Por que me sinto tão cansado? 10 razões possíveis

Sentir-se constantemente cansado pode ser muito frustrante e impactar significativamente na qualidade de vida de uma pessoa. Existem diversas razões que podem explicar essa sensação de exaustão, desde problemas de saúde até hábitos de vida pouco saudáveis. Neste artigo, exploraremos 10 possíveis razões para o cansaço constante, fornecendo insights sobre como identificar e lidar com cada uma delas. Através desse conhecimento, esperamos ajudar os leitores a compreender melhor o que pode estar causando sua fadiga e encontrar soluções para recuperar sua energia e vitalidade.

Possíveis causas de extremo cansaço em uma pessoa que precisa de atenção médica.

Por que me sinto tão cansado? Esta é uma pergunta comum que muitas pessoas fazem quando estão constantemente lutando contra a fadiga extrema. Existem várias razões possíveis para esse cansaço excessivo, e é importante buscar ajuda médica para descobrir a causa e receber o tratamento adequado.

Uma das possíveis causas de extremo cansaço é a falta de sono adequado. Se você não está dormindo o suficiente, seu corpo não tem a chance de se recuperar e recarregar. Distúrbios do sono como a insônia, apneia do sono e síndrome das pernas inquietas também podem contribuir para a fadiga constante.

Outro fator que pode estar causando seu cansaço é o estresse crônico. Quando você está constantemente sob pressão, seu corpo libera hormônios do estresse que podem afetar negativamente sua energia e vitalidade. Além disso, a ansiedade e a depressão também podem causar fadiga extrema.

Problemas de saúde subjacentes, como anemia, hipotireoidismo e diabetes, também podem ser responsáveis pelo seu cansaço persistente. Essas condições médicas podem afetar diretamente seus níveis de energia e causar sintomas de fadiga.

Outras possíveis causas de extremo cansaço incluem a má alimentação, a falta de atividade física, o uso excessivo de cafeína e outros estimulantes, e até mesmo a falta de hidratação adequada. Todos esses fatores podem afetar sua energia e contribuir para a sensação de fadiga constante.

Com o diagnóstico adequado e o tratamento correto, é possível recuperar sua vitalidade e qualidade de vida.

Qual é a razão por trás do meu constante cansaço e fadiga diários?

Se você está se perguntando por que se sente tão cansado o tempo todo, existem várias razões possíveis para esse problema persistente. Aqui estão 10 causas comuns de fadiga que podem estar afetando sua energia diária:

1. Falta de sono adequado: Um dos motivos mais óbvios para o cansaço constante é a falta de sono de qualidade. Se você não está dormindo o suficiente ou se a qualidade do seu sono não é boa, é natural se sentir cansado durante o dia.

2. Estresse excessivo: O estresse crônico pode esgotar suas reservas de energia e deixá-lo constantemente exausto. Problemas no trabalho, em relacionamentos ou outras fontes de estresse podem contribuir para a fadiga.

3. Má alimentação: Uma dieta pobre em nutrientes essenciais pode deixá-lo sem a energia necessária para enfrentar o dia. Certifique-se de comer alimentos saudáveis e balanceados para manter seus níveis de energia estáveis.

4. Distúrbios do sono: Distúrbios como apneia do sono, insônia ou síndrome das pernas inquietas podem interferir na qualidade do seu sono e levar à fadiga crônica.

5. Sedentarismo: A falta de atividade física regular pode fazer com que você se sinta constantemente cansado. O exercício pode aumentar seus níveis de energia e melhorar sua disposição.

6. Problemas de saúde física: Condições médicas como anemia, hipotireoidismo ou diabetes podem causar fadiga persistente. Consulte um médico se você suspeitar que um problema de saúde esteja contribuindo para sua falta de energia.

7. Desidratação: A desidratação pode levar à fadiga e à falta de energia. Certifique-se de beber água suficiente ao longo do dia para se manter hidratado.

8. Consumo excessivo de cafeína: Embora a cafeína possa fornecer um impulso temporário de energia, o consumo excessivo pode levar a uma queda de energia posterior. Tente limitar sua ingestão de cafeína para evitar esse efeito colateral.

9. Transtornos mentais: A depressão, a ansiedade e outros transtornos mentais podem causar fadiga crônica. Busque ajuda profissional se você acha que sua saúde mental está afetando sua energia.

10. Medicamentos: Alguns medicamentos podem ter fadiga como efeito colateral. Verifique se os medicamentos que você está tomando não estão contribuindo para sua falta de energia.

Se você está constantemente cansado e não consegue identificar a causa, é importante consultar um médico para investigar possíveis problemas de saúde subjacentes. Com algumas mudanças no estilo de vida e, se necessário, tratamento médico, você pode recuperar sua energia e se sentir mais alerta e revigorado no dia a dia.

É comum sentir-se exausto e desmotivado diante das situações cotidianas e desafios da vida?

Sim, é bastante comum sentir-se exausto e desmotivado diante das situações cotidianas e desafios da vida. Muitas vezes, nos vemos lutando para encontrar energia e motivação para lidar com as demandas do dia a dia. Mas por que será que nos sentimos tão cansados?

Existem diversas razões possíveis para esse cansaço constante. Uma delas pode ser a falta de sono adequado. Se não estamos dormindo o suficiente, nosso corpo e mente não conseguem se recuperar adequadamente, levando à sensação de exaustão. Além disso, o estresse crônico também pode desempenhar um papel importante nesse quadro. Quando estamos constantemente sob pressão, nosso corpo libera hormônios do estresse que podem nos deixar esgotados.

Relacionado:  14 grandes propriedades do amendoim para a saúde

Outro fator a ser considerado é a falta de atividade física. O sedentarismo pode contribuir para a sensação de cansaço, já que o exercício físico é essencial para manter nossa energia e disposição. Uma alimentação desequilibrada também pode ser um motivo para nos sentirmos exaustos, já que uma dieta pobre em nutrientes essenciais pode afetar nossa saúde de maneira geral.

Além disso, problemas de saúde como anemia ou hipotireoidismo podem causar fadiga crônica. É importante estar atento a esses possíveis problemas e buscar ajuda médica caso seja necessário. O consumo excessivo de cafeína também pode ter o efeito contrário ao desejado, causando cansaço e irritabilidade ao invés de nos deixar mais alerta.

Por fim, é importante lembrar que o cansaço constante não deve ser ignorado. Se você se sente exausto e desmotivado com frequência, é essencial buscar ajuda profissional para investigar as possíveis causas e encontrar formas de lidar com essa situação. Cuidar da nossa saúde física e mental é fundamental para termos uma vida mais equilibrada e satisfatória.

Por que sentimos tanto cansaço ao longo do dia?

É comum nos sentirmos cansados ao longo do dia, mesmo após uma boa noite de sono. Existem diversas razões que podem explicar essa sensação de fadiga constante. Aqui estão 10 possíveis motivos para o seu cansaço:

1. Falta de sono: Um dos principais motivos para nos sentirmos cansados é a falta de sono adequado. Se não dormimos o suficiente, nosso corpo não consegue se recuperar adequadamente, resultando em cansaço durante o dia.

2. Má alimentação: Uma dieta pobre em nutrientes essenciais pode causar falta de energia e cansaço. Consumir alimentos ricos em açúcares e gorduras pode levar a picos de energia seguidos de quedas bruscas, resultando em fadiga.

3. Estresse: O estresse crônico pode esgotar nossas reservas de energia, deixando-nos constantemente cansados. A ansiedade e a pressão do dia a dia podem afetar diretamente nosso bem-estar físico e mental.

4. Sedentarismo: A falta de atividade física regular pode levar ao enfraquecimento dos músculos e do sistema cardiovascular, resultando em cansaço constante. Exercícios podem ajudar a aumentar a energia e reduzir a fadiga.

5. Desidratação: Não beber água o suficiente ao longo do dia pode levar à desidratação, o que pode causar fadiga e falta de concentração. Manter-se hidratado é essencial para manter os níveis de energia.

6. Distúrbios do sono: Distúrbios como apneia do sono, insônia e síndrome das pernas inquietas podem prejudicar a qualidade do sono, levando a cansaço durante o dia. É importante procurar ajuda médica se suspeitar de algum desses problemas.

7. Excesso de cafeína: Consumir grandes quantidades de cafeína ao longo do dia pode interferir no sono e causar fadiga. O consumo exagerado de café e outras bebidas energéticas pode levar a um ciclo vicioso de cansaço.

8. Condições médicas: Algumas condições médicas, como anemia, hipotireoidismo e diabetes, podem causar cansaço constante. Se você suspeita de algum problema de saúde, é importante consultar um médico.

9. Excesso de trabalho: Trabalhar em excesso e não tirar tempo para descansar pode levar à exaustão física e mental. É importante encontrar um equilíbrio entre trabalho e lazer para evitar o cansaço excessivo.

10. Falta de vitamina D: A deficiência de vitamina D pode causar fadiga e fraqueza muscular. Passar mais tempo ao ar livre e consumir alimentos ricos em vitamina D pode ajudar a aumentar os níveis de energia.

Se você está se sentindo constantemente cansado, é importante identificar a causa subjacente e tomar medidas para melhorar sua saúde e bem-estar. Consultar um médico pode ajudar a diagnosticar e tratar qualquer problema de saúde que esteja contribuindo para o seu cansaço.

Por que me sinto tão cansado? 10 razões possíveis

Por que me sinto tão cansado? É uma pergunta que você se perguntou várias vezes; A sensação de cansaço ou fadiga é uma das situações mais prevalentes entre as pessoas.De fato, esse fator constitui uma das razões mais frequentes para a consulta médica em diferentes partes do mundo.

Em certos momentos, os sentimentos de cansaço podem ser facilmente detectáveis ​​e justificáveis. Em períodos de alta atividade e baixo descanso, as pessoas podem se sentir mais cansadas do que o normal, mas esse sentimento é facilmente atribuível ao nível de atividade.

Por que me sinto tão cansado? 10 razões possíveis 1

No entanto, os sentimentos de cansaço podem ser devidos a muitas causas diferentes e, às vezes, podem aparecer em momentos em que não há falta de descanso.

Nessas situações, você pode perceber que se cansa mais rápido do que o normal e que é difícil acompanhar seu ritmo de vida. Além disso, você pode perceber como está cansado a maior parte do dia, independentemente do descanso anterior que fez.

Nesse sentido, a sensação de cansaço pode ser devida a patologias físicas e condições psicológicas, que causam uma alteração no funcionamento do organismo e causam o sintoma de fadiga.

Por que me sinto tão cansado? Causas possíveis

1- Distúrbios do sono

Por que me sinto tão cansado? 10 razões possíveis 2

Um dos requisitos básicos apresentados pelo organismo humano para funcionar adequadamente é a taxa de repouso.

De fato, se você não dormir e descansar adequadamente, o funcionamento do seu corpo será alterado e a sensação de cansaço aparecerá continuamente.

Nesses casos, a fadiga não se deve a nenhuma condição física, mas a uma diminuição nas horas e na qualidade do sono. Nessas situações, o cérebro responde exigindo mais descanso através das sensações do sono.

Relacionado:  11 alimentos que contêm colágeno (bom para a pele)

No entanto, embora a ausência de descanso possa ser devida a uma grande variedade de situações contextuais, um dos elementos mais relacionados a esse fator são os distúrbios do sono.

Distúrbios como apneia do sono, terror noturno, insônia ou paralisia do sono podem afetar diretamente o descanso e fazer você se sentir muito cansado durante o dia.

Nesse tipo de situação, o sentimento de fadiga deve ser tratado por sua causa, ou seja, intervindo na alteração do sono e, assim, proporcionando descanso adequado ao organismo.

2- Hipotireoidismo

A sensação de fadiga crônica e recorrente é um dos principais sintomas do hipotireoidismo. Esta condição constitui uma doença que ocorre quando a glândula tireóide gera uma quantidade insuficiente de hormônios responsáveis ​​pelo controle do metabolismo.

Essa alteração hormonal do hipotireoidismo motiva uma desregulação do armazenamento e do gasto de energia do organismo. Por esse motivo, apesar de descansar adequadamente, a sensação de cansaço pode aparecer facilmente.

De fato, o hipotireoidismo é uma das causas mais comuns de fadiga e fadiga. Normalmente, essa patologia motiva o aparecimento de outros sintomas como pele seca, prisão de ventre, intolerância ao frio, dor nas articulações, níveis elevados de colesterol no sangue ou ganho de peso.

Nesses casos, a sensação de hipotireoidismo é permanente e pode aparecer mesmo em situações de repouso prolongado. Os dois principais componentes da fadiga associados ao hipotireoidismo são:

  1. Intolerância aos esforços que motivam a pessoa a sentir fadiga, mesmo após realizar atividades de baixo desgaste.
  2. Geração de uma imagem de desânimo, sensação de falta de energia e raciocínio lento que aparece mesmo com a ausência de esforço físico e / ou mental.
  3. Anemia.

Além do sono e do descanso, o outro elemento principal que o corpo precisa para funcionar corretamente é a aquisição de energia através da ingestão de alimentos.

Nesse sentido, a anemia é uma patologia causada pela redução da concentração de glóbulos vermelhos no sangue que geralmente resulta em altos sentimentos de fadiga.

Na anemia, é gerada uma redução nas células responsáveis ​​pelo transporte de oxigênio pelo corpo. Devido a esse fator, o corpo não possui energia, fato que causa fadiga.

A sensação de fadiga associada à anemia pode ser detectada pelo aparecimento de outros sintomas relacionados a essa condição, como: pele pálida, perda de sangue, intolerância a esforços moderados ou pequenos e aceleração da freqüência cardíaca em repouso.

Além da anemia, o desempenho de alimentos inadequados ou insuficientes também pode causar sensação de cansaço devido à falta de energia.

4- Diabetes mellitus

Por que me sinto tão cansado? 10 razões possíveis 3

O diabetes mellitus é outra condição metabólica fortemente relacionada aos sentimentos de cansaço.

Essa patologia é causada pela incapacidade do organismo de transportar a glicose presente no sangue para as células. A glicose é uma substância de importância vital para gerar energia; portanto, quando não funciona adequadamente, o nível de energia tende a diminuir.

De fato, sem glicose, as células do corpo não têm a comida necessária e seu funcionamento diminui. Esse fator geralmente se traduz diretamente com uma maior propensão à fadiga e sentimentos de fadiga.

Casos de cansaço excessivo devido ao diabetes mellitus geralmente são caracterizados por apresentar outros sintomas da patologia. Os principais são:

  1. Sensação excessiva de sede ao longo do dia.
  2. Precisa urinar excessivamente ao longo do dia.
  3. Perda de peso apesar do aumento do apetite.

Da mesma forma, a sensação de fadiga causada pelo diabetes mellitus geralmente se torna especialmente perceptível em crianças e pessoas com excesso de peso.

5- Insuficiência cardíaca

A insuficiência cardíaca é uma doença caracterizada por gerar uma incapacidade do coração de bombear o sangue adequadamente para diferentes regiões do corpo.

Esta condição é causada principalmente por uma alteração no coração, que tem um funcionamento anormalmente fraco que o impede de satisfazer a demanda de energia que o corpo exige.

As principais causas desta doença são infarto do miocárdio, pressão alta, doenças das válvulas cardíacas e alcoolismo. Além disso, entre seus principais sintomas, aparece a sensação de fadiga crônica.

A insuficiência cardíaca pode ter graus variados de gravidade e, portanto, diferentes sintomas e manifestações. Em geral, argumenta-se que quanto mais grave a doença, maior a sensação de cansaço que a pessoa experimenta.

Os casos de cansaço por insuficiência cardíaca costumam ser caracterizados pela apresentação de outros distúrbios, dentre os quais se destacam o inchaço nas pernas e a falta de ar que piora quando deitado.

6- Insuficiência renal

Por que me sinto tão cansado? 10 razões possíveis 4

A insuficiência renal é uma patologia caracterizada por experimentar uma perda notável de funcionalidade nos rins. Esses órgãos são responsáveis, entre outras coisas, por filtrar toxinas do sangue e controlar o volume de água do corpo.

A insuficiência renal crônica pode ser causada por um grande número de condições. Os mais prevalentes são: hipertensão, diabetes mellitus, doença renal policística, doenças glomerulares, infecções do trato urinário, cálculos renais recorrentes e doenças da próstata.

Devido à função de filtração realizada pelos rins, a alteração de sua funcionalidade pode ter impacto em múltiplas atividades fisiológicas.

Nesse sentido, a insuficiência renal crônica geralmente gera sintomas como anemia sem causa aparente, perda de apetite, pressão alta, inchaço nas pernas e cansaço recorrente.

Relacionado:  Hiposmia: características, causas e tratamentos

7- Outras doenças físicas

Por que me sinto tão cansado? 10 razões possíveis 5

Além dos discutidos acima, sentimentos de cansaço podem ser produzidos por uma ampla variedade de situações e patologias físicas. De fato, a maioria das alterações funcionais do organismo pode levar a manifestações de fadiga.

Entre as mais prevalentes estão varizes, insuficiência venosa dos membros inferiores, câncer, fibromialgia, patologias hepáticas, doenças autoimunes, tuberculose, monucleose, doenças das glândulas supra-renais e fluxo gastroesofágico.

Da mesma forma, condições não patológicas como a gravidez também estão geralmente relacionadas a uma maior propensão ao cansaço e fadiga.

8- Síndrome de fadiga crônica

Por que me sinto tão cansado? 10 razões possíveis 6

Embora várias condições físicas possam gerar sentimentos de cansaço, muitos casos de pessoas que estão excessivamente cansadas não têm uma causa específica.

Nesse sentido, aparece a síndrome da fadiga crônica, uma doença relativamente desconhecida que causa fadiga persistente e presença de dificuldades cognitivas.

Essa patologia é caracterizada principalmente pela ausência de fatores causais. Ou seja, a pessoa com síndrome da fadiga crônica não mostra nenhuma alteração nos exames físicos e complementares que possam explicar os sentimentos de fadiga que ela experimenta (ou outros sintomas).

A síndrome pode afetar gradualmente os sistemas imunológico, neurológico, cardiovascular e endócrino. É caracterizada por causar altos sentimentos de fadiga, febre, intolerância à luz, mau som e sono, além de grandes alterações na temperatura corporal, dores de cabeça e dores musculares.

O aparecimento dessa condição pode ser repentino, aparecendo de maneira semelhante a um surto viral, embora também possa apresentar um início insidioso.

É comum que a síndrome da fadiga crônica apareça após um período de estresse emocional, um acidente com trauma ou intoxicação grave. Seu curso é caracterizado por ser crônico e progressivo.

Manifestações são muitas vezes complicadas de detectar. Pessoas com essa condição geralmente relatam sentir como se tivessem contraído “uma gripe que nunca cura”.

A sintomatologia é muito variável em cada caso no que diz respeito ao seu grau de gravidade e sua apresentação temporal. Os sintomas podem variar de estados prolongados de fadiga, com vários sintomas semelhantes aos da gripe, até experimentar uma multiplicidade de manifestações que podem afetar o corpo inteiro.

9- Consumo de drogas

Por que me sinto tão cansado? 10 razões possíveis 7

O uso prolongado e / ou excessivo de drogas também pode relatar, como efeito colateral, a experimentação de altos sentimentos de cansaço e fadiga. Os principais são:

Remédios para regulação arterial

Estes medicamentos são utilizados para baixar a pressão sanguínea nos vasos sanguíneos. Alguns desses medicamentos são ellisinoprila, amlodipina, didroclorotiazida, furosemida e metoprolol.

O consumo desses medicamentos aliviou a ação do coração, deprime o sistema nervoso central e pode causar sentimentos de cansaço acima do normal.

Estatinas e fibratos

Esses medicamentos são usados ​​para tratar o colesterol alto. As estatinas mais conhecidas são atorvastatina, sinvastatina e rosuvastatina, e o fibrato mais comumente usado é o fenofibrato.

As estatinas eliminam a produção de certas células nos músculos, parando seu crescimento. Segundo alguns estudos, esses medicamentos também interagem com a produção de energia no nível celular, de modo que seu consumo pode causar fadiga.

Inibidores da bomba de prótons

Esses medicamentos são usados ​​para tratar o refluxo e distúrbio gastroesofágico semelhantes. O mais conhecido com esomeprazol, lansoprazol e pantoprazol.

Quando consumidos por um longo período, esses medicamentos podem reduzir o nível de magnésio no sangue, causar perda de apetite e causar sensação de cansaço, fadiga e fraqueza.

Benzodiazepínicos

Os benzodiazepínicos são drogas psicoativas ansiolíticas que são usadas principalmente para tratar distúrbios de ansiedade. Os mais utilizados são alprazolam, diazepam, lorazepam e clonazepam.

Esses medicamentos diminuem a atividade de certas regiões do sistema nervoso, gerando sentimentos de sedação e diminuindo o nível de energia do corpo.

Anti-histamínicos

Os anti-histamínicos são medicamentos usados ​​para prevenir ou intervir nos sintomas alérgicos, além de tratar condições como tontura, náusea, vômito ou ansiedade.

Esses medicamentos geralmente geram sedação, sensação de cansaço e sonolência. Além disso, às vezes eles podem causar tonturas e fraquezas.

10- Estresse e depressão

Por que me sinto tão cansado? 10 razões possíveis 8

Por fim, é necessário ter em mente que não apenas alterações físicas podem causar sentimentos de cansaço. De fato, os distúrbios psicológicos podem ser responsáveis ​​por muitos casos de fadiga.

Nesse sentido, a depressão e outras alterações de humor recorrentemente, sentimentos excessivos de cansaço. Por outro lado, hoje está bem documentado que o estresse é um dos principais fatores causadores das sensações de fadiga.

Referências

  1. Bower JE, Bak K, Berger A, Breitbar W, Escalante CP, Ganz PA, et al. Triagem, avaliação e controle da fadiga em adultos sobreviventes de câncer: adaptação da diretriz de prática clínica da Sociedade Americana de Oncologia Clínica. J Clin Oncol 2014; 32 (17): 1840-51.
  2. Lertzman M, Wali S, Kryger M. A apneia do sono é um fator de risco para uma má condução. CMAJ. 1995; 153: 1063-1068.
  3. Prieto JM, Blanch J, Atala J, Carreras E, Rovira M, Cirera E, et al. Fatores clínicos associados à fadiga em pacientes com câncer hematológico submetidos a transplante de células-tronco. Eur J Cancer 2006; 42 (12): 1749-55.
  4. Sagberg Fridul V. Acidentes de viação causados ​​por motoristas que dormem. Análise e Prevenção de Acidentes. 1999; 31: 639-649.
  5. Irvine D, Vincent L, Graydon JE, Bubela N, Thomson L. A prevalência e os correlatos de fadiga em pacientes recebendo tratamento com quimioterapia e radioterapia: uma comparação com a fadiga experimentada por indivíduos saudáveis. Cancer Nurs 1994; 17 (5): 367-78.

Deixe um comentário