Mencéfalo: características, partes e funções

Mencéfalo: características, partes e funções 1

O mesencéfalo é uma das partes mais importantes do cérebro , de várias maneiras. Por um lado, está localizado quase no centro do cérebro, ocupando parte de sua área mais profunda e, portanto, estabelece comunicação direta com muitas das principais estruturas do sistema nervoso central.

Por outro lado, é a área que une o tronco cerebral ao diencéfalo e a partes do córtex cerebral. Sem o cérebro médio, não poderíamos sobreviver.

A seguir, veremos quais são as características dessa região do cérebro, revisaremos suas principais funções e seus diferentes componentes anatômicos e veremos o que acontece quando determinadas lesões ou doenças alteram seu funcionamento.

Qual é o mesencéfalo?

O mesencéfalo é uma das partes do tronco cerebral . Está localizado em sua área superior, na ponte de Varolio (ou protuberância), e logo abaixo do diencéfalo, composto principalmente pelo tálamo e pelo hipotálamo . É a parte do tronco cerebral mais próxima do centro do cérebro, enquanto a protuberância e a medula estão mais orientadas para a medula espinhal.

Além disso, o mesencéfalo é atravessado por um canal estreito chamado aqueduto Silvio , através do qual o líquido cefalorraquidiano flui do terceiro ventrículo para o quarto. Este líquido tem a função de isolar e proteger várias estruturas do sistema nervoso.

  • Você pode estar interessado: ” Tronco cerebral: funções e estruturas “

Sua anatomia

A forma do mesencéfalo é a de um trapézio, com uma base mais estreita que a parte superior, e com o aqueduto Silvio (um pequeno canal pelo qual circula o líquido cefalorraquidiano) atravessando-o de cima para baixo.

A borda entre o mesencéfalo e o diencéfalo é marcada pelas bandas ópticas (a continuação das fibras nervosas dos nervos ópticos), enquanto seu limite inferior, que a separa da ponte Varolio, é indicado pelo sulco pontomesencefálico .

Relacionado:  Potencial de ação: o que é e quais são suas fases?

Além disso, em sua face anterior (próxima à face) pode-se distinguir uma fenda vertical chamada fossa interpeduncular , que divide dois corpos de fibras nervosas que sobem para o cérebro, chamados pedúnculos cerebrais.

Partes do mesencéfalo

As duas estruturas fundamentais que formam o mesencéfalo são o teto e o tegmento .

Tectum

Ele está localizado na área dorsal do mesencéfalo, orientada para o pescoço, e etimologicamente significa “teto”. Suas funções estão relacionadas a reações automáticas a estímulos auditivos e sonoros.

Consiste em dois pares de pacotes, um localizado em cima do outro. Esses nódulos são chamados colículos, ou termos quadrilaterais , e os superiores desempenham um papel na orientação da visão e dos olhos em relação aos estímulos visuais, enquanto os abaixo envolvem envolvimento em reações involuntárias aos sons.

Tegmentum

Na zona ventral do mesencéfalo está o tegmento. Ele contém três regiões principais, cada uma associada a uma cor: a substância negra, a substância cinzenta periacuada e o núcleo vermelho .

Substância negra

A substância negra está localizada na área superior do mesencéfalo e é distribuída em ambos os lados dessa estrutura, após a divisão dos hemisférios cerebrais. Possui muitas funções associadas, especialmente ligadas a movimentos e tônus ​​muscular .

  • Você pode estar interessado: ” Substância negra: o que é, funções e distúrbios relacionados “

Núcleo vermelho

É outro elemento importante do sistema de direção. Sua função está relacionada à coordenação de movimentos .

Substância cinza periaquedutal

A substância periacductal cinza, que, como o próprio nome indica, está localizada ao redor do aqueduto Silvio, intervém na habituação à dor e nos processos analgésicos em geral.

Funções do mesencéfalo

A localização do mesencéfalo faz com que as principais funções dessa estrutura estejam relacionadas à integração entre diferentes tipos de informações . Por um lado, coleta impulsos nervosos ligados a ordens motoras que devem ser executadas pelos músculos e, por outro, recebe dados sensoriais.

Relacionado:  Feniletilamina: características deste neurotransmissor

Da mesma forma, os tubérculos quadrigêmeos localizados no teto são responsáveis ​​por coordenar esse tipo de informação entre si, para que possam dar origem a seqüências de ação ajustadas ao que os sentidos registram em tempo real.

Por outro lado, certas regiões do mesencéfalo estão associadas a processos de regulação da consciência e do sono , sendo atravessadas pela formação reticular . O mesencéfalo também intervém nas funções homeostáticas destinadas a manter o corpo em bom equilíbrio e, portanto, por exemplo, tem um papel na regulação da temperatura corporal.

Assim, o mesencéfalo é responsável por realizar processos de importância vital para que o organismo continue funcionando, a ponto de a atividade nessa estrutura do sistema nervoso ser a que indica mais claramente se há morte cerebral ou não há .

Doenças e lesões associadas

Qualquer lesão que afete as áreas inferiores do cérebro pode atingir o mesencéfalo. As consequências desse tipo de acidente são quase sempre muito graves, causando coma ou morte .

A razão é que o mesencéfalo é uma seção do sistema nervoso cuja importância é crucial para coordenar as funções fisiológicas básicas do organismo e também serve para vários tipos de impulsos nervosos que atingem os grupos de neurônios superiores. Como o mesencéfalo atua como um elo entre muitas áreas , a presença de anomalias nessa área afeta muitas outras.

No que diz respeito às doenças que afetam essas estruturas cerebrais, as mais comuns são a doença de Alzheimer e a doença de Parkinson . Ambos são distúrbios neurológicos que interferem no funcionamento de grandes áreas do sistema nervoso, incluindo o mesencéfalo, e podem levar a problemas de mobilidade e cognição.

Deixe um comentário

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência de usuário. política de cookies, clique no link para obter mais informações.

ACEPTAR
Aviso de cookies