem-sucedido e aqueles que causariam o fracasso do negócio.

– identificação de problemas

– Diretamente, através de sinais no ambiente.

– Analisar variações no comportamento histórico da empresa.

– Antecipar as tendências dos indicadores.

– análise de causa-efeito.

Referências

  1. Gustavo Samaniego (2020). Diagnóstico situacional para o crescimento dos negócios. Minha empresa cresce. Retirado de: growmycompany.com.
  2. Escola Politécnica Nacional (2020). Tese de Ciências Econômicas e Financeiras (ICEF). Retirado de: bibdigital.epn.edu.ec.
  3. Marketing Global (2020). Notas de marketing razoáveis. Retirado de: mglobalmarketing.es.
  4. CDL Insight Consulting (2020). 10 razões pelas quais os diagnósticos de negócios são importantes. Retirado de: cdlinsight.com.au.
  5. Rafael Ávila (2016). O que é e como fazer um diagnóstico comercial. Leve. Retirado de: blog.luz.vc.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies