Informação financeira: características, para que serve e fontes

A informação financeira é de dados, tais como avaliações de crédito, saldos de contas e outros dados monetários sobre uma pessoa ou organização, que são utilizados para o faturamento, avaliação de crédito, operações de empréstimos e outras atividades financeiras.

As informações financeiras devem ser processadas para conduzir os negócios, mas também devem ser manuseadas com cuidado pelas empresas, a fim de garantir a segurança dos clientes e evitar litígios e publicidade inadequada que possa resultar de uso negligente ou inadequado.

Informação financeira: características, para que serve e fontes 1

Fonte: pixabay.com

As informações financeiras são diversas e podem ter várias facetas, dependendo do revisor e do objetivo do estudo. Ele também inclui informações que são retidas para adquirir um crédito ou empréstimo, acessar contas ou iniciar uma transação.

Muitos resumos de dados corporativos fornecem informações financeiras nas quais a administração depende para tomar decisões e direcionar atividades operacionais para o sucesso financeiro.

Representação estruturada

As demonstrações financeiras são uma representação estruturada das posições financeiras e do desempenho financeiro de uma entidade. Eles são um registro formal de atividades financeiras e a posição de uma empresa, pessoa ou outra entidade.

As informações financeiras relevantes são apresentadas de forma estruturada e de fácil compreensão. Eles geralmente incluem demonstrações financeiras básicas, acompanhadas de uma discussão e análise gerencial.

O objetivo das demonstrações financeiras é fornecer informações sobre a posição financeira, fluxos de caixa e utilidade financeira de uma empresa, o que é benéfico para uma grande escala de usuários na tomada de decisões econômicas.

As demonstrações financeiras também mostram os resultados da administração dos recursos confiados à administração.Para atingir esse objetivo, as demonstrações financeiras fornecem informações sobre os ativos e fluxos de caixa de uma empresa.

Essas informações financeiras, juntamente com outras informações nas notas, ajudam os usuários das demonstrações financeiras a prever o fluxo de caixa futuro da empresa e, em particular, suas oportunidades e certeza.

Caracteristicas

As informações financeiras apresentadas nas demonstrações financeiras devem ter algumas qualidades-chave que as tornam úteis para os usuários.

As normas contábeis geralmente aceitas descrevem tais normas em suas estruturas, categorizando-as como características qualitativas fundamentais.

Compreensibilidade

As informações financeiras devem ser facilmente compreendidas pelos usuários com conhecimento razoável das atividades comerciais e econômicas.

Isso significa que as informações nas demonstrações financeiras devem ser apresentadas claramente, com informações adicionais fornecidas nas notas de rodapé, conforme necessário, para auxiliar no seu esclarecimento.

Relevância

As informações financeiras devem ser relevantes para as necessidades de tomada de decisão dos usuários, o que ocorre quando as informações influenciam as decisões econômicas dos usuários.

Isso pode envolver a apresentação de informações especialmente relevantes, ou informações cuja omissão ou imprecisão possa influenciar as decisões econômicas dos usuários.

Confiabilidade

As informações financeiras devem estar livres de erros materiais e preconceitos, não devem ser enganosas.

Portanto, as informações devem representar fielmente transações e outros eventos, refletir a substância subjacente dos eventos e representar sabiamente estimativas e incertezas através da divulgação apropriada.

Comparabilidade

As informações financeiras devem ser comparáveis ​​às informações apresentadas para outros períodos contábeis, para que os usuários possam identificar tendências de desempenho, bem como a posição financeira da entidade que reporta.

Pontualidade

A divulgação de informações financeiras não deve ser atrasada excessivamente.

Para que serve?

Os analistas financeiros dependem de informações financeiras para analisar o desempenho de uma empresa e fazer previsões sobre a direção futura do preço das ações da empresa.

Se as informações financeiras forem entendidas, as flutuações no mercado de ações, bem como os conceitos mais importantes aos quais os investidores prestam atenção ao comprar ou vender ativos, podem ter significado.

Com esse conhecimento, você também pode ver por que algumas empresas estão à frente do pacote competitivo, enquanto outras estão passando por tribulações.

A análise das informações financeiras pode ser feita por meio de avaliações de tendências, análise da razão e modelos de planejamento financeiro.

Sistema de Informação Financeira

Registre e analise os dados financeiros usados ​​para otimizar o planejamento financeiro e prever decisões e resultados.

É usado, em conjunto com um sistema de apoio à decisão, para ajudar uma empresa a atingir seus objetivos financeiros, porque eles usam uma quantidade mínima de recursos em relação a uma margem de segurança predeterminada.

Você pode pensar em um sistema de informações financeiras como um planejador financeiro para comércio eletrônico, que também pode produzir grandes quantidades de dados financeiros e de mercado, obtidos ao mesmo tempo em bancos de dados financeiros em todo o mundo.

Um sistema de informações financeiras bem gerenciado é essencial para uma empresa, pois os gerentes precisam das informações resultantes para tomar decisões sobre como gerenciar a organização. Este sistema pode servir de várias maneiras, incluindo as seguintes:

– Garanta a disponibilidade de fundos suficientes para pagar as obrigações devidas ao pagamento.

– Localize fundos excedentes para uso em investimentos apropriados e razoavelmente líquidos.

– Determinar quais clientes, produtos, linhas de produtos e subsidiárias são os mais e menos lucrativos.

– Localize as áreas com gargalos na empresa.

– Determinar a quantia máxima de fundos que pode ser distribuída com segurança aos investidores na forma de dividendos.

– Determine o peso máximo da dívida que a organização pode suportar.

Fluxo de informações financeiras

Um sistema de informações financeiras é uma abordagem organizada para coletar e interpretar informações financeiras, que geralmente são informatizadas. É uma forma de sistema operacional em tempo real que trabalha para melhorar o fluxo de informações financeiras.

Os resultados dos dados contábeis produzidos por um sistema de informações financeiras podem incluir:

– Orçamentos operacionais e de capital.

– Relatórios de capital de giro.

– Relatórios contábeis.

– Previsões de fluxo de caixa.

A análise preditiva incluída nesses aplicativos também pode reduzir a precisão do que se poderia esperar de uma interação ou transação comercial que ainda não foi realizada.

Existem várias maneiras de extrair informações de um sistema de informações financeiras, incluindo relatórios estruturados executados periodicamente, análises de indicadores, previsões de caixa e análises hipotéticas.

Lista de demonstrações financeiras

O balanço patrimonial, a demonstração do resultado e a demonstração do fluxo de caixa estão inter-relacionados. A demonstração do resultado descreve como os ativos e passivos foram utilizados no período contábil estabelecido.

A demonstração do fluxo de caixa explica as entradas e saídas de caixa e, finalmente, revelará a quantidade de caixa que a empresa tem em mãos, o que também é relatado no balanço patrimonial.

Por si só, cada demonstração financeira fornece apenas parte da história da situação financeira de uma empresa; Juntos, eles fornecem uma imagem mais completa.

Acionistas e credores em potencial analisam as demonstrações financeiras e uma série de indicadores financeiros para identificar os pontos fortes e fracos de uma empresa e determinar se é um bom risco de investimento / crédito. Os gerentes os usam como ajuda na tomada de decisões.

Fontes de informação financeira

Orçamentos

Eles permitem que as organizações avaliem o impacto comercial das atividades e decidam se vale a pena segui-las ou mudar de rumo.

Os fluxos de trabalho corporativos são revisados ​​para destacar áreas nas quais a empresa está perdendo dinheiro e ver se o dinheiro pode ser economizado evitando gastos excessivos, com restrições mais rígidas.

Relatórios pro forma

Eles oferecem informações financeiras baseadas em projeções ou suposições da administração corporativa. Mostra se esse processo de pensamento colide ou está alinhado com o consenso do mercado.

Por exemplo, se a administração prevê uma taxa de crescimento do setor de 10%, enquanto o consenso do mercado é de cerca de 6%, os investidores podem pensar que a liderança da organização é otimista demais ou perdeu o contato com a realidade competitiva.

Planilhas de produção

Eles fornecem dados valiosos sobre os processos produtivos de uma empresa, bem como as ferramentas, procedimentos e metodologias em que se baseia para produzir produtos a preços acessíveis.

Você pode ver quanto a empresa gasta em cada produto e o dinheiro pago para armazenar os itens de produção, como matérias-primas, produtos em processo e produtos acabados.

Também indica quanto a empresa gasta em custos de mão-de-obra e se essas despesas podem ser reduzidas reduzindo a força de trabalho ou as horas extras permitidas.

Estados financeiros

São registros escritos que transmitem as atividades e condições financeiras de um negócio. Essencialmente, eles são o tesouro das informações financeiras, que os investidores revisam antes de tomar decisões sobre a alocação de ativos.

As demonstrações financeiras têm como objetivo apresentar as informações financeiras de uma empresa da forma mais clara e concisa possível, tanto para a entidade quanto para os leitores.

Eles são frequentemente auditados por agências governamentais, contadores, empresas, etc. para garantir a precisão e para fins fiscais, financeiros ou de investimento.

Um dos recursos mais importantes de informações financeiras confiáveis ​​e auditadas é o relatório anual. Este contém as demonstrações financeiras da empresa. Os três principais relatórios de demonstrações financeiras são:

Balanço geral

Fornece uma descrição geral dos ativos, passivos e patrimônio líquido como um instantâneo no tempo, geralmente no final do exercício.

O balanço identifica como os ativos são financiados, com passivos, como dívidas ou com patrimônio, como lucros acumulados ou capital integralizado adicional.

Demonstração de Resultados

Diferentemente do balanço, a demonstração de resultados abrange um intervalo de tempo. Esse intervalo é de um ano para as demonstrações financeiras anuais e um quarto para as demonstrações financeiras trimestrais.

Fornece uma visão geral das receitas, despesas, benefícios líquidos e ganhos por ação.

Demonstração do fluxo de caixa

Ele reconcilia a demonstração do resultado com o balanço em três atividades principais de negócios. Essas atividades incluem as atividades de operação, investimento e financiamento.

As atividades operacionais incluem fluxos de caixa de operações comerciais regulares.Os investimentos em investimentos incluem fluxos de caixa provenientes da aquisição e alienação de ativos, como imóveis e equipamentos.

As atividades de financiamento incluem fluxos de caixa de dívida e capital de investimento.

Normas internacionais

As Normas Internacionais de Relato Financeiro (IFRS) são um conjunto de normas contábeis internacionais que estabelecem como tipos específicos de transações e outros eventos devem ser relatados nas demonstrações financeiras.

As IFRSs são emitidas pelo Conselho Internacional de Padrões Contábeis (CNIC) e especificam exatamente como os contadores devem manter e relatar suas contas.

As IFRS foram estabelecidas para ter uma linguagem contábil comum. Assim, empresas e contas podem ser entendidas de uma empresa para outra e de um país para outro.

Seu objetivo é manter a estabilidade e a transparência em todo o mundo financeiro. Isso permite que empresas e investidores tomem decisões financeiras sustentadas, pois podem ver exatamente o que está acontecendo com uma empresa na qual desejam investir.

Padrão mundial

As IFRSs são padrão em muitas partes do mundo. Por exemplo, na União Europeia e em muitos países da Ásia e América do Sul, mas não nos EUA.

Os países que mais se beneficiam com esses padrões são os que fazem muitos negócios internacionais.

Os proponentes sugerem que a adoção de IFRSs globalmente economizaria dinheiro tanto em custos de comparação quanto em investigações individuais. Além disso, permitiria que as informações financeiras fluíssem mais livremente.

Requisitos padrão do IFRS

O IFRS cobre uma ampla gama de atividades contábeis. Existem certos aspectos da prática comercial para os quais o IFRS estabelece regras obrigatórias.

Situação da situação financeira

Também conhecido como balanço. As IFRSs influenciam a maneira pela qual os componentes de um balanço patrimonial são relatados.

Demonstração do resultado abrangente

Pode assumir a forma de um demonstrativo ou pode ser dividido em um demonstrativo de lucros e perdas e um demonstrativo de outros rendimentos.

Demonstração das mutações do patrimônio líquido

Também é conhecido como demonstração de lucros acumulados. Documente a mudança na lucratividade da empresa por um determinado período financeiro.

Demonstração do Fluxo de Caixa

Este relatório resume as transações financeiras da empresa em um determinado período. O fluxo de caixa é separado em Operações, Investimentos e Financiamentos.

Referências

  1. Marquês de Codjia (2018). Uma definição de informações financeiras. Bizfluent Retirado de: bizfluent.com.
  2. Dicionário de negócios (2018). Informação financeira Retirado de: businessdictionary.com.
  3. Investopedia (2018). Demonstrações Financeiras Retirado de: investopedia.com.
  4. Steven Bragg (2018). As características qualitativas das demonstrações financeiras. Ferramentas de contabilidade Retirado de: accountingtools.com.
  5. Contabilidade Explicada (2018). Características qualitativas da informação financeira. Retirado de: accountingexplained.com.
  6. Investopedia (2018). A relação entre demonstrações financeiras. Retirado de: investopedia.com.
  7. Steven Bragg (2018). Sistema de informação financeira Ferramentas de contabilidade Retirado de: accountingtools.com.
  8. Techopedia (2018). Sistema de Informação Financeira (FIS). Retirado de: techopedia.com.
  9. Investopedia (2018). Normas Internacionais de Relato Financeiro – IFRS. Retirado de: investopedia.com.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies